Mobile
Mobile
Digital Drops Blog de Brinquedo

Prynt, um case que transforma seu smartphone numa Polaroid

Por em 28 de janeiro de 2015

prynt-001

Tudo bem, a gente sabe que embora não seja a regra hoje em dia muita gente gosta de tirar suas fotos em máquinas que as imprimem automaticamente, como as Polaroids. Isso explica o fascínio que a marca exerce ainda hoje entre entusiastas e amadores.

Problema: nem todo mundo tem dinheiro para adquirir uma câmera do tipo, por outro lado todos possuem smartphones. É aí que entra o Prynt, um case que imprime suas fotos na hora – com algumas coisinhas adicionais.

continue lendo

emAcessórios Computação móvel Hardware Mercado Planeta Sem Fio

Revista Sports Illustrated demite seus últimos fotógrafos

Por em 26 de janeiro de 2015

Night Baseball in Milwaukee August 16, 1954 X 1388 Credit: Mark Kauffman

Chegamos ao ponto em que quase tudo voltado para a mídia está em transição. Revistas e jornais não vendem mais como antigamente e cobrar por conteúdo informativo na internet tem se mostrado uma coisa não muito viável. A notícia se internacionaliza com uma grande velocidade, e ler sobre um assunto velho em uma revista mensal pode ser a receita para o fim. Da mesma forma a fotografia como um todo (seja profissional ou não) também mudou. Temos ainda um grupo de fotógrafos espetaculares trabalhando para os grandes meios de comunicação, mas o fotógrafo menos capacitado também está ganhando seu espaço. Os equipamentos fotográficos digitais evoluíram a um ponto em que garantem que qualquer pessoa consegue fazer uma foto, no mínimo, aceitável. Por isso que vemos a mídia profissional tentar reestruturar suas finanças demitindo fotógrafos experientes e apostando em outros menos capacitados e mais baratos. Foi assim com a CNN em 2011 e com o Chicago Sun-Times em 2013.

Agora é a vez da revista Sports Illustrated entrar para esse cenário negro. O editor da revista acaba de anunciar a demissão dos últimos 06 fotógrafos que faziam parte da equipe editorial da publicação.
continue lendo

emÁudio Vídeo Fotografia Destaques Notícias

Fotógrafo processa Nike por quebra de direitos autorais

Por em 24 de janeiro de 2015

Olha só que caso espinhoso. Todo mundo conhece a Nike. Todo mundo conhece Michael Jordan. E todo mundo já deve ter visto, mesmo que não ligou uma coisa a outra, o logotipo Jumpman que a Nike utiliza para vender a linha de materiais esportivos ligados ao nome de Michael Jordan. Mas, acho que poucos conhecem o fotógrafo Jacobus Rentmeester. Esse rapaz acaba de entrar com um processo de quebra de direitos autorais contra a Nike por conta justamente do logotipo acima citado.

Em 1984 o fotógrafo registrou uma das primeiras fotos de Jordan fazendo seu famoso salto para a revista Life. A foto foi publicada em uma página dupla e, para realizá-a, o fotógrafo se utilizou de uma Hasselblad e flash estroboscópico. A foto, do jeito que foi publicada na revista, está representada abaixo.

jordan_Nike_direitos_autorais

Aproveitando a incrível qualidade da foto, a Nike pagou em agosto de 1984 para o fotógrafo a quantia de US$ 150,00 para utilização temporária da imagem em suas campanhas publicitárias. Até ai tudo bem, mas agora o caso fica um pouco mais complicado.
continue lendo

emÁudio Vídeo Fotografia Destaques Notícias

Câmeras mais utilizadas no Flickr — Apple ultrapassa Nikon e chega ao 2º lugar

Por em 21 de janeiro de 2015

iphone_no_flickr

Tem gente que odeia o Flickr, e tem gente que ama. Eu me encontro no meio termo, pois é o único site de compartilhamento de fotos que tenho paciência de atualizar. Minha conta já vai para 10 anos de existência (as primeiras fotos que postei foram feitas com filme 35 mm escaneados) e não cheguei a 800 fotos compartilhadas. Tem gente que compartilha isso em em apenas 1 mês. O site pode ter umas mancadas e alguns lances nebulosos na política de direitos autorais, mas temos que respeitar um lugar que sobrevive apenas de fotógrafos. Embora existam alguns turistas por lá, a grande maioria dos fotógrafos de fim de semana nem conhece o serviço. Tenho bons amigos por lá e acesso o Flickr todo dia para ver a produção fotográfica da galera.

Resumindo, essa é a minha relação com o serviço, mas o Flickr também mantém um blog que nos mostra algumas informações interessantes sobre fotografia e também sobre o que está acontecendo dentro das comunidades. Uma informação que acho interessante, e possível se acessada a qualquer hora, é o ranking de câmeras utilizadas no Flickr. É possível saber quais os modelos mais utilizados, o posicionamento dos fabricantes e até dividir as estatísticas por categorias. Desde que os smartphones passaram a utilizar no arquivo o EXIF em suas fotos foi possível que esses aparelhos começassem a aparecer nessas listas.

Já faz algum tempo que o iPhone (e também a linha Galaxy da Samsung) vem se destacando nesse ranking. Nos últimos dois anos o iPhone se tornou a câmera mais utilizada dentro do Flickr. Porém, os dois primeiros postos de fabricantes ainda estavam com Canon e Nikon. Isso ocorre pelo fato de que os gigantes japoneses da fotografia possuem centenas de modelos pulverizados pelas estatísticas e, quando somados, garantem essa liderança. Porém, na última atualização dessas estatísticas algo mudou.
continue lendo

emÁudio Vídeo Fotografia Equipamentos Mercado

Filmes fotográficos da época da 2ª Guerra são encontrados e mostram conteúdo espetacular

Por em 20 de janeiro de 2015

filmes_2º_guerra

Já ouvimos histórias parecidas com essa nos últimos anos. Negativos perdidos de um momento importante da história do século XX são encontrados e demonstram conteúdo relevante para entendermos o dito período. Aliás, fica aqui uma observação. Enquanto fotografias digitais são perdidas aos milhares em HDs ou cartões de memórias defeituosos, as cópias em negativo ou papel de décadas atrás se mantém firmes e fortes, sofrendo a ação do tempo, é claro, mas ainda testemunhos impressionantes da nossa história, seja social ou familiar.

Dentro desta visão, é bacana descobrir que existem projetos como o The Rescued Film. Capitaneado pelo fotógrafo Levi Bettweiser, o objetivo do projeto é procurar pelo mundo filmes ainda não revelados, de qualquer tema ou qualquer idade, e trazer essas fotos ao conhecimento do público. Claro que muito do que é encontrado é apenas registro familiar (eu mesmo encontrei alguns rolos de negativos não revelados na última faxina do estúdio), mas algumas surpresas ainda podem ser encontradas.

Uma delas aconteceu no final de 2014. Ele adquiriu em um leilão em Ohio 31 rolos de filmes preto e branco que foram utilizados por um soldado durante a 2º Guerra Mundial. Não havia indicação do nome do soldado que fez as fotos e nem as datas específicas, mas vários dos rolos estavam marcados com nomes de locais, como Boston Harbor, Lucky Strike Beach, LaHavre Harbor. É o tipo de coisa que você acaba comprando sem saber no que vai dar. Os negativos podem estar em perfeitas condições, ou não.

Segundo Bettweiser o primeiro rolo a ser revelado é sempre o mais angustiante, pois ele pode ser uma indicação do estado de conservação do lote inteiro. Felizmente, ele foi bem sucedido e revelou uma quantidade enorme de imagens que mostram um pouco do cotidiano das tropas durante o período. Com certeza um tesouro histórico inestimado. O próprio Levi Bettweiser gravou um vídeo fantástico de 10 minutos sobre essa aventura que pode ser encontrado na página do projeto.
continue lendo

emÁudio Vídeo Fotografia Destaque Destaques Notícias

Momento descontração — como perder um drone de US$ 2.900,00

Por em 14 de janeiro de 2015

Drones, um dia você vai ter um. Estou falando com você que trabalha profissionalmente (ou é um entusiasta endinheirado) com fotografia ou vídeo. Todo mundo está oferecendo o serviço atualmente e tenho visto coisas bacanas sendo feitas com as pequenas máquinas, mas também uma quantidade absurda de coisas bizarras. Vamos usar o drone para mostrar que temos, e não importa que não exista estética ou lógica alguma na imagem. É a tecnologia pela tecnologia. Mas, como toda nova tecnologia, existem perigos envolvidos na coisa. Ainda mais quando um pequeno robô por controle remoto está voando sobre sua cabeça. Enquanto o Brasil não se torna um local mais civilizado com leis que regulamentem o uso amador e profissional destes brinquedos, nos resta ver, chorar e rir dos acidentes que se proliferam no YouTube.

djiinspire1

No caso de hoje vamos falar de um DJI Inspire 1 que se mostra um arrojado drone para filmagens e fotos em 4K que custa a bagatela de US$ 2.900,00. O seu feliz proprietário Mark Taylor, que trabalha no ramo imobiliário em Scottsdale, Arizona, comprou o brinquedo para fazer imagens das casas que estava vendendo.

Comercializado como um drone de fácil operação, o DJI Inspire 1 vem com o sistema de auto decolagem e auto pouso, ou seja, ao acionar apenas um botão o drone pode decolar ou pousar automaticamente. Uma mão na roda para quem nunca se utilizou do equipamento. Porém, Mark estava notando flutuações estranhas na estabilidade do equipamento quando o sistema automático era acionado, o que deixava o drone voando a deriva. Então, para comprovar se havia algum problema e pedir orientações ao fabricante, ele decidiu filmar as decolagens do DJI. Infelizmente, na gravação abaixo, o drone ficou muito a deriva e foi de encontro com a porta da garagem. É apenas um robô de 6,5 kg e quase 3 mil dólares se chocando contra uma parede. Pode parecer dramático para o dono, mas para quem está de fora foi até interessante.
continue lendo

emÁudio Vídeo Fotografia Equipamentos

Apple patenteia Action Cam e derruba ações da GoPro

Por em 14 de janeiro de 2015

gopro-hero4-black

A gente sabe muito bem que a Apple tem muito poder sobre seus entusiastas. Mesmo que seus produtos apresentem falhas uma ou outra vez (como qualquer outro, nada é perfeito em tecnologia), seus usuários defenderão a empresa com unhas e dentes, adquirindo seus gadgets mesmo que eles custem os olhos da cara… ou mais.

Por isso toda vez que Cupertino dá indícios de que vai entrar em um mercado diferente as coisas ficam um pouco agitadas, e dessa vez quem sofreu um belo revés por pura especulação financeira foi a GoPro.

continue lendo

emAcessórios Apple e Mac Áudio Vídeo Fotografia Destaques Equipamentos Hardware Mercado Miscelâneas Planeta Sem Fio