Home » Entretenimento » Disney+: serviço de streaming da Disney ganha nome e séries Star Wars e Marvel

Disney+: serviço de streaming da Disney ganha nome e séries Star Wars e Marvel

O novo serviço de streaming da empresa vai ser chamar Disney+, e teve mais duas séries confirmadas, uma de Star Wars e a outra da Marvel.

08/11/2018 às 22:10

O CEO (e líder do conselho) da Disney, Bob Iger, disse hoje em um webcast com investidores que o serviço de streaming da empresa vai se chamar simplesmente Disney+. Ele também revelou duas novas séries que serão produzidas pra o Disney+, uma passada no universo Star Wars e a outra no universo Marvel, não por acaso, dois dos maiores trunfos da empresa.

Desde que anunciou que estava criando seu próprio serviço de streaming (e que iria começar a retirar o seu conteúdo da rival Netflix), a Disney vem dando algumas pistas interessantes sobre ele, mas até hoje, o nome continuava a ser um mistério. Não mais.

Disney+ é o nome do serviço de streaming da Disney, que deve estrear ano que vem nos Estados Unidos.
A nova série Star Wars será focada no líder rebelde Cassian Andor, que nós conhecemos em Rogue One: Uma História Star Wars. Assim como no filme, o personagem será vivido por Diego Luna, que já está confirmado na série, e que está bem animado com o retorno ao papel e a Star Wars.

Nas palavras de Luna: “Voltar ao universo Star Wars é muito especial pra mim. Eu tenho tantas memórias do trabalho incrível que fizemos juntos e dos relacionamentos que eu fiz através da jornada. Nós temos uma aventura fantástica na nossa frente, e esse formato animador vai nos dar a chance de explorar mais profundamente esse personagem.”

Essa é a segunda série de TV live action de Star Wars que está sendo produzida para o Disney+, a outra é a The Mandalorian de Jon Favreau (não confundir com o filme do também mandaloriano Boba Fett, que já foi oficialmente cancelado).

Série de Cassian Andor (Rogue One) foi confirmada para o novo serviço Disney+.

A série é descrita pela Disney como um thriller de espionagem, que vai mostrar as missões dos rebeldes liderados por Andor contra o Império Galáctico. Quem viu Rogue One sabe que ele é um rebelde bem mais radical do que os da trilogia original, que é capaz de fazer o que for preciso pra ajudar a Aliança Rebelde a alcançar seus objetivos, o que me parece bem promissor para a nova série.

Sei que é as possibilidades são remotas, mas fico na torcida pra que outro rebelde ainda mais radical apareça na série, o Saw Guerrera de Forest Whitaker, que não teve chance de aparecer direito em Rogue One, mas que é um personagem tão interessante quanto controverso. Como o Cardoso bem disse no seu review de Star Wars: Os Últimos Jedi, se Andor não é exatamente um mocinho ou um herói, Guerrera é basicamente o ISIS.

Série do Loki também foi confirmada para o Disney+, com direito a presença de Tom Hiddlestone.

Além dessa série ainda não nomeada no universo Star Wars, a Disney anunciou que está produzindo uma outra série, desta vez sobre um personagem bem famoso do universo cinemático da Marvel, Loki, que se deu bem mal em Vingadores: Guerra Infinita. A presença do ator Tom Hiddleston está confirmada, o que é o mínimo que se espera de uma série do Loki, mas fora isso, não sabemos de nenhum outro detalhe.

O release também promete novas histórias passadas nos mundos de Monstros S.A. da Pixar e High School Musical, além de outras séries de Star Wars, e não acredito que eles estejam falando apenas da nova série e da já citada série de Jon Favreau, pois como o próprio Bob Iger disse um tempo atrás, a nova plataforma não contará com uma, mas com “algumas” séries passadas muito tempo atrás, em uma galáxia muito, muito distante. Tudo bem que ele também pode estar se referindo a Star Wars Resistance, mas aposto que está falando de novas séries mesmo.

As duas séries serão produzidas a partir do ano que vem. Leia o release no site da The Walt Disney Company pra saber mais sobre o futuro serviço Disney+.

Saiba mais sobre a série de Cassian Andor no site oficial de Star Wars.


Leia mais sobre: , , , , .


relacionados


Comentários