Meio Bit » Games » Midjourney: a inteligência artificial na criação de games

Midjourney: a inteligência artificial na criação de games

Usando a impressionante ferramenta Midjourney, uma pessoa criou um shoot 'em up em que todas as imagens foram geradas por inteligência artificial

17/08/2022 às 10:18

A geração de conteúdo usando inteligência artificial tem evoluído bastante nos últimos anos, com as pessoas adorando colocar as máquinas para “imaginarem” situações inusitadas. Pois foi usando uma dessas ferramentas, a Midjourney, que um sujeito conseguiu algo muito interessante: criar um jogo experimental.

Midjourney - Dori Prata

Crédito: Dori Prata/Meio Bit/Midjourney

Conhecido no Twitter como Nao_u, em uma longa sequência de publicações o game designer explicou como desenvolveu o Shoon, um shoot 'em up de progressão horizontal em que a parte visual foi criada com a ajuda da inteligência artificial.

Podendo ser experimentado gratuitamente aqui, Shoon funciona como um típico jogo do gênero, onde teremos que desviar de muitos tiros e destruir os inimigos que avançam em nossa direção. Feito na engine Unity, o título possui uma mecânica bem simples, com os nossos disparos sendo automáticos e cabendo ao jogador apenas mover a espaçonave.

Porém, o grande destaque de Shoon está mesmo na sua parte visual. Do logotipo que aparece na tela de abertura até as naves, passando ainda pela cidade destruída que aparece ao fundo, tudo foi gerado pela Midjourney e no vídeo abaixo podemos ver o resultado.

Como a ferramenta gera imagens aleatoriamente de acordo com os termos inseridos pelo utilizador, Nao_u afirma que no fim das contas tudo se resume a uma jogada de sorte. Para ele, é como se estivéssemos usando uma daquelas máquinas que soltam bolinhas com um brinquedo dentro.

O lado positivo de uma inteligência artificial como essa é que variações de uma mesma imagem podem ser criadas com o aperto de um botão, mas a paciência será fundamental para encontrar exatamente aquilo que queremos.

No fio publicado pelo autor ele mostrou algumas das variações que encontrou, restando-lhe “apenas” a tarefa de filtrar o que poderia ser usado e tudo aquilo que seria descartado. Ele também relatou algumas dificuldades que encontrou, como a de não conseguir implementar uma variação no cenário devido à falta de tempo.

A utilização da inteligência artificial na criação de jogos não é algo novo. Podendo ajudar na melhoria da qualidade de imagem em títulos mais antigos, na geração de estágios e balanceando o nível de dificuldade, várias empresas têm se aventurado por essa área para tornar seus projetos mais atraentes.

Porém, o que Nao_u conseguiu com esse shoot 'em up serve para mostrar o quanto o desenvolvimento de jogos poderá mudar no futuro. Se hoje algumas pessoas temem iniciar a criação de um game por não terem habilidades artísticas, algo como a Midjourney, a DALL-E ou a Google Imagen poderão servir como forte aliadas.

Para alguns, deixar que uma inteligência artificial crie a parte visual de um jogo pode ser considerado uma trapaça, o produto de uma criatividade sintética que nunca poderia ser tratado como arte. Eu entendo tal argumento, mas desde que o resultado seja algo bonito, realmente faz diferença se ele nasceu da mente de um homem ou dos bits de uma máquina?

Peguemos como exemplo as imagens que ilustram esse artigo. Todas elas foram criadas por mim, ou melhor, pela Midjourney sob a minha requisição e confesso que senti um certo orgulho de como ficaram. Sim, reconheço ser estranho me considerar autor de algo que nasceu após o rolar dos dados, tendo a minha influência apenas nas direções que dei.

Ao utilizar a ferramenta, queria ver o que conseguiria caso sugerisse uma guerra entre espaçonaves em uma Terra pós-apocalíptica e foi exatamente isso o que a inteligência artificial me entregou. Mesmo com as ilustrações não servindo muito para serem usadas como cenários para um jogo, elas poderiam ser um ótimo ponto de partida, belas artes conceituais que poderiam servir como referência para artistas competentes.

Midjourney - Dori Prata

Agora eu quero um shoot 'em up assim! (Crédito: Dori Prata/Meio Bit/Midjourney)

Como gerar imagens usando o Midjourney

O que você pode estar se perguntando agora é: como faço para brincar com o Midjourney? Pois a resposta para isso não poderia ser mais simples. A primeira coisa que precisará é de uma conta no Discord, já que a ferramenta funciona por lá. Depois, basta visitar o site do projeto e clicar no botão Join Beta.

Uma vez dentro do servidor do Midjourney, você precisa saber que terá acesso apenas a um período de teste, onde poderá gerar um número limitado de entradas (por volta de 25). Caso tenha gostado da ferramenta, é possível adquirir uma licença, que no plano mais barato custa US$ 10 por mês.

Feito esse esclarecimento, basta se dirigir a um dos canais para novatos localizados na barra lateral. Com nomes como “newbies-40”, será neles em que você, digo, a inteligência artificial fará a mágica acontecer. Vá até a caixa de texto localizada na parte inferior do Discord e digite o comando /imagine seguido pelas palavras que deseja para a criação das artes, aparte enter e aguarde alguns segundos.

O bot do programa começará a gerar as imagens, com elas ganhando detalhes gradualmente e quando o trabalho terminar, você verá algumas letras e número logo abaixo. Elas significam o seguinte:

  • U (upscale) – cria uma versão mais detalhada da imagem.
  • V (variation) – cria uma imagem baseada naquela que você selecionou.
  • Refresh – gera quatro novas imagens baseadas nas mesmas palavras inseridas.

Quanto aos números presentes em cada opção, eles representam as quatro imagens geradas, com a primeira sendo a da esquerda na linha superior e a quarta a da direita na linha inferior.

Midjourney - Dori Prata

Crédito: Dori Prata/Meio Bit/Midjourney

Caso opte por aumentar a resolução de uma imagem, um novo processo de criação será iniciado e no fim você poderá fazer o download para o seu computador. Por fim, caso prefira que as imagens geradas tenham uma medida específica, basta adicionar o comando --ar 1280:720 (troque os números para a medida desejada) no fim da linha de texto.

No site do Midjourney é possível ver uma galeria com várias imagens geradas pelos usuários.

Fonte: Waypoint

relacionados


Comentários