Home » Filmes e séries » A piada dos Jovens Titãs virou realidade: vem aí a série do Alfred

A piada dos Jovens Titãs virou realidade: vem aí a série do Alfred

Parece piada, e já foi. A zoeira do filme dos Jovens Titãs, de que todo mundo ganharia um filme, até mesmo o Alfred se tornou realidade. Estão preparando uma série sobre o mordomo preferido do Universo DC. Ah, como? Não, claro que não tem Batman.

1 ano atrás

O desenho Teen Titans Go é ótimo pra identificar gente que leva gibi a sério demais. Quem não leva se diverte horrores, o que mais ouvi foi relato de pai que levou os filhos e riu mais que eles, tanto que o longa desse adorável bando de retardados teve um orçamento de US$ 10 milhões e já faturou US$ 51 milhões. Quase 25% do que faturou a versão das manas do Ghostbusters, que custou US$ 144 milhões. Disso tudo a única coisa perturbadora mesmo é perceber que uma das piadas do filme, zoando a proliferação de franquias de heróis, virou realidade.

vlcsnap-2018-10-15-14h33m24s631

Na cena, que pode ser vista no trailer todo mundo na DC ganha um filme, mesmo os personagens mais obscuros, menos o Robin. Então apresentam um trailer do melhor amigo do Batman, Robin fica todo animado mas o filme é sobre… Alfred. Completando a piada os outros Titãs dizem que parece ser legal, e assistiriam.

A piada de que a indústria está raspando o fundo do tacho não é de hoje, em Jay and Silent Bob Strike Back, de 2001 Kevin Smith já brincou que como todas as franquias boas já haviam sido compradas pelos estúdios, só restava filmarem o gibi de Bluntman & Chronic.

OK, o “filme” de Bluntman & Chronic tinha seus méritos, o vilão — Cocknocker — era ninguém menos que Mark Hamill, e eles ainda descobriram a única forma viável de lidar com trolls de internet.


Movieclips — Jay and Silent Bob Strike Back (12/12) Movie CLIP - Cocknocker! (2001) HD

Já a DC, continua a mesma, com seu universo dark e sofrido agora contaminando as produções televisivas também, foi com imenso alívio que cancelaram Powerless, e a sorte das séries dela na CW é que ninguém assiste a CW, somente meia-dúzia de fãs, ou já teriam passado a faca em Legends of Tomorrow por excesso de alegria gibizesca.

O pior: eles insistem em lançar novas séries sem tocar na sua santíssima trindade, Super-Homem nem sei como apareceu em Supergirl, talvez por ser inevitável, mas Mulher-Maravilha nem mencionam e Batman parece pura heresia citar o nome, é quase como desenhar Maomé.

Ainda assim eles insistem em ordenhar o universo cinematográfico desses personagens, sem mostrá-los. O resultado é uma série como Gotham, onde todo mundo aparece menos o Batman. Pombas, ninguém quer acompanhar as aventuras do detetive Gordon, e sim do Cruzado Embuçado. Do mesmo jeito que ninguém quer saber de Krypton, uma série que transforma um mundo utópico e uma distopia anos 70, e passado no tempo do bisavô do Super-Homem.

vlcsnap-2018-10-15-14h33m12s203

Sem dar ouvidos a ninguém, a DC insiste, e vai substituir Gotham depois de cinco temporadas por… Pennyworth.

A série acompanhará as aventuras de Alfred Pennyworth, um ex-membro de forças especiais em Londres, nos anos 60 onde ele conhecerá Thomas Wayne e viverão altas aventuras na maior adrenalina. Você sabe, tudo que todo mundo quer assistir, não essa bobagem de uma série com Batman detetive, ou uma série do Questão, ou talvez Livros de Magia. Nah, é Alfred que todo mundo quer, disse ninguém.

Ao menos espero que dessa pataquada saia um crossover com o maior embate do século: a luta Alfred vs Jarvis!

06be0eb9855944fa82531906f93645d9

Fonte: SyFy.

Leia mais sobre: , , .

relacionados


Comentários