Home » Games » MMO » Shroud of the Avatar: estaria o jogo de Richard Garriott correndo perigo?

Shroud of the Avatar: estaria o jogo de Richard Garriott correndo perigo?

Atual jogo do criador da série Ultima, Shroud of the Avatar: Forsaken Virtues tem sofrido para conquistar um número significativo de jogadores, mas o game designer garante que o título durará "para sempre".

24 semanas atrás

Richard Garriott é sem sombra de dúvidas uma das maiores lendas dos games. Criador da série Ultima, Lord British foi responsável por entreter milhões de pessoas por centenas de horas e por isso tendemos a achar que qualquer coisa que uma pessoa dessas fizer resultará num enorme sucesso. Porém, não é o que temos visto com o Shroud of the Avatar: Forsaken Virtues.

Apontado como um sucessor espiritual do Ultima Online, o jogo conseguiu arrecadar quase US$ 2 milhões em uma campanha no Kickstarter, com tudo indicando que estava para nascer ali um novo queridinho no campo dos MMOs. Os meses foram passando, uma versão preliminar do SotA foi lançada, mas nada disso serviu para o jogo engrenar. Só para você ter uma ideia, o máximo de jogadores simultâneos registrados no Steam foi de apenas 603, será então que já podemos considerá-lo um grande fracasso?

Pois o game designer conversou com o site Eurogamer e tentou tranquilizar aqueles que temem pelo futuro do game.

A maioria dos jogadores não jogam no Steam. No momento estamos em alguns milhares, mas não em algumas dezenas de milhares de usuários ativos. Estamos muito contentes com as dezenas de milhares de usuários ativos e dentro do alcance.

Garriot também falou sobre as demissões que atingiram o seu estúdio, o Portalarium. Segundo ele, antes a equipe era formada por mais de 20 pessoas e agora o número está apenas um pouco abaixo disso, sem contar os que colaboram externamente. O britânico afirma que isso possibilitou a desenvolvedora lidar melhor com o orçamento, mas sem perder o fluxo de atualizações.

O grande problema então estaria na divulgação. Mesmo com Garriott tendo investido no marketing, ele não deu resultado e por isso muitos antigos jogadores da série Ultima nem conhecem o Shroud of the Avatar. O game designer inclusive chegou a dizer que as pessoas vivem mostrando surpresa quando descobrem que ele lançou um novo jogo e que o título só teria atingido 20% do seu público alvo.

Contudo, mesmo com o SotA podendo ser jogado sozinho, trata-se de um título que foi pensado principalmente nas interações online e por isso, será que essa falta de interesse por parte dos jogadores não fará com que o game logo desapareça? Pois Richard Garriott garante que não, que o jogo durará para sempre e que todos os cinco episódios (leia-se, expansões) serão lançados.

Bom, como eu só joguei os primeiros minutos desta nova aventura de Lord British, não posso dizer se as pessoas estão perdendo um ótimo jogo. Porém, gostei muito da liberdade que ele me proporcionou e ainda pretendo voltar a explorar esse mundo virtual com mais atenção.

relacionados


Comentários