Home » Entretenimento » Superman: Red Son - Sai o primeiro trailer

Superman: Red Son - Sai o primeiro trailer

Superman: Red Son é uma história alternativa do Super-Homem com uma perspectiva perturbadora: E se a nave do pequeno Kal-L caísse na União Soviética?

21/12/2019 às 16:19

Superman: Red Son é uma daquelas histórias que a gente sabe que nunca irão para o cinema, mas felizmente existe a animação, para recontar uma nova lenda sobre outra lenda. Tudo baseado em uma simples premissa: E se Jor-El tivesse atrasado em algumas horas o lançamento da nave com seu filho, e Kal-El ao invés do Kansas tivesse pousado na Ucrânia?

SPOILERS ADIANTE!

A história foi publicada originalmente em 2003, com roteiro de Mark Millar e arte de Dave Johnson, Andrew Robinson, Walden Wong e Killian Plunkett. Saiu sob o selo Elseworlds, usado pela DC para histórias fora da cronologia normal, mas dado o apreço da editora pelo Multiverso, não duvido que tenha sido localizada na Terra-1917 (mentira, é Terra-30).

Nessa versão, o pequeno Kal-El é encontrado por fazendeiros ucranianos, e criado com toda a doutrinação reinante, se tornando um bom socialista, até que na adolescência seus poderes começam a aparecer, e ele chama a atenção do Partido, logo ele é adotado por Stalin, que o mantém bem próximo.

A existência de um Super-Homem altera profundamente a geopolítica mundial, a União Soviética expande sua influência enquanto os Estados Unidos se tornam mais e mais irrelevantes politicamente.

O Super-Homem, apesar de ser um fiel comunista, mantém seu senso de moralidade e justiça aprendido com seus pais, e chega a salvar cidadãos americanos quando um satélite soviético ameaça cair em Metrópolis.

Enquanto a Rússia amplia seu território, nos Estados Unidos o governo pede a ajuda de Lex Luthor, agora casado com Los Lane para desenvolver métodos de deter a ameaça kryptoniana, chegando a clonar uma versão bizarra do Super-Homem, mais uma das versões alternativas em Superman: Red Son.

A União Soviética continua prosperando sob a mão firme de Stalin, dissidentes são discretamente eliminados, sob o comando de Pyotr Roslov, filho ilegítimo de Stalin e chefe da NKVD, Comissariado do Povo para Assuntos Internos, a agência de puro terror que matou torturou e siberiou milhões de "subversivos".

Roslov acaba matando Stalin envenenado, Super-Homem é forçado a assumir a presidência da União Soviética, e com seus conhecimentos elimina as mortes e tortura, com uma alternativa pior ainda: Uma operação com implante de um equipamento eletrônico que transforma dissidentes em gado do partidão.

Outros personagens da DC aparecem em Superman: Red Son em versões alteradas, Batman é um terrorista procurado, filho de dois dissidentes mortos por Roslov. A Mulher-Maravilha continua como embaixadora de Themyscera, se tornando uma fervorosa comunista, mas que de desilude quando descobre que o Super é mais interessado no comunismo do que nela.

Luthor por sua vez depois de descobrir que não consegue derrotar o Super-Homem com violência, parte para o ataque econômico, resolvendo sozinho os problemas financeiros e sociais do país, transformando os EUA em uma utopia, forçando os soviéticos a atacar.

Com ajuda de Brainiac o Super é quase subjugado, mas dá a volta por cima, mas Lois Luthor entrega a ele uma folha de papel com uma mensagem de Lex. Lendo a frase, Kal-El percebe que seu plano de criar uma utopia era falho, que ele havia se tornado um vilão.

Brainiac inicia um processo de autodestruição que poderia dizimar boa parte da vida na Terra. Kal recolhe os reatores da nave inimiga, leva para longe no espaço e eles explodem, nunca mais de ouve falar do Super-Homem.

Na Terra Luthor investiga o trabalho do Super-Homem no governo da União Soviética, admite que ele teve algumas boas idéias, as junta a seu projeto de utopia, criando um sistema chamado Luthorismo, um governo baseado em ciência, tecnologia, exploração. Todas as doenças são curadas, a Humanidade coloniza o sistema solar, a longevidade humana atinge centenas de anos, e quando Luthor morre, com mil anos de idade, um Kal-El de terno e óculos está presente ao evento.

Um epílogo, milhões de anos no futuro termina com um descendente distante de Luthor acompanhando os últimos momentos do Sol antes de se tornar uma Nova. A única chance de Jor-L (L de Luthor) salvar seu filho é mandá-lo para o passado distante, e a pequena nave temporal pousa na Ucrânia dos Anos 30.

Agora a história vai virar animação, e isso na Warner Brothers é sempre garantia de qualidade. A história, que no Brasil se chamou Superman: Entre a Foice e o Martelo teve seu primeiro trailer divulgado:

Superman: Red Son chega aos serviços digitais 25 de Fevereiro de 2020, e em BluRay 4K em 17 de Março do mesmo ano.

Leia mais sobre: , , .

relacionados


Comentários