Games
Games
Digital Drops Blog de Brinquedo

SoulCalibur: Lost Swords – o game que ninguém consegue jogar

Por em 24 de abril de 2014

soulcalibur-lost-swords

A Bandai Namco games está investindo pesado em games free-to-play que buscam outras formas de monetização além de vender o jogo completo ou o DLC. O caso de Tekken Revolution, que vende créditos para os que não querem esperar minutos (ou horas) pelo respawn das fichas se mostrou um sucesso,  e logo o estúdio anunciou que tentaria replicá-lo com outros games novos e franquias consagradas, como a nova IP recém-anunciada Rise of Incarnates, no futuro lançamento Ace Combat Infinity e em SoulCalibur: Lost Swords, que chegou ao ocidente nesta terça-feira.

continue lendo

emGames Sony

SOE detalha microtransações do H1Z1

Por em 24 de abril de 2014

h1z1

Se você se interessou pelo H1Z1, novo MMO pós-apocalíptico da Sony Online Entertainment, mas ficou preocupado com o fato de que ele será distribuído gratuitamente, o presidente do estúdio explicou alguns pontos sobre o modelo de negócios e imagino que eles servirão para deixá-lo um pouco mais calmo.

De acordo com John Smedley, apesar do jogo contar com a venda de itens que poderão ser utilizados pelos personagens, como roupas, eles não venderão armas, munição, água ou comida, algo que na opinião dele faria com que o título não prestasse.

continue lendo

emGames MMO

Zuckerberg quis testar o HMD da Sony antes de comprar a Oculus VR

Por em 24 de abril de 2014

project-morpheus

No final do mês passado o Facebook surpreendeu muita gente ao anunciar a compra da Oculus VR, empresa que está tentando vender ao mundo a ideia de que a realidade virtual é o futuro do entretenimento, mas o que poucos sabiam é que antes de baterem o martelo, Mark Zuckerberg solicitou à Sony uma demonstração do Project Morpheus.

A revelação foi feita durante a Games Marketing Summit por Guy Longworth, executivo de marketing do PlayStation, que na ocasião ficou bastante curioso em saber porque o criador do Facebook estava interessado no Head-Mounted Display, o que só se tornou claro uma semana depois, quando a aquisição foi oficializada.

continue lendo

emGames Sony

Ace Combat Infinity ganha data para chegar ao PS3

Por em 24 de abril de 2014

Ace-Combat-Infinity

Planejado para chegar ao PlayStation 3 no final do ano passado, o que infelizmente não aconteceu, a Bandai Namco enfim divulgou a data de lançamento do Ace Combat Infinity e a menos que algo dê errado até lá, o jogo será disponibilizado no dia 27 de maio.

O que tem chamado a atenção para este capítulo da série é o fato de que ele será distribuído gratuitamente e quem teve a oportunidade de testá-lo garante que a produtora conseguiu criar um excelente título, com as microtransações estando longe de ser algo irritante ou desmotivador.

continue lendo

emGames Sony

Another World poderá ser lançado para consoles e portáteis

Por em 24 de abril de 2014

another-world

Eu costumo dizer que existem dois títulos que me fizeram passar a enxergar os games de forma diferente, o Flashback e o Another World. Curiosamente ambos possuem um estilo parecido, mas o que me chamou a atenção na época era a maneira como eles passavam uma imagem mais artística, especialmente a criação de Eric Chahi.

Pois se a informação do órgão de classificação etária da Alemanha estiver correta, em breve teremos a oportunidade de jogar a aventura de Lester Knight Chaykin novamente, mas dessa vez nos consoles e portáteis.

continue lendo

emGames Microsoft Museu Nintendo Portáteis Sony

Brasil, o novo paraíso para os jogos free-to-play

Por em 24 de abril de 2014

dota-2

Com a atenção dada por Sony e Microsoft ao Brasil (a Nintendo em menor escala), além de muitos jogos chegando ao país em português, nosso mercado tem crescido a olhos vistos, mas de acordo com a empresa de pesquisa de mercado, Interpret, são os jogos gratuitos que mais tem aproveitado essa oportunidade.

Segundo um levantamento realizado por eles, hoje cerca de 51,5 milhões de brasileiros entre 13 e 65 são gamers e desses, 17 milhões, ou 33%, costumam se dedicar aos free-to-play.Tal número seria 20% superior ao registrado no ano anterior, mostrando que o modelo de negócios tem ganhado força, mas o que mais impressiona é a quantidade de dinheiro que essas pessoas deverão gastar nesses jogos, algo em torno de US$ 470 milhões.

continue lendo

emComputadores Games Indústria

China acaba com ban de consoles, mas censura segue firme e forte

Por em 23 de abril de 2014

china-console-sales

Que a China é um país bipolar todo mundo já está careca de saber. Apesar de seu uma das economias que mais cresce no mundo a rigor é uma nação socialista, que abomina o consumismo mas se alimenta e lucra com ele. Se analisarmos a fundo o fato do país ser o grande pólo produtor de tecnologia do mundo não faz o menor sentido se sua própria população não pode consumir o que fabrica. A Apple levou muito tempo para conseguir vender os iPhones que a Foxconn produz lá.

Quando analisamos o mercado de games então as coisas ficam ainda mais bizarras: desde 2000 o governo chinês possuía um banimento formal do consumo de consoles de videogame no país, como forma de “proteger a juventude e evitar que eles desperdicem suas vidas”. Por outro lado Sony, Microsoft e Nintendo fabricam seus consoles no país. Somente agora Pequim suspendeu totalmente o ban, mediante transferência das empresas para o pólo industrial de Xangai. Entretanto o governo não afrouxou a coleira tanto assim, pois sem nenhuma surpresa os games terão que ser avaliados pelos censores antes de serem vendidos.

continue lendo

emCultura Gamer Games Indústria Microsoft Nintendo Sony