Fotografia
Fotografia
Digital Drops Blog de Brinquedo

Estúdio Evolution 2014

Por em 25 de setembro de 2014

estudio_evolution

Fotógrafos profissionais devem estar sempre a procura de novas inspirações, técnicas e vertentes. Ficar parado é receita quase certa para perder mercado. Infelizmente, para ganhar dinheiro na fotografia, você deve estar ligado nas modinhas que se sucedem no mercado. Para isso temos diversas opções no mercado e, com certeza, a que mostra melhor custo benefício são os Congressos de Fotografia. Você paga um valor relativamente baixo e consegue palestras com grandes profissionais da área e sobre temas variados. Já participei de alguns e no geral o ganho foi muito positivo.

Dentre os congressos que já se tornaram tradição, temos o Estúdio Evolution, que vai acontecer mais uma vez em São Paulo entre os dias 03, 04 e 05 de novembro no Teatro das Artes no Shopping Eldorado. Eu, particularmente, não gosto muito do local por conta da localização, mas é um local muito confortável e atende todas as necessidades do evento. O evento é organizado pela iPhoto Editora e segue a receita tradicional de unir profissionais nacionais da fotografia em um esquema de palestras com temas diversos. Aliás, uma das grandes políticas da editora é sempre apostar em profissionais brasileiros da fotografia, seja nos DVDs ou eventos. Isso muito me agrada, pois nem sempre um palestrante internacional entende a nossa realidade.

Teremos vários temas para as palestras, lembrando que o foco principal do evento é  fotografia de estúdio. Passaremos pela parte de gerenciamento, marketing, book sensual, ensaio de animais, fotografia de produtos e muito mais. Vejam abaixo a programação completa.

Primeiro dia – 03 de novembro.

13 h – 14:30 | Newborn – poses e composição em ensaios de recém-nascidos – Paloma Schell
15 h – 16:30 | Iluminação de pessoas em estúdio – Brasilio Wille
16:45 – 18 h | Marketing e atendimento para fotógrafos – Renato dPaula
18:30 – 20 h | Criatividade em ensaios externos – Junior Luz

Segundo dia – 04 de novembro.

09 – 10:30 | A fotografia pelas lentes de Bob Wolfenson – Bob Wolfenson
11 – 12:30 | Técnicas de direção e pose em estúdio – Simone Di Domenico
14 – 15:30 | Ensaio de gestantes, crianças e famílias – Rogério Ehrlich
16 – 17:30 | Fotografando produtos em estúdio – Diego Rousseaux
18 – 19:30 | Book sensual – Drausio Tuzzolo

Terceiro dia – 05 de novembro.

09 – 10:30 | Ensaios de família – retratos da vida real – Danilo Siqueira
11 – 12:30 | Gestão financeira para fotógrafos – Rafael Schveitzer
14 – 15:30 | Fotografia de bichos de estimação em estúdio – Ana Carolina e Manoela Trava Dutra
16 – 17:30 | Os segredos da maquiagem para ensaios fotográficos – Fernando Torquatto

Se interessou pelo evento? Então corre para se inscrever. Você tem que acessar o site oficial do Estudio Evolution 2014 e aproveitar o valor de R$ 649,00 até o dia 05 de outubro. Depois desta data existem reajustes no preço.

O MeioBit Fotografia vai estar lá fazendo a cobertura completa do evento.

emÁudio Vídeo Fotografia Notícias

MeioBit no Flickr – Fotos da Semana

Por em 25 de setembro de 2014

Estamos aqui mais uma vez para escolher as quatro melhores fotos da semana em nosso grupo do Flickr. Lembrando que as fotos são escolhidas perante a visualização, não tendo nenhuma influência o nome do membro ou o tipo de câmera que foi utilizada. Quando essas informações estão presentes elas são publicadas apenas como mais um indicador.

Atenção. O Flickr mudou a forma como as imagens são mostradas ao serem compartilhadas em um site. Agora, fora a foto selecionada, é possível dar uma olhada em outras fotos da galeria clicando nas flechas nos cantos da imagem.

As fotos da semana são escolhidas entre as imagens postadas em nosso grupo no Flickr. Já temos 2.233 participantes e um total de 53.738 itens compartilhados.

ATENÇÃO: pessoas que não permitem o compartilhamento de imagens no Flickr podem mandar suas imagens para nosso grupo sem problema, mas ficam impossibilitadas de participar da escolha semanal de fotos.

Cinco Maiores Colaboradores

01 – Carlos Chibata;

02 – Pmenge;

03 – Sandra Mora;

04 – Malcoln de Oliveira;

05 – Dudu Maroja.

continue lendo

emÁudio Vídeo Fotografia Foto da Semana

Polícia japonesa confisca 1.500 sapatos-câmera de tarados voyeur

Por em 24 de setembro de 2014

9909-620x-japaneseupskirtcosplay

O Japão é um país incrível em diversos aspectos. Mesmo assolado com furacões tsunamis terremotos e kaijus, mesmo com um passado belicoso e sendo odiados por todos os vizinhos, os japoneses conseguiram criar uma sociedade invejável, com respeito aos mais velhos, paixão por ciência e tecnologia e admiração pelo trabalho. As duas explicações mais prováveis são que ou os japoneses são aliens ou visitantes de um futuro utópico, quase Star Trek.

O que não bate é que no meio disso tudo são o povo mais sexualmente complicado do planeta. Os japoneses têm perversões que escandalizariam qualquer sueca de revistinha idem. Lembre-se, as máquinas vendendo calcinhas usadas de colegiais não são uma lenda urbana. Essa sexualidade reprimida estoura, claro, na mão das mulheres, que entre milhares de preocupações (incluindo tentáculos) precisam andar se protegendo de tarados que gostam de fotografar suas… partes. O problema é tão grave que há patrulhas nas estações de metrô e celulares são legalmente obrigados a fazer barulho quando batem fotos.

Agora a polícia de Kyoto prendeu um sujeito, dono de uma loja de sapatos (não era o Al Bundy) que vendia os Tosatsu Shoes, isso aqui:
continue lendo

emÁudio Vídeo Fotografia Hardware Mundo Estranho Notícias

Prêmio Brasil de Fotografia – inscrições abertas

Por em 23 de setembro de 2014

E chegou mais uma edição do Prêmio Brasil de Fotografia. Esse é um daqueles concursos em que muitos possuem medo de participar, pois exige algo a mais do que a fotografia em si. É preciso ter um conceito, trabalhar uma mensagem, ser original. Ou seja, é preciso produzir arte. Infelizmente a maioria dos fotógrafos que conheço atualmente está mais interessado na parte técnica e nas toneladas de equipamentos que podem comprar e se esquecem que usar o cérebro é, pelo menos no trabalho artístico, mais importante do que a técnica. Infelizmente muitos esquecem que fotografia não é arte, mas ela pode ser utilizada para fins artísticos (pega essa você fotógrafo comercial que usa a palavra arte em toda propaganda e descrição do seu produto).

Mas, voltando ao Prêmio Brasil de Fotografia, a disputa existe desde o ano 2000 e começou com o nome de Prêmio Porto Seguro de Fotografia. Em 2012 o nome foi trocado e passou a não apresentar mais um tema específico, deixando a escolha das fotos livre para os autores. Segundo o site oficial do concurso, o objetivo do prêmio é funcionar como um canal de apresentação da produção fotográfica autoral brasileira, possibilitando o ingresso de um maior número de fotógrafos nacionais preocupados com a pesquisa de linguagem. Aliás, a chave para a participação é especificamente a fotografia autoral, essa desconhecida tão pouco compreendida pela maioria dos iniciantes na fotografia.

Existem três formas de participação no Prêmio Brasil de Fotografia. A primeira é o Ensaio Fotográfico. Para essa categoria serão aceitos ensaios ou séries que formem um conjunto entre oito e doze imagens sobre o mesmo tema caracterizando uma linguagem fotográfica de cunho autoral. Não há restrição quanto à forma de captação de imagem ou aos métodos de pós-produção. Essa categoria tem que ser entregue impressa via correio. A segunda forma é a categoria Ensaio Fotográfico Multimídia onde serão aceitos  trabalhos em formatos digitais, tanto para uma série quanto para peças únicas, desde que a forma apresentada seja o suporte de finalização do trabalho. Neste caso a inscrição é pelo site. E por fim existe o Prêmio Brasil Fotografia Bolsa que se destina ao desenvolvimento de um projeto fotográfico no período de 6 meses.

Os prêmios para quem quiser participar são bem convidativos. Serão premiados:

a) 01 Prêmio Brasil Fotografia Especial – Aquisição, no valor de R$ 50.000,00 (cinquenta mil reais).

b) 02 Prêmios Brasil Fotografia Ensaios – Aquisição, no valor de R$ 35.000,00 (trinta e cinco mil reais) cada.

c) 02 Prêmios Brasil Fotografia Bolsa para desenvolvimento de projeto -Aquisição no valor de R$ 20.000,00 (vinte mil reais) cada.

d) 01 Prêmio Brasil Fotografia Revelação - Aquisição, no valor de R$ 15.000,00 (quinze mil reais).

Para participar é só dar uma olhada no regulamento e nas fichas de inscrição no site do concurso e fazer a sua inscrição, independente da categoria, até o dia 19 de outubro.

premio_brasil_fotografia

emÁudio Vídeo Fotografia Concursos Notícias

Astronomy Photographer of the Year – Vejam os Vencedores

Por em 22 de setembro de 2014

Astrofotografia é um tema que muito me agrada. Eu mesmo já tentei algumas experiências com alguns resultados positivos (e muitos negativos). Mas, o interessante é que você está sempre aprendendo novas coisas, procurando novos lugares para fazer suas fotografias e, o mais importante, contemplando o espaço e as estrelas. Garanto que é uma forma de terapia muito efetiva.

Para a alegria de quem gosta de fotografar as estrelas, todos os anos o Royal Observatory Greenwich e a revista  Sky at Night Magazine organizam o concurso Astronomy Photographer of the Year, com o objetivo de difundir essa arte e ampliar as fronteiras do conhecimento. Embora a maior parte dos fotógrafos que desenvolvem a astrofografia o façam por hobby, as imagens vencedoras deste ano são surpreendentes. A competição é dividida em duas categorias: Adultos e Jovens Fotógrafos. Cada um poderia mandar até 5 fotos e a única condição é que a foto não tenha ganho outros concursos ou tenha sido publicada em alguma agência de notícia. Essa parte do regulamento é interessante, pois força os fotógrafos a estarem produzindo novo material sempre.

O concurso é dividido em algumas categorias bem interessantes, entre elas podemos destacar:

  • Earth and Space – fotografias de paisagens da Terra, ou com pessoas, mas que envolvam fenômenos astronômicos (estrelas ou fases da Lua)
  • Our Solar System – Fotos do Sol, planetas, luas e asteroides.
  • Deep Space – Qualquer coisa fora do Sistema Solar, como galáxias, cometas e nebulosas;
  • Young Astronomy Photographer of the Year – para menores de 16 anos e valem fotos que estejam em qualquer uma das categorias anteriores.

Vejam abaixo alguns dos vencedores.

Glendhu-Stairways-©-Chris-Murphy

Glendhu Stairways-© Chris Murphy – paisagem na Nova Zelândia. Foto vencedora do prêmio Sir Patrick Moore para melhor revelação.

The-Horsehead-Nebula-IC-434-©-Shishir-Shashank-Dholakia

The Horsehead Nebula IC 434 ©-Shishir e Shashank Dholakia – os irmãos gêmeos de 15 anos venceram a categoria de Jovem Fotógrafo Astrônomo com essa imagem da Nebulosa Cabeça de Cavalo.

California-vs-Pleiades-©-Rogelio-Bernal-Andreo

California vs Pleiades © Rogelio Bernal Andreo – A imagem chamada Califórnia vs as Plêiades foi um dos destaques da categoria Espaço Profundo.

Horesehead-Nebula-IC-434-©-Bill-Snyder

Horesehead Nebula IC 434 © Bill Snyder – Vencedora da Categoria Espaço Profundo, essa foto de Bill Snyder também representa a Nebulosa Cabeça de Cavalo.

Além de inspirar a quem está na área, as imagens também mostram que tenho que comer muito feijão com arroz para chegar a esse nível. Gostou da competição? Tem material para brigar com essa galera? Então se prepare, pois logo deve ser anunciado a abertura das inscrições para a próxima competição. Todas as fotos vencedoras farão parte de uma exibição no Royal Museums of Greenwich ou no site do evento. Quer ver mais imagens? Então é só acessar o grupo do flickr do Astronomy Photographer of the Year.

emAstronomia Áudio Vídeo Fotografia Destaques Notícias

Panasonic Lumix DMC-CM1 — Smartphone com sensor fotográfico de 1 polegada

Por em 18 de setembro de 2014

Hoje não existe maneira de separar a fotografia de nossos smartphones. Já estamos extremamente acostumados a fazer fotos de todos as situações e de todos os lugares em que nos encontramos e, ao mesmo tempo, já compartilhar com nossos amigos via redes sociais. No começo de toda essa onda, as fotos feitas pelos pequenos aparelhos eram muito ruins. E quando digo ruins, não estou brincando. Tanto que por muito tempo não acreditei que isso pudesse melhorar. Mas, e já mordendo minha língua, o desenvolvimento da tecnologia nos apresentou aparelhos que entregam uma fotografia boa e possível de ser utilizada na maior parte das situações. Apostando nessa nova tendência, algumas empresas vem dedicando uma atenção toda especial ao quesito fotografia em seus smartphones e isso é muito positivo para o consumidor e para o fotógrafo que quer um equipamento leve e com qualidade razoável para seu registro do dia a dia.

Dentro destas características, nada mais justo do que destacar o Panasonic Lumix DMC-CM1 que a empresa japonesa apresentou durante essa semana na Photokina. De um lado ele parece um smartphone tradicional e do outro uma câmera fotográfica compacta. Do ponto de vista do telefone, ele apresenta as características básicas de um celular parrudo da atualidade. Tela com 4,7 polegadas e resolução de 1080 pixels. Ele roda o sistema Android versão 4.4 e tudo funciona com um processador quad-core Qualcomm Snapdragon S801 que tem clock de 2,3 GHz. O aparelho possui uma memória interna de 16 GB, mas é compatível com cartões de memória micro-SD de até 128 GB.

Porém, é na parte fotográfica que devemos nos ater mais. O CM1 possui um sensor fotográfico de 20 megapixels de resolução máxima com tamanho de 1 polegada. Pode parecer pouco para quem não entende das especificações da fotografia digital, mas estamos falando de um sensor compatível em tamanho com os das câmeras compactas premium da atualidade e nada mais do que 7 vezes maior do que o sensor dos celulares concorrentes. Só lembrando que em fotografia, quanto maior o sensor, melhor a captação de luz. Junto com o sensor temos uma lente Leica fixa equivalente a uma 28 mm com abertura de diafragma em f/2,8. O CM1 pode fotografar em RAW, grava vídeos em 4K e oferece um modo manual completo para o fotógrafo exigente. O único ponto negativo de toda essa tecnologia é que o telefone ficou com 21 mm de espessura, o que é um pouco mais do que apresenta a concorrência.

O Panasonic Lumix DMC-CM1 não possui data confirmada de lançamento, mas muitos estão apostando que as primeiras unidades devem chegar ao consumidor em alguns países da Europa em novembro por um preço sugerido de US$ 1.160,00.

panasonic_CM1

Fonte: Dpreview.

emÁudio Vídeo Fotografia Destaques Equipamentos Mercado

A visão de um fotojornalista sobre o The Last of Us

Por em 17 de setembro de 2014

the-last-of-us

Uma das tarefas mais complicadas em que uma pessoa pode ser meter é cobrir uma guerra como jornalista. Se as muitas atrocidades cometidas em conflitos são suficiente para perturbar até os soldados que estão participando diretamente deles, imagino o impacto que podem ter na mente de alguém que está ali apenas para retratá-las, mas mesmo assim Ashley Gilbertson decidiu seguiu por este caminho.

Tendo colocado sua vida em risco para atuar como fotojornalista nas guerras do Iraque e do Afeganistão, ele viu suas imagens serem estampadas nas páginas do New Yorker e da New York Times Magazine, mas recentemente a revista Time lhe deu uma missão bastante diferente: registrar alguns momentos vividos no The Last of Us Remastered.

continue lendo

emCultura Gamer Ensaio Games Sony