Home » Mercado » Apple não quer ninguém usando o iPhone 6s como balança

Apple não quer ninguém usando o iPhone 6s como balança

Embora o 3D Touch dos novos iPhones permita utilizar o smartphone para pesar coisas, a Apple está barrando todos os apps de balanças eletrônicas

4 anos atrás

iphone-6s

Quando a Apple transferiu o Force Touch introduzido no novo Macbook para os iPhones 6s e 6s Plus, ela renomeou o recurso de 3D Touch e deu grande destaque para ele. No caso dos dispositivos móveis, a tecnologia de reconhecimento da densidade de toques permite que o software identifique a quantidade de pressão feita pelo usuário, o que se traduz em diversas aplicações.

Assim um toque não é igual a outro, e embora muita gente tenha visto isso como algo muito bom para introduzir menus conceituais, eu já vejo como um feature muito bom para games. Já alguns desenvolvedores viram uma outra utilidade: utilizar o iPhone 6s como balança, algo que a Apple não curtiu.

A questão é a seguinte: a Apple colocou uma série de novos sensores atrás do display LCD de seus novos iPhones, capazes de sentir a força aplicada sobre a tela e assim, identificar cada tipo de toque. Por enquanto ele vem sendo subutilizado, mas o dev Ryan McLeod explicou em um post do Medium que devido à natureza do feature (que nem é tão exclusivo assim, o Mate S da Huawei também o possui) é possível escrever apps que leem a pressão aplicada e devolvem o peso de um eventual objeto colocado sobre o gadget.

Sua equipe criou o Gravity, uma aplicação que embora não seja muito precisa (“não mais do que uma balança de verdade”, diz McLeod) funciona, diferente de uma série de apps similares que estão disponíveis na App Store apenas para fins de entretenimento, segundo o desenvolvedor.

Gravity App Demonstration from Ryan

App pronto, chegou a hora de publicá-lo. Para sua surpresa o Gravity foi rejeitado pela Apple, sob a explicação de que “a descrição era enganosa”. Ele foi novamente submetido junto com um vídeo que detalhava o funcionamento do aplicativo e foi novamente recusado, desta vez com uma explicação mais clara: “o conceito de um app de balança digital não é apropriado para a App Store”.

A Apple não respondeu a pedidos da mídia para esclarecer a questão, mas o mais provável é que a maçã está sendo cautelosa: introduzir um app que transforma seus smartphones em balanças de verdade abre inúmeras possibilidades de desastres causados por usuários estabanados, o que poderia depreciar a imagem de seus aparelhos (Apple preocupada com seus usuários quebrando iPhones? Vai sonhando).

Os apps falsos passam muito provavelmente passam por se tratarem de brincadeiras, e ninguém os leva a sério (assim espero). Por outro lado a ideia tem certo apelo, embora muita gente questione transformar um iPhone de trocentos milhares de reais em uma balança de cozinha que custa dois tostões. McLeod ainda acredita que o app será eventualmente liberado mas sinceramente, duvido que isso aconteça.

Fonte: Medium.

relacionados


Comentários