Home » Hardware » AOC lança Smart TVs com Roku por a partir de R$ 1.199

AOC lança Smart TVs com Roku por a partir de R$ 1.199

Novas Smart TVs da AOC têm 32 e 43 polegadas, respectivamente HD e Full HD; Roku OS suporta Netflix, Globoplay, Spotify e outros apps

21/01/2020 às 17:00

O Roku chegou ao Brasil, mas de uma maneira um pouquinho diferente: a companhia fechou uma parceria com a TPV para o lançamento nesta terça-feira (21) de dois modelos de Smart TV da marca AOC, com o sistema operacional Roku OS embarcado.

Ambas são dispositivos de entrada, com 32 e 43 polegadas e resolução HD e Full HD, para consumidores das categorias C e D.

Smart TV AOC 43S5195/78G / Roku

A Roku Inc. é uma companhia pioneira no ramo de streaming: foi ela a primeira a desenvolver um set-top box que rodava Netflix (a primeira vez que o serviço ofereceu seu acervo de outra forma que não DVDs entregues em casa), e mesmo após tantos anos e com vários concorrentes no mercado, de Amazon a Google e Apple, a empresa ainda é a líder nos EUA no setor de dongles e caixinhas acessórias para TVs.

No entanto, à medida que os televisores "burros" vão sumindo, é preciso investir também em sistemas embarcados. O Roku OS, uma distribuição Linux, foi lançado em 2014 embutido nas TVs da Philips e Hisense, e hoje, 1/3 de todas as TVs vendidas nos EUA rodam o sistema, que é bem simples e fácil de usar. Ele é compatível com uma série de apps, como Netflix, HBO Go, Globoplay, Spotify, Deezer, Apple TV, DAZN e YouTube, entre outros.

Contudo, uma ausência foi sentida: o app da Amazon Prime Video, disponível no Roku OS nos EUA, não vem pré-instalado e não aparece como opção de download no Brasil. Ao Meio Bit, o diretor de marketing da Roku no Brasil Luis Bianchi disse que a empresa está negociando a inclusão do app com a Amazon e que ele deverá estar disponível "em breve", mas não adiantou datas.

Para o Brasil, a Roku firmou parceria com a TPV, representante mundial da marca AOC e que também fabrica TVs da marca Philips, além de atender outras empresas em regime de OEM. Atualmente, a empresa que possui fábricas em Manaus e em Jundiaí é a líder em fabricação de televisores no Brasil, mas não informa quais são seus atuais clientes.

Num primeiro momento serão lançados dois televisores: o 32S5195/78G possui 32 polegadas e resolução HD (!), enquanto o 43S5195/78G conta com 43"e Full HD; em comum, ambas possuem painéis LED, taxa de atualização de 60 Hz e ângulo de visão de 178 graus. Como dá para notar, os modelos são bem de entrada.

Para usar os diversos apps de streaming, que o Roku chama de "canais", será preciso criar uma conta de usuário centralizada; uma vez configurada, a TV pode ser manipulada tanto pelo controle remoto, que possui botões dedicados para Netflix, Globoplay, DAZN e Deezer, quanto pelo app oficial, disponível para iPhone e Android.

Roku App

Quando e quanto?

Ambos modelos das Smart TVs AOC com Roku OS chegam ao varejo digital nesta quarta-feira (22) e às lojas físicas em fevereiro. O preço sugerido do modelo 32S5195/78G é de R$ 1.199, enquanto a 43S5195/78G será vendida por R$ 1.599.

Não há previsão de lançamento dos dongles dedicados da Roku no Brasil; ao Estadão, o presidente executivo e fundador da empresa Anthony Wood disse que "por meio das televisões, conseguimos oferecer da melhor maneira nossa plataforma de conteúdos de streaming".

Sobre a integração do Roku com Google Assistente e Amazon Alexa, recursos já disponíveis nos EUA, Bianchi disse ao Meio Bit que embora ambos estejam nos planos para o Brasil, eles não constam do roadmap da companhia para 2020.

Smart TVs AOC 43S5195/78G e 32S5195/78G / Roku

Sobre a parceria específica com a TPV e o lançamento primário da plataforma Roku OS em modelos de entrada, com resoluções partindo do HD e sem nenhum modelo 4K à vista, a informação oficial é de que ao menos num primeiro momento o objetivo é atender aos consumidores das classes C e D, em especial os que ainda não fazem uso de streaming e ainda se viram apenas com a rede aberta ou TVs por assinatura.

De acordo com um representante, a companhia optou pelo Roku OS (sem citar o Android TV, que seria o passo natural) pela facilidade de uso, onde mesmo leigos entendem e saem usando o sistema naturalmente.

Bom, o que se sabe é que do jeito que está hoje, não dá para ficar.

Leia mais sobre: , , .

relacionados


Comentários