Por cross-play no TES: Legends, Bethesda “declara guerra” à Sony

Nos últimos meses temos visto uma forte campanha pela adoção das partidas entre plataformas, com os jogadores e as desenvolvedoras clamando pelo recurso. Com a Sony permanecendo no seu posto de vilão nesse embate, até então a maioria das empresas vinha adotando um discurso mais político ao pedir que a fabricante japonesa liberasse o cross-play no PlayStation 4, mas agora a Bethesda resolveu chutar o pau da barraca.

Ao participar da QuakeCon 2018, evento realizado no Texas no último final de semana, Pete Hines foi taxativo ao afirmar que o The Elder Scrolls: Legends só aparecerá em consoles que permitam a comunicação com outras plataformas. Mesmo sem citar a Sony ou o seu videogame, não resta dúvidas de que o vice-presidente da editora estava se referindo a eles.

Continuamos conversando com todos os parceiros de plataformas, mas esses termos são essencialmente inegociáveis. Não podemos falar sobre uma versão do Legends onde você carrega o seu progresso com você e outra versão onde você permanece naquele ecossistema, ou está isolado de tudo o mais. Isso é contra aquilo o que o jogo se trata.

 

A maneira como o jogo funciona atualmente na Apple, Google, Steam e Bethesda.net, não importa onde você compra as suas coisas, se jogar em outra plataformas essas coisas estarão lá. Não importa em que plataforma você está jogando, você joga contra todo mundo que estiver jogando no momento. Não existe ‘Oh, é mais fácil de controlar ou tem uma taxa de frames melhor neste sistema.’ É um jogo de estratégia de cartas, isso não importa.

Vale notar que o comentário chega pouco tempo depois da E3, quando a Bethesda anunciou que o The Elder Scrolls: Legends seria lançado até o final deste ano para Xbox One, Nintendo Switch e… PlayStation 4. Naquela ocasião a empresa afirmou que todo o progresso já alcançado nas atuais versões do jogo poderia ser aproveitado nos consoles. Será então que a Sony resolveu bater o pé e impedir o recurso?

Esta não seria a primeira vez que um jogo funcionaria entre o PlayStation 4 e o PC, mas como o executivo deixou claro que o compartilhamento de informações acontecerá através das nossas contas na Bethesda.net, pode ser aí que está residindo o problema. Recentemente vimos os jogadores de Fortnite serem impedidos de aproveitar suas contas da Epic em outras plataformas caso a tivessem vinculado ao videogame da Sony e embora a fabricante tenha dito que está cogitando abrir a porteira, a declaração de Hines nos faz crer no contrário.

Pelo jeito, a ideia de que uma pessoa pode comprar um item numa plataforma e aproveitá-lo no PS4 continua não sendo bem vista pelo alto escalão da Sony e por mais que eu tenha minhas dúvidas se um jogo como o The Elder Scrolls: Legends tenha poder para fazer a empresa mudar essa postura, o importante aqui é que enfim alguém decidiu tomar uma atitude mais dura quanto a imposição desta barreira. Detalhe, recentemente Todd Howard disse que adoraria poder incluir o crossplay no Fallout 76, então, já pensou se eles decidirem utilizar também este título para “chantagear” a Sony?

Fonte: PCGamer.

Relacionados: , , ,

Autor: Dori Prata

Pai em tempo integral do pequeno Nicolas, enquanto se divide escrevendo para o Meio Bit Games, Techtudo e Vida de Gamer, tenta encontrar um tempinho para aproveitar algumas das suas paixões, os filmes, os quadrinhos, o futebol e os videogames. Acredita que um dia conseguirá jogar todos os games da sua coleção.

Compartilhar