Home » Entretenimento » Trailer: Kursk - spoiler: Todo mundo morre

Trailer: Kursk - spoiler: Todo mundo morre

O submarino nuclear Kursk protagonizou um dos maiores desastres da marinha russa, e agora chega ao Brasil o filme que conta essa tragédia.

18/11/2019 às 19:29

Em 12 de Agosto de 2000 uma explosão equivalente a duas toneladas de TNT detonou o compartimento de torpedos do K-141 Kursk, um submarino nuclear russo classe Oscar. Deu-se início a um show de incompetência, arrogância e decisões erradas que culminou na morte dos 118 homens a bordo. Agora o filme contando a história está chegando aos cinemas brasileiros.

Durante a preparação de um torpedo de treino uma solda mal-feita deixou vazar Peróxido de Hidrogênio, que em baixa concentração é água oxigenada, e em alta concentração é um oxidante extremamente corrosivo e perigoso. Tanto que detonou o querosene usado como combustível no torpedo, explodindo a sala de torpedos e as escotilhas.

Em seguida as ogivas de 5 a 7 torpedos detonaram em conjunto, aniquilando a frente do submarino e inundando os compartimentos a ré. Alguns marinheiros conseguiram se abrigar, esperando o socorro que nunca chegou, pois as autoridades russas se recusaram a admitir que havia algo errado, Putin se recusou a cancelar suas férias e a Marinha se recusou a aceitar ajuda dos ingleses e noruegueses, que tinham equipamentos prontos para um resgate.

Essa história toda foi contada no filme Kursk, de Thomas Vinterberg, lançado na civilização em 2018 mas que só chegou ao Brasil agora.

Como será que farão para o filme não ser deprê até não poder mais, eu sinceramente não sei, e tendo custado US$40 milhões e faturado apenas US$6,5 milhões percebe-se que a história não agradou aos espectadores, mas às vezes é preciso assistir histórias que não gostamos, para evitar repeti-las.

Leia mais sobre: , , .

relacionados


Comentários