Home » Ciência » Tesla PowerWall — vai salvar o mundo, a Tesla ou é coisa de ecochato?

Tesla PowerWall — vai salvar o mundo, a Tesla ou é coisa de ecochato?

Elon Musk, na falta de um Reator de Arco anunciou a Powerwall, um sistema de baterias que você instala e alimenta sua casa, excelente para caso de apagões, ótimo para economizar energia cara e que podem ser recarregadas com fontes alternativas. É algo que pode ser tornar muito grande e muito importante, independente dos carros.

4 anos e meio atrás

models-powerwall@2x

Elon Musk tem inimigos muito mais complicados do que Tony Stark. Lidar com um robô megalomaníaco meio ingênuo é tranquilo, difícil é enfrentar a burocracia governamental, o aquecimento global, megacorporações predatórias, a Celine Dion (não pergunte) e o quadro de acionistas da Tesla.

Sim, lamento informar mas nem tudo é só maravilha, a Tesla opera no vermelho. Em 2014 teve receita bruta de US$ 3,198 bilhões; mas no final das contas fecharam com prejuízo de US$ 294 milhões. No primeiro trimestre de 2015 a perda acumulou US$ 154 milhões, devido a investimentos, mas olhando pelo lado bom foi US$ 45 milhões a menos que o projetado. 

Se os investimentos continuarem em algum momento ela pode dar dinheiro, e pra acelerar isso inventaram o PowerWall. Faz sentido. Os carros são excelentes, mas com o Modelo S mais barato custando US$ 60 mil, fica complicado vender muitas unidades. É preferível comprar créditos de carbono de alguma reserva em Xoxopó-Mirim do Mato Dentro e continuar andando de Shelby Cobra.

Já o Powerwall custa US$ 3 mil e não depende de tomada em cada esquina. Ou melhor, depende de uma, mas ele nunca ficará muito longe dela.

A idéia é aproveitar que o preço da energia elétrica flutua, e fornecer uma bateria inteligente que recarregue quando a eletricidade é barata, alimente a casa quando o preço está alto, em horário de pico, e até se carregue a custo zero se você tiver um sistema de geração alternativo, como painéis solares, geradores eólicos ou prisioneiros no porão girando aquela roda que deixou o Conan forte.

rouedoul05

A idéia é excelente, pois convenhamos seu telhado fica parado, inútil enquanto você está na rua trabalhando. Painéis solares captando energia, carregando o Powerwall, de noite você usa essa energia e sua conta de luz ganha um refresco e tanto.

Em casos de apagão o Powerwall assume, não atrapalhando sua novela, não chocando suas cervejas e não estragando aquele pregador chato que hoje reside em vários tupperwares no freezer do porão.

O Powerwall vem em dois modelos: um com capacidade de 7 kWh, custando US$ 3 mil e um de 10 kWh por US$ 3,5 mil. Ao contrário do Ruby, o Powerwall escala.

TESLA-POWERWALL-HOME-BATTERY-545x243

Até 9 Powerwalls podem ser conectados, fornecendo 90 kWh, excelente se você tem um desses no porão, do lado do freezer do pregador.

dsc04885

Musk foi além. Durante a apresentação ele lançou também o Powerpack, uma versão do PowerWall para indústrias, ou gente com placas de vídeo capazes de rodar Crysis em modo full. O Powerpack fornece 100 kWh. E pode ser escalado. Na verdade ele é projetado para escalabilidade infinita.

Todo o prédio onde a apresentação foi feita estava sendo alimentado por Powerpacks, que por sua vez foram carregados por painéis solares.

poweerrrr

Com uma megalomania digna de vilões de quadrinhos Musk mostrou que poderiam alimentar uma cidade como Boulder, Colorado, com 10 mil Powerpacks, fornecendo 1 GWh, quase um DeLorean. Com 160 milhões, teriam energia pros EUA inteiros, e depois disso, O MUNDO, com 900 milhões de Powerpacks. A US$ 25 mil cada a Tesla lucraria US$ 22,5 trilhões, e se você acha isso louco, e é, eu já participei de um business plan onde fui obrigado a calcular para projeção de vendas todos os brasileiros que não sabiam falar inglês.

Para produzir essas baterias (ok, talvez não as 900 milhões) a Tesla está construindo no deserto de Nevada a Gigafábrica 1, uma mega — não, mega seria diminuir — uma puta fábrica 100% sustentável em termos de energia, ela será coberta com painéis solares, terá uma usina eólica auxiliar e consumirá zero energia da rede elétrica pública.

gigafactory_aerial

São 5 bilhões de dólares investidos, com capacidade de produção anual de 50 GWh de baterias, suficiente pra todos os Teslas que eles sonham em vender e todas as Powerwalls que eles vão vender, pois 2 ou 3 meses antes da chegada no mercado consumidores já reservaram 50 mil Powerwalls e 25 mil Powerpacks.

Elon Musk vai salvar o mundo com a PowerWall?

Não sei, mas a proposta é muito atraente para todos aquelas pessoas que moram em lugares com tornados, furacões, tufões e terremotos, e podem ficar sem energia por crueldade da natureza, e não incompetência de seus políticos. Junte a isso as pessoas que querem diminuir sua dependência da malha elétrica, e investem em fontes alternativas, mais o pessoal que tem cabanas no mato (excelente lugar para manter alguns freezers) e só aí já temos um produto de sucesso.

Se vai salvar o mundo eu não sei, mas a Tesla ele salvou. E nem precisou de uma armadura cheia de frufrus.

Leia mais sobre: , , , , .

relacionados


Comentários