Smugmug surpreende a todos e leva o Flickr para casa

Olha só, ninguém estava esperando por essa. Ontem a tarde foi divulgado que o Smugmug comprou a plataforma do Flickr. O Smugmug é um serviço de hospedagem e compartilhamento de fotos e vídeo. Eles também oferecem a oportunidade dos seus clientes venderem suas fotos on-line. O Flickr é um dos pilares da internet para fotografia. Foi um grande sucesso no começo, depois foi adquirido pelo Yahoo, que não soube muito bem o que fazer com ele, acabou com a Verizon depois que o Yahoo foi adquirido por ela. A única coisa que todos sabiam é que não havia garantia de futuro para o Flickr até aquele momento. Agora parece que teremos a chance de ver algo bacana novamente.

Segundo Alastair Jolly, Gerente Global de Marketing da SmugMug:

Através desta aquisição, a SmugMug agora estenderá sua dedicação à maior comunidade fotográfica do mundo, beneficiando dezenas de milhões de fotógrafos e colocando seu trabalho e inspiração em primeiro lugar. A aquisição também se baseia na visão da SmugMug para ajudar fotógrafos em todos os níveis a compartilhar e vender histórias”.

Não foram divulgados nem os termos do acordo e nem os valores envolvidos. No momento os dois serviços seguem separadamente, mas aposto em uma união, ou pelo menos compartilhamento de recursos, entre os dois serviços para um futuro próximo.

Embora o Flickr não seja mais um líder de mercado, ele ainda conta com 51 milhões de usuários e mais de 6 bilhões de fotos armazenadas. Embora existam outras alternativas mais atuais, o Flickr é o único serviço que tenho paciência de atualizar. Deve ser nostalgia, pois minha conta existe desde 2005. Você não conhece o Flickr, ou abandonou o serviço há muito tempo? Então pode dar uma olhadinha aqui no meu perfil (cuidado, NSFW) ou no grupo do MeioBit Fotografia.

Para quem entrar em sua conta do Flickr hoje já é possível ver o logotipo do Smugmug no topo do site. Clicando nele temos uma pequena apresentação sobre a união das empresas e a promessa de que coisas boas estão por vir.

Relacionados: , ,

Autor: Gilson Lorenti

Geógrafo de formação e fotógrafo de coração, comecei a fotografar com 18 anos de idade (antes disso nunca tinha pegado uma câmera na mão). Depois de muito estudo veio a carreira profissional que passou por várias modalidades da fotografia até realmente descobrir o que gosto de fazer. Hoje me dedico ao ensino de fotografia, fotografia Fine Art e Books Fotográficos (gestante, moda, sensual). Tomando emprestado as famosas palavras de Ansel Adams "Quando as fotografias não forem mais suficientes, me contentarei com o silêncio".

Compartilhar