Crise na Ucrânia: sobrou até pro nosso datilógrafo

zyklon-brasil

Em 2003 uma explosão na Base de Alcântara mandou para o espaço (sorry) a esperança do Brasil ter um programa espacial decente. De lá pra cá, só desculpas, e se acha que estou exagerando, lembro que a Isto É publicou uma matéria dizendo que o foguete foi detonado por satélites norte-americanos armados com “lasers”.

Uma estratégia para facilitar a vida do Programa Espacial Brasileiro seria o aluguel da Base de Alcântara como ponto de lançamento para outras nações. Estando bem próxima ao Equador, foguetes lançados a partir dali precisam de bem menos energia do que os lançados de latitudes mais altas, o que significa cargas úteis mais pesadas colocadas em órbitas mais altas. 

Tudo ia bem até que o acordo desandou quando descobriram que os EUA se reservavam ao direito de não deixar brasileiros inspecionar lançamentos sigilosos, e também não queriam compartilhar tecnologia em troca do privilégio de usar a base. Ao final o Brasil acabou se aproximando da Ucrânia, fechando um acordo curiosamente idêntico.

Nesse acordo o Brasil participaria do desenvolvimento do Ciclone-4, foguete capaz de colocar 5,5 toneladas em órbita baixa. Participaria do desenvolvimento no sentido de que colocaríamos dinheiro e a Ucrânia desenvolveria, claro.

chabu-1

Firmado em 2003, o acordo não é “nem ser científico nem de transferência de tecnologia, mas sim comercial”, nas palavras de José Monserrat Filho, chefe da assessoria internacional da AEB. Aquela que tem um datilógrafo em seus quadros.

O Brasil além disso construiria as instalações de lançamento, que como ainda estão pela metade, dificilmente estarão prontas pra Copa.

O Vôo inaugural do Ciclone-4 deveria acontecer em 2006, mas como todo projeto com brasileiro no meio, atrasou. A join-venture Alcântara-Cyclone Space vem remarcando data em cima de data. Em 2008 previa-se que o bicho voaria em 2014, e que as obras estariam prontas em 2011. Em 2009 Lula e  Viktor Yushchenko, presidente da Ucrânia assinaram um acordo que dizia que o Cyclone-4 seria lançado em 2010.  MUHAHAHAHAHHA.

A situação atual: o Brasil investiu nesse período R$ 1 BILHÃO. As obras estão pela metade, e o foguete, só 80% pronto, segundo os mais otimistas. A projeção inicial previa que ele se pagaria com 6 lançamentos anuais, mas como o valor previsto de US$ 50 milhões por lançamento se tornou caro (culpa da SpaceX, Orbital Science, Ariane Space e outros capitalistas) agora são precisos 12 lançamentos para o break-even. E não há mercado pra isso.

Cereja do bolo? A Ucrânia é um país que vive da lembrança de ter sido parte da União Soviética. O PIB deles é 13 vezes menor que o nosso. Se nós não temos dinheiro pra pesquisa espacial, imagine lá. Veja este caça MIG-29 da Força Aérea ucraniana:

tarusso2

Falta grana pra lixar e remover a tinta da Força Aérea Soviética. Pintaram por cima e só.

Como a Ucrânia consegue manter uma indústria espacial? Fácil, eles terceirizam a parte complicada. As especificações são mandadas para empresas especializadas, como a Energomash, que projetou os motores do primeiro estágio do foguete. Essas empresas constroem toda a parte de infraestrutura, e os ucranianos basicamente operam as máquinas.

Qual o problema? Essas empresas são… Russas.

Isso mesmo. O foguete que o Brasil estaria desenvolvendo com a Ucrânia é essencialmente russo, nenhum dos países tem dinheiro pra bancar o final do projeto, a AEB só tem previsão orçamentária de R$ 300 milhões reservada pro Cyclone-4.

A Ucrânia, caso você tenha vivido com internet TIM nos últimos meses, está em vias de ser oficialmente invadida pela Rússia, vive uma pré-guerra civil feia mesmo pros padrões locais e cada Grívnia que o Presidente acha entre as almofadas do sofá vai pra defesa.

Enquanto isso vemos R$ 1 bilhão ir pelo ralo, não temos foguete, não temos base, nosso “parceiro” vai tomar uma carcada bonita dos russos nos próximos dias, 11 anos depois não temos uma nova geração de engenheiros pois ninguém quer trabalhar em um programa espacial de mentirinha, e a única pessoa feliz é o datilógrafo da Agência Espacial Brasileira, afinal ele tem estabilidade.

Enquanto isso a Olimpíada Brasileira de Astronomia mal conseguiu 50% dos R$ 50 mil que precisa para comprar um planetário digital e incentivar jovens do país inteiro a buscar uma carreira em ciências.

Fonte: FAB.

Relacionados: , , , ,

Autor: Carlos Cardoso

Entusiasta de tecnologia, tiete de Sagan e Clarke, micreiro, hobbysta de eletrônica pré-pic, analista de sistemas e contínuo high-tech. Cardoso escreve sobre informática desde antes da Internet, tendo publicado mais de 10 livros cobrindo de PDAs e Flash até Linux. Divide seu tempo entre escrever para o MeioBIt e promover seus últimos best-sellers O Buraco da Beatriz, Calcinhas no Espaço e Do Tempo Em Que A Pipa do Vovô Subia.

Compartilhar
  • William De Oliveira Ferreira

    E teremos mais algum patriota tentando justificar a gestão incompetente?

    • reuelalmeida

      Sim! Logo mais aparece um aqui.

    • reuelalmeida

      Sim! Logo mais aparece um aqui.

    • Sim. Todos aqueles que ajudarão a reeleger os atuais governantes.

      • Lucas Timm

        Afinal de contas eles “ajudam” os pobres.

      • Raffael Bottoli Schemmer

        Muito boa sua resposta 🙂 Foi na ferida do problema, se tudo isso acontece, é porque alguém deixou ou deixa acontecer. É lamentável ler tamanha palhaçada e descaso, lembrando que vivemos em meio a tantas outras situações parecidas (Saúde,Transportes,Política,etc,etc..)

        • Pessoal põe a culpa apenas nos políticos, como
          se eles brotassem em brasília como fungos. Daí vc pergunta para eles: em quem você votou para deputado estadual e vereador? Poucos sabem responder. Pouquíssimos fiscalizam. Menos ainda cobram diretamente via rede social, telefone ou e-mail.

          • luisbrudna

            A administração pública deveria ser para o benefício de todos, e não apenas para eleitores de um determinado político. Não tenho como alterar as decisões de um canditado que votei e que fez algo de errado. Não me fornecem mecanismos para tal.

          • Se é pro benefício de todos, então é obrigação de todos fiscalizar e cobrar, e não só aqueles em quem se votou.

            Não ter elegido não é desculpa.

          • luisbrudna

            Sim. Concordamos.

          • Se é pro benefício de todos, então é obrigação de todos fiscalizar e cobrar, e não só aqueles em quem se votou.

            Não ter elegido não é desculpa.

          • luisbrudna

            A administração pública deveria ser para o benefício de todos, e não apenas para eleitores de um determinado político. Não tenho como alterar as decisões de um canditado que votei e que fez algo de errado. Não me fornecem mecanismos para tal.

          • luisbrudna

            A administração pública deveria ser para o benefício de todos, e não apenas para eleitores de um determinado político. Não tenho como alterar as decisões de um canditado que votei e que fez algo de errado. Não me fornecem mecanismos para tal.

          • Marcelo Eiras

            Este nem é o maior problema, o problema é o plano de perpetuação no poder com o bolsa família e outras medidas populistas e demagógicas. Dificilmente nos EUA ou em outro país desenvolvido alguém chegaria a presidência basicamente prometendo esmolas governamentais, mas no Brasil está é a receita infalível para ser eleito, nos EUA se você fracassa você é um looser, aqui é uma “vítima deste sistema capitalista opressor de gente branca de olhos azuis”.

            Se temos muitos políticos desonestos é porque temos muitos brasileiros desonestos. A desonestidade está no DNA do brasileiro, tirando raras exceções proporcionais ao número de políticos honestos.

            Não existe diferença do político que vota a favor do governo em troca de cargos ou dinheiro (mensalão) do vagabundo que vota em troca de bolsa família e outras esmolas governamentais.

          • Helvio_Mota

            Mas todo mundo sabe em quem votou no último paredão do Big B*sta…

          • bruno torrente

            verdade kkkkk …

            Resumindo digo e repito sempre o problema do brasil é o brasileiro.

          • bruno torrente

            kkk Brasileiro cobrando seus direitos ? aquele da inclusão digital acessando e-mail e cobrando seu voto, ou mesmo por telefone ou redes sociais…. piada “neh” ? … 🙂

            Para o brasileiro falta o básico de tudo incluindo o que ele precisa para poder cobrar seus direitos, vergonha na cara estudo e conhecimento dos seus direitos.

            Um dia talvez o povo descubra o que é Ministério Público Federal ou mesmo que TODO senador, deputado federal etc tem e-mail e telefone para contato.

            Até la .. vamos brasil reabrir os cursos de datilografia 🙂

          • bruno torrente

            kkk Brasileiro cobrando seus direitos ? aquele da inclusão digital acessando e-mail e cobrando seu voto, ou mesmo por telefone ou redes sociais…. piada “neh” ? … 🙂

            Para o brasileiro falta o básico de tudo incluindo o que ele precisa para poder cobrar seus direitos, vergonha na cara estudo e conhecimento dos seus direitos.

            Um dia talvez o povo descubra o que é Ministério Público Federal ou mesmo que TODO senador, deputado federal etc tem e-mail e telefone para contato.

            Até la .. vamos brasil reabrir os cursos de datilografia 🙂

          • Bruno Rocha

            Direitos, Direitos, Direitos, Direitos, Direitos, Quero meus D-I-R-E-I-T-O-S.

            Esses direitos também são uma forma de ganhar votos. Direito às cotas, à todo tipo de benefício “compra voto” de pobre otário que não gosta de pensar.

            Os países de terceiro mundo se caracterizam por serem os países que mais tem direitos. Mais do que os desenvolvidos. Bem, isso deve explicar muita coisa.

            Direito à felicidade… oohhhh maiii gódeeeeeeeee

            Nos EUA você tem o direito de buscar sua própria felicidade.

            Me lembrei dos comunistas da Venezuela, criando o “Ministério da Suprema Felicidade”.

          • Bruno Rocha

            Enquanto o voto não deixar de ser obrigatório viveremos no parasitismo.

          • Bruno Rocha

            Enquanto o voto não deixar de ser obrigatório viveremos no parasitismo.

          • Sim, claro. Porque ninguém aceitará suborno para ir lá votar ou votará obrigatoriamente sob ordem de algum coronel.

            E APOSTO vc estará lá, em seu dever cívico, como primeiro da fila para eleger um governante em pleno domingo de sol brilhando e céu azul, quando poderia estar na praia.

          • Bruno Rocha

            A idéia é exatamente tirar esses eleitores que votam por votar. Geralmente esses são os mesmos que votam em promessas assistencialistas. Então a lógica está certa.

          • – Te dou “10 reaus” pra você ir votar em mim
            – Já é.

            – Vota nimim e eu arrumo emprego pro seu filho.
            – só se for agora.

            – Vota nesse cabra ou meus jagunços irão fazer a sua barba hoje
            – Craro, coroné.

          • – Te dou “10 reaus” pra você ir votar em mim
            – Já é.

            – Vota nimim e eu arrumo emprego pro seu filho.
            – só se for agora.

            – Vota nesse cabra ou meus jagunços irão fazer a sua barba hoje
            – Craro, coroné.

          • Carlos Prado

            Quem obrigou o pessoal a votar? “Ah, mas quem me indicou foi você. Assim, de alguma forma obscura, você também é responsável pelas minhas cagadas e deve responder por elas!”.

      • Raffael Bottoli Schemmer

        Muito boa sua resposta 🙂 Foi na ferida do problema, se tudo isso acontece, é porque alguém deixou ou deixa acontecer. É lamentável ler tamanha palhaçada e descaso, lembrando que vivemos em meio a tantas outras situações parecidas (Saúde,Transportes,Política,etc,etc..)

      • Dominique Akira

        OS ATUAIS E OS ANTERIORES. LIBERAIS E COMUNISTAS SÃO LIXOS NA MESMA MEDIDA.

    • Raphael Eduardo

      Eu acho que o mais absurdo nessa história foi fazer acordo com a Ucrânia, que terceiriza o mais importante, no lugar do governo conversar diretamente com quem sabe ou tem interesse em desenvolver a tecnologia.

      • Lazaro Fernandes Lima

        Pelo que vejo nesses programas governamentais muita grana vai para Cuba e Russia sem retorno algum enquanto estamos sem orçamento pra construir um telescópio.

        • Raphael Eduardo

          Há alguma pareceria, nesse sentido, de tecnologia militar, entre Russia e Brasil? Até onde eu sei, nós só vendemos carne e frango para eles.
          A propósito, não entendi a relação entre a construção de um porto por empresas brasileiras que financiaram a campanha de centenas de políticos (por exemplo) e tecnologia aeroespacial.

      • Bruno Rocha

        Até os foguetes dos EUA são terceirizados. Qual o problema? É só não fazer acordo com esses países escrotos (tipo o Brasil).

        • Raphael Eduardo

          Comparar o Brasil com a maior potência militar é forçar a barra heim.

          • mr_rune

            A comparação é feita visando melhoria, portanto deve ser feita comparando com os melhores, não com piores (ou iguais). Que melhoria o brasil poderia fazer se for comparado com a Somália ou Índia?

          • mr_rune

            A comparação é feita visando melhoria, portanto deve ser feita comparando com os melhores, não com piores (ou iguais). Que melhoria o brasil poderia fazer se for comparado com a Somália ou Índia?

          • Raphael Eduardo

            De um país cujo governo não existe na prática para outro que já enviou uma sonda ao planeta Marte. Como falta ponderação nos dias de hoje.
            É o seguinte mr_rune, ninguém ta comparando o Brasil com ninguém (não neste caso), ninguém está nivelando por baixo. Ter como referência é uma coisa, desenvolver uma tecnologia é outra. Se o Brasil tem interesse, deveria procurar quem tem interesse em desenvolver junto, mesmo que seja a Somália, pois, por óbvio, quem já tem, não compartilhará de graça.

          • Raphael Eduardo

            De um país cujo governo não existe na prática para outro que já enviou uma sonda ao planeta Marte. Como falta ponderação nos dias de hoje.
            É o seguinte mr_rune, ninguém ta comparando o Brasil com ninguém (não neste caso), ninguém está nivelando por baixo. Ter como referência é uma coisa, desenvolver uma tecnologia é outra. Se o Brasil tem interesse, deveria procurar quem tem interesse em desenvolver junto, mesmo que seja a Somália, pois, por óbvio, quem já tem, não compartilhará de graça.

      • Bruno Rocha

        Até os foguetes dos EUA são terceirizados. Qual o problema? É só não fazer acordo com esses países escrotos (tipo o Brasil).

  • William De Oliveira Ferreira

    E teremos mais algum patriota tentando justificar a gestão incompetente?

  • Denis J. Alves

    Toda vez que vejo um post do Cardoso sobre o Brasil eu sinto uma vontade enorme de me mudar, mas aí eu lembro que sou pobre.

  • lordtux

    Ler esse tipo de artigo do Cardoso é pedir pra ficar revoltado com tanto descaso do nosso governo incompetente.

    • Lazaro Fernandes Lima

      Parceria com a Ucrânia e participação da Rússia…
      Cara, esses governantes só podem ser muito fdps para envolverem tanta questão política num projeto… É pedir pra dar merda

      O mais animal é saber que o líder do projeto aceitou desenvolver isso com essas parcerias “estratégicas”, já vi projetos escolares mais estáveis que esse “programa espacial”

    • Lazaro Fernandes Lima

      Parceria com a Ucrânia e participação da Rússia…
      Cara, esses governantes só podem ser muito fdps para envolverem tanta questão política num projeto… É pedir pra dar merda

      O mais animal é saber que o líder do projeto aceitou desenvolver isso com essas parcerias “estratégicas”, já vi projetos escolares mais estáveis que esse “programa espacial”

      • OverlordBR

        Sempre pode piorar: se bobear, o governo faz uma parceria com Cuba pagando um salário de 15.000 Reais para cada “engenheiro aeroespacial” cubano… sendo que 14.000 iriam para os companheiros socialistas lá da Ilha da Fantasia.

      • Lembrando que isso tudo é por puro antiamericanismo. O governo atual faz acordos com tiranias mas não quer se envolver com os EUA.

  • lordtux

    Ler esse tipo de artigo do Cardoso é pedir pra ficar revoltado com tanto descaso do nosso governo incompetente.

  • Aleandre Da Silva Costa

    Esta ai uma coisa que podia ser privatizada no brasil, o programa espacial. Pior que esta não fica, e se forem feitos acordos decentes, pode se ganhar transferência de tecnologia para o brasil em geral.

    • Bruno Rocha

      É mais provável que uma teórica empresa privada competente apareça e seja estatizada na mesma hora. Claro, em nome do bem comum.

      • Alexandre Norberto

        Falando em empresa privada, alguém lembra das excelentes empresas aeroespaciais e de defesa que tínhamos nos anos 70 a 90? Embraer, Avibrás, Engesa, Imbel, Rossi, Taurus … Lembro que a “ultima palavra” em fuzis é a base de polímeros e formato bullpup, mas alguém se recorda da finada L.A.P.A do RJ que desenvolveu um conceito de armas (Fuzil e pistola modulares) em polímero para o exercito nos anos 80/90? Morreu e boa parte de suas ideias e tecnologia foram parar no Styer AUG, Famas, Endeavor, FN P90 e claro a mais famosa de todas, GLOCK.

        Não sei o que ocorreu, mas além do calote dado pelos arabes o governo “democrático” a partir do Collor, incluindo FHC e o Luneta se encarregaram de afundar de vez essa industria. A Taurus fugiu para os EUA onde está bem de vida, o resto afundou e desapareceu junto com bons profissionais que foram trabalhar fora.

        Mas como diz o sábio Ronaldo, a Copa não se faz com hospitais e certamente também não com industrias de ponta.

        Mas como diz o Cardoso, temos tecnologia em chinelas de pneu reciclado, pelo menos eu acho …..

        • Antonio Menezes

          Joinha pela informação sobre a L.A.P.A. pois era algo que não sabia.

          • Alexandre Norberto

            Essa é bem antiga. Vem dos tempos da extinta revista Tecnologia e Defesa que acompanhou o desenvolvimento do projeto deste de muitos outros da outrora existente industria de defesa no Brasil.

        • Antonio Menezes

          Joinha pela informação sobre a L.A.P.A. pois era algo que não sabia.

    • Bruno Rocha

      É mais provável que uma teórica empresa privada competente apareça e seja estatizada na mesma hora. Claro, em nome do bem comum.

    • W. W. Barros

      Eu me sinto tentado a fundar uma empresa assim, mesmo não sendo Engenheiro e nem possuindo o dinheiro. Mas com certeza faria melhor do que os governos (atual, passado e quiçá futuro).

  • Aleandre Da Silva Costa

    Esta ai uma coisa que podia ser privatizada no brasil, o programa espacial. Pior que esta não fica, e se forem feitos acordos decentes, pode se ganhar transferência de tecnologia para o brasil em geral.

  • Murilo Teixeira

    Tein pobrema naum, eçis trosso de fugeti naum çervi pa budega ninhuma mermo…
    Çacanage eh tirá 1 bião pra coisá fugeti, invér de envesti nu bolça famía…

    • Bruno Rocha

      Imagino esse povo/parasita nojento tendo filhos igual ratos pra ganhar mais benefício.

  • Murilo Teixeira

    Tein pobrema naum, eçis trosso de fugeti naum çervi pa budega ninhuma mermo…
    Çacanage eh tirá 1 bião pra coisá fugeti, invér de envesti nu bolça famía…

  • mr_rune

    Quem ai votou na Letícia ?

  • OverlordBR

    Só digo uma coisa: GRAÇAS A DEUS QUE NÃO TEMOS BOMBAS NUCLEARES!
    Porque, se tivéssemos… Alcântara poderia trocar o nome para Chernobyl!

    • W. W. Barros

      Sempre teremos Angra.

      • William De Oliveira Ferreira

        Nova Era, Rebirth, Angels Cry!

        Infelizmente não teremos Angra para sempre… =(

    • W. W. Barros

      Sempre teremos Angra.

    • W. W. Barros

      Sempre teremos Angra.

    • Marcelo Eiras

      Sempre é bom lembrar que “potências” como Índia e Paquistão tem.

      • A Índia mandou uma sonda pra Marte e nós criamos um ICBM para assustar pinguim.

    • Marcelo Eiras

      Sempre é bom lembrar que “potências” como Índia e Paquistão tem.

    • Marcelo Eiras

      Sempre é bom lembrar que “potências” como Índia e Paquistão tem.

  • Alcides Pamplona

    Excelente texto, claro, conciso, irônico e ácido.

    Como tem que ser.
    Parabéns.

  • Luiz

    Vai chegar a hora que qualquer pessoa fisica vai poder ter seu proprio foguete comprador por 1 milhão e a incompetencia de governo não vai ter conseguido por um misero foguete no espaço. Alguem roubou 1 bilhão de dolares, foi isso que ocorreu. Nem produzir metanfetamina é tão lucrativo.

  • Luiz

    Vai chegar a hora que qualquer pessoa fisica vai poder ter seu proprio foguete comprador por 1 milhão e a incompetencia de governo não vai ter conseguido por um misero foguete no espaço. Alguem roubou 1 bilhão de dolares, foi isso que ocorreu. Nem produzir metanfetamina é tão lucrativo.

  • Marcelo Eiras

    Não conseguimos em 2014 fazer algo que foi feito na década de 50, colocar uma porcaria de um satélite no espaço.

    Que aluguem a base para os EUA e voltemos a nossa realidade de exportar soja, laranja, minério e bundas…

    • E comprar tomate, feijão e álcool de outros países.

    • E comprar tomate, feijão e álcool de outros países.

    • E comprar tomate, feijão e álcool de outros países.

    • Carlos Prado

      Cada um fazendo o que sabe fazer.

  • Marcelo Eiras

    Não conseguimos em 2014 fazer algo que foi feito na década de 50, colocar uma porcaria de um satélite no espaço.

    Que aluguem a base para os EUA e voltemos a nossa realidade de exportar soja, laranja, minério e bundas…

  • Marlon J Anjos

    Teoria da Conspiração: Os russos só estavam nessa para tentar roubar os projetos do ICBM brasileiro. O Datilografo da AEB é na verdade um agente duplo da SVR russa.

  • Cacio Frigerio

    Cardoso, daria para contar uma mentirinha na próxima vez que falar sobre ciência no Brasil? Sério.. eu sei que vai ser mentira mas só para eu me iludir um pouco.. As vezes da vergonha de ser brasileiro… pqp

  • Pingback: Snowden vaza via Wikileaks contato da NASA com extraterrestres()

  • Pingback: NatGeo sai na frente da Wikipedia e já incorpora a Crimeia ao território russo()

  • Pingback: Bug errado na hora errada: o YouTube tira do ar agência de notícias russa()

  • Pingback: Globo e FIFA dão rasteira em paraplégico()

  • Pingback: Pode ser que a gente veja Cuba lançar um foguete()

  • Pingback: Milagre: Brasil aprova Projeto Sirius, R$ 1,3 bilhão de pura ciência()

  • Pingback: Blog do The New York times zoa o Brasil por causa do Aldo Rebelo - Portal Libertarianismo()

  • Pingback: SUCESSO — Brasil finalmente manda algo pro espaço: R$ 1 bilhão - Carta ao Leitor()

Aproveite nossos cupons de desconto:

Cupom de desconto Locaweb, Cupom de desconto HP, Cupom de desconto Descomplica, Cupom de desconto Nuuvem, Cupom de desconto CVC, Cupom de desconto Asus, Cupom de desconto World Tennis