Home » Mercado » 13 anos atrás, Google comprava uma pequena empresa chamada Android Inc.

13 anos atrás, Google comprava uma pequena empresa chamada Android Inc.

Hoje fazem 13 anos que o Google confirmou a aquisição da Android Inc. O sistema operacional mais usado do mundo tem hoje 85,9% de participação de mercado.

1 ano atrás

Android Pie

Hoje completaram 13 anos que o Google confirmou a aquisição da Android Inc., uma compra que acabou mudando pra sempre o mercado mobile, dando origem a criação do sistema operacional mais usado do mundo, que recentemente ganhou uma nova versão, o Android 9.0 Pie (ou torta, que soa mais gostoso) com várias novidades.

O Android só foi apresentado oficialmente em setembro de 2007, depois que a Apple anunciou e lançou seu primeiro iPhone, com seu sistema revolucionário, que deu aos desenvolvedores do Android um belo insight do que poderia ser alcançado com aparelhos com telas multi-touch.

O Android em 2005 não era nada muito promissor, ainda não tinha sido lançado, e sequer era compatível com telas sensíveis ao toqueEra tudo muito precário, tudo meio tosco, mas o potencial estava lá. A primeira versão beta foi lançada em novembro de 2007, e esse curioso vídeo de apresentação mostra o beta rodando ainda sem suporte a toques na tela. 

A grande sacada do Google é que ao contrário do jardim privado da Apple, o Android foi pensado para ser um sistema muito mais democrático, lançado através da Open Handset Alliance (OHA), um consórcio do Google com empresas de hardware e operadoras.

Sou usuário do Android desde a primeira versão lançada no Brasil, e aqui cabe um disclaimer, pois ganhei meu primeiro Android por ter sido o garoto-propaganda de uma operadora no lançamento do sistema operacional do Google no Brasil, no já tão distante ano de 2009. Os comerciais eram para veiculação exclusiva no YouTube, e mostravam o HTC G1 e o Samsung Galaxy original (que por aqui era chamado de i7500).

O Android seguiu comendo poeira do iPhone nesses primeiros anos, até finalmente tomar a liderança do mercado mobile global em 2011. Pois é, o sucesso pode ter demorado, mas chegou, trazendo muitos dólares para o Google e seus parceiros. Li nesse tweet do Jon Erlichman que 0,5% da participação de mercado de sistemas operacionais mobile em 2005, o Android conseguiu a proeza de chegar a 85,9% em 2018. É algo realmente impressionante (por mais que os lucros da Apple também o sejam)

Conhecido como criador do Android, Andy Rubin seguiu no Google desde a compra da Android Inc. até 2014, quando saiu para tentar fazer chover novamente com a empresa de smartphones Essential, mas o projeto não deu muito certo, e ele inclusive andou tendo problemas pessoais que o levaram a pedir uma licença da empresa. 

É claro que o Android também dá algumas dores de cabeça para o Google e a Alphabet Inc., nem tudo é perfeito. É curioso por exemplo ver que, apesar do sistema ter uma base instalada muito maior, os usuários do Android continuam a gastar menos com apps e jogos do que os do iOS. Nos últimos anos, os usuários Android estão fazendo mais downloads, mas ainda seguem gastando apenas metade do valor. Taí um bom desafio para o Google tentar resolver nos próximos anos, mas com tamanha participação de mercado, sinceramente acredito que eles não estão tão preocupados assim.

Um alento é que como a Alphabet Inc. vendeu a Boston Dynamics para o Softbank alguns anos atrás, não precisamos mais nos preocupar com um eventual andróide assassino de verdade, ou pelo menos não um feito pelo Google, o que é um alívio! 😉

O futuro é ainda mais promissor para o Android. Que venham os próximos capítulos dessa história!

relacionados


Comentários