Home » Games » Doom completa 25 anos e John Romero prepara expansão

Doom completa 25 anos e John Romero prepara expansão

Um dos mais influentes FPSs de todos os tempos completa 25 anos e para comemorar, seu criador anuncia uma expansão gratuita chamada Sigil.

31 semanas atrás

Poucas franquias podem se orgulhar de alcançar mais de duas décadas de existência e ainda se manter relevante e a Doom é uma delas. Na última segunda-feira (10/12), o lendário jogo criado por John Carmack, Tom Hall e John Romero completou seu 25º aniversário e como era de se esperar diversas homenagens pipocaram pela internet.

Hoje dona da marca, a Bethesda foi uma que aproveitou a oportunidade para deixar o seu agradecimento e isso aconteceu através de um belo vídeo onde é mostrado brevemente vários momentos desta história — e fazer divulgação do próximo capítulo, o Doom Eternal. Após assistir isso, só consigo pensar que esta foi uma viagem e tanto.

Outro que também não poderia perder uma data tão importante era o site Doomworld, uma das principais autoridades sobre o FPS. Conhecido por realizarem a Cacowards, premiação anual onde são escolhidos os melhores mods para o Doom, a deste ano ganhou um peso maior justamente por representar o quarto de século que o jogo está completando.

Tal premiação é uma ótima forma de conhecermos um pouco deste fascinante universo, até por o site possuir uma lista com os 10 melhores WAD de cada ano deste 1994. Ele é sem dúvida um prato cheio para qualquer jogador que queira ir além do jogo principal e se aventurar por algumas das maluquices (e genialidades) que já foram criadas desde o lançamento do game.

Tela de um dos mods premiados no Cacowards, o Guncaster.

Contudo, a maior homenagem que o Doom poderia receber está sendo feita por ninguém menos do que John Romero. De acordo com o game designer, em fevereiro do ano que vem ele lançará o Sigil, uma expansão gratuita para o jogo original e que promete ser uma das mais fantásticas adições já criadas para o título.

Contando com nove estágios para o modo single-player e outros nove para o multiplayer, o megawad funcionará como um sucessor espiritual para os quatros episódios originais do Doom e a única coisa necessária para jogarmos será ter uma cópia do game. Como ele vive entrando em promoção em serviços de distribuição digital como o Steam, acredito que isso não será um problema para a maioria.

Já para os colecionadores de plantão, Romero revelou uma parceria com a Limited Run Games e assim duas edições especiais do Sigil serão lançadas nos próximos meses. A mais simples delas contará com uma caixa especial; um pen-drive de 16 GB contendo a expansão e alguns extras; dois CDs com a trilha sonora exclusiva gravada pela banda Buckethead e dois adesivos — um do jogo e outro da Romero Games. Já a edição The Beast Box ainda trará uma embalagem autografada por Romero; um documentário sobre a criação da expansão; uma moeda temática; uma ilustração medindo 8" x 10" autografada por Christopher Lovell; uma estátua da cabeça de John Romero cravada num pedaço de pau; e uma camiseta no tamanho XL.

O preço cobrado por estas edições especiais será de US$ 40 e US$ 166, com suas pré-vendas acontecendo apenas até o dia 24 de dezembro. A boa notícia para nós brasileiros é que a loja envia para o nosso país, com o frete ficando em algo entre US$ 20 e US$ 30. A má notícia porém é que quando a nossa Receita Federal colocar as mãos no pacote, a brincadeira deverá ficar bem cara.

Por fim, ainda gostaria de indicar este excelente artigo publicado pelo pessoal do Digital Foundry. Nele o autor descreve um pouco das muitas adaptações que o Doom recebeu para consoles e caso você não queira ler tudo, ao menos dê uma olhada no excelente vídeo abaixo. É impressionante ver hoje como o jogo rodava nas muitas máquinas em que ele apareceu nos anos seguintes ao lançamento para PC.

 

Leia mais sobre: , .

relacionados


Comentários