Home » Destaques » Como esperado, visitação dos sites de notícias espanhóis vai pra vala

Como esperado, visitação dos sites de notícias espanhóis vai pra vala

E como esperado, o Google fechou seu serviço de notícias na Espanha, agora os sites desesperados estão vendo a audiência despencar. Veja você também!

4 anos atrás

Simpson,_Nelson_Muntz (1)

O Alemão é o único idioma do mundo que poderia ter uma palavra como schadenfreude. É um termo que significa a sensação de satisfação quando vemos algo ruim acontecendo com outra pessoa. Não é um sentimento bonito, não é um sentimento cristão, mas eu nunca disse que era uma boa pessoa, então experimento uma schadenfreude porreta ao ver a mídia espanhola se ferrar.

Como noticiamos aqui, eles fizeram um bruta lobby para que o governo espanhol passasse Leis de direitos autorais onde sites que indexassem portais de notícias seriam obrigados a pagar pelo privilégio de mandar tráfego pra eles. O Google não gostou, avisou que ia puxar o carro.

Os sites perceberam a hagada, correram pro governo pedindo para que o Google fosse impedido de não prestar seu serviço e ser cobrado por isso. Vendo o absurdo da situação o governo de Madrid mandou os jornais chuparem prego, e conforme prometido e anunciando, o Google News Espanha agora cai numa página explicando a situação.

O resultado?

Nas primeiras horas a Chartbeat, uma empresa que mede tráfego web monitorou 50 sites espanhóis, indo de pequenos até grandes portais. A audiência caiu em média entre 10% e 15%, e mesmo assim são dados de clientes que aceitaram divulgar, mesmo anonimamente os valores.

Veja o gráfico, mostrando o tráfego, menos vindo de sites de buscas e mídias sociais. Às 02:30 o Google News sai do ar…

spain-links

Isso é lindo, lindo! Em azul o tráfego do dia, em verde o mesmo período uma semana atrás.

É só o começo do primeiro dia. Imagine quando todos os caches, links espalhados por aí e similares forem para o limbo.

Na Alemanha, que implementou uma legislação idiota semelhante, o tráfego dos sites caiu 40% vindo do Google e 80% vindo do Google News, que não foi fechado mas bem limitado. Os portais perceberam e partiram pra negociar.

Agora é esperar a Espanha mudar de novo a legislação e os sites voltarem rastejando implorando um linkzinho pelamordedeus.

Fonte: Giga Om.

relacionados


Comentários