Digital Drops Blog de Brinquedo

Co-fundador do YouTube não gostou nada da nova política anti-trolls do serviço

Por em 8 de novembro de 2013
emÁudio Vídeo Fotografia Comunicação Digital Google Internet Web 2.0 relacionados     
Mais textos de:

Site | Twitter
  • http://www.crashcomputer.tk/ Gradius

    Ou seja… a Google está fazendo mundos e fundos pra enfiar goela abaixo sua rede social, ou seja está morrendo de inveja das outras redes.

    • Marcelo

      Ou não.
      Cara, o Google+ é uma ótima rede social, o YT é da Google e eles estão melhorando, antes era preciso usar a conta Google pra comentar, eles só integraram ao Google+. Nada mais que isso.

      • Keaton

        E eu simplesmente podia continuar usando a conta do Google para comentar, não podia?
        Eles tinham que forçar todo mundo a criar uma conta no Google Plus, tirando o direito da pessoa de não querer ter conta na rede social deserta?

        • Darkus

          É só adicionar o google plus e continuar apenas usando o youtube e ignorar o google +, um dia ele morre.

          • Marcelo

            “Um dia ele morre”

            Será?

          • Darkus

            Vamos torcer positivamente, mas sabe, eu até espero que vingue, pois o facebook já deu tudo que tinha de dar, ô treco inútil, preferia o Orkut (e prefiro o twitter) a ele, era mais ÚTIL.

          • Marcelo

            Bom, eu já considero o Google+ mais útil. É uma rede incrível e tem muita gente boa e conteúdo bom. Eu aprendi muita coisa lá do que em qualquer outra rede.

          • http://www.crashcomputer.tk/ Gradius

            Certeza que morre! Ou esqueceu que a Google é ESPECIALISTA em matar serviços que não emplacam?

          • Keaton

            Ele matou diversos serviços que o povo usava… preciso lembrar do Google Reader? :

          • Marcelo

            A Google não é a única em fazer isso. Só que esse ano a matança foi maior devido ao comando estar sob mãos do Larry Page (CEO) – que a ideia é justamente de diminuir o número de produtos e serviços que estão pouco lucro e focar nos principais. O Reader eu achei errado, considero uma exceção.
            “Certeza de que ele morre” – disse o especialista e analista.

        • Marcelo

          Sim, podia, mas é um serviço da Google e é gratuito. Antes, quando você cria conta Google, você cria no Google+, só tem que criar perfis.
          E outra, você pode criar um círculo vazio e comentar.

        • Glauber Silva

          Se você tem uma conta google, automaticamente você tem o perfil do G+

        • Nil Obermüller

          Acho que vocês esquecem que a Google é uma empresa e precisa vender seus produtos ao público, nada mais fácil que incorporar tudo num lugar.

    • Bruno

      Eu nem uso o Google+. Na verdade odeio redes sociais. Meu Facebook só tem uma foto minha e meia dúzia de posts. Sim, todos me acham maluco por não passar o tempo todo postando idiotices e frases bonitinhas de efeito emotivo barato.

      • Darkus

        Eu cada dia posto menos no facebook também, atualmente so uso o chat e leio o que me linkaram.

        • http://www.crashcomputer.tk/ Gradius

          Bem por ai! Facebook pra mim até um mês atras era simplesmente NADA. Só tinha a conta porque usava as credeciais pra logar aqui e acolá usar a api dele pra social connect no meu blog. Mas dai como as viúvas do msn começaram a chorar, eu passei a usar o chat e passei a pelo menos ler o besteirol que postam por lá. Mas eu limitei a minha dose diária de ABOBRINHAS a 10 minutos e pronto.

          • Bruno

            Esse entusiasmo não vai durar muito. Os bons amigos que postam coisa boa são a minoria. Geral lá só faz é replicar frases bonitas e imagens de auto ajuda. Apenas nisso. Sinceramente, acho que na época do Orkut era mais legal.

      • http://www.crashcomputer.tk/ Gradius

        Comigo foi o contrário. Os amigos acharam que eu estava maluco quando a um mês atrás resolvi usar um pouquinho do facebook, depois de anos resolvi por uma foto no perfil e ai.. me perguntaram: Endoidou? Acabou o gardenal? O mundo vai acabar? :P

      • Nil Obermüller

        Eu uso bastante o G+, participo de diversas comunidades além de sempre receber notícias que me interessam no feed, nem encaro como rede social e sim como um serviço que integra várias coisas que sempre usei no Google, Busca, Albuns de Fotos, Informações e Contatos.

        • Thiago Vieira

          Comunidades! Aqui está a força do G+. Por isso que mesmo que meus amigos não estejam lá, uso o site todo dia!

  • TiagoRL

    O duro disso é que se a 10 anos atrás fiz um comentário infeliz, e alguém tasca meu nome no Google, vou ser julgado hoje (10 anos depois) por essa cagada. Ou pior, se for me candidatar a uma vaga a empresa (ou qualquer um) vai se sentir no direito de montar um “dociê” com base nos meus comentários na internet. É inevitável nos tempos atuais, mas não deixa de ser ruim.

    • Bruno

      É só não adicionar ninguém no seu Google+. Se você tiver conta no youtube, apenas clique na opção “Google+” que seu perfil é criado automaticamente, ai você só muda o nome e avatar. Ninguém saberá que é você. Eu tenho uma conta no + que foi feita exatamente assim, porém, caso o Facebook morra de tanta tralha que o palhaço do Zuckenberg cria, eu já tenho um perfil meu, onde não postarei nada, mas vai ficar lá, só pra dizer que tenho.

    • Darkus

      Apenas crie outro email com outro nome de fantasia, use um para email e o outro apenas pro youtube, problema resolvido.

      • Glauber Silva

        E limpar sempre o navegador. Pois se deixar os cookies rodando ele vai linkar uma conta a outra e essa sua ideia vai pro espaço.

    • Wallacy

      Além bde ser possível manter os comentários restritos ao seus círculos de amizade, e não público como antes. Nesse futuro citado você pode fazer o mesmo, procurar seu nome na internet e eliminar os arrependimentos. Não é feio mudar de ideia, muito menos em dar manutenção na sua vida online.

    • Ivan

      No caso do Youtube ele ainda permite revisar seus comentários antes de fazer a migração.

    • http://www.mauriciovittorazzi.com.br/ Mauricio Vittorazzi

      Simples: Seja no mínimo consciente e não saia falando abobrinhas aos quatro ventos por aí. Você está na internet e pode pensar quantas vezes quiser antes de escrever algo que possa lhe comprometer.

      • TiagoRL

        Mas esse é o detalhe Mauricio, errar é humano. O que você diz não está errado, mas é a penas a situação ideal e não a real. O que eu pergunto é, então se eu errei lá atrás por bobagem, devo ser condenado por isso pelo resto da minha vida, mesmo tendo mudado de opinião? (isso inclui tanto posições sobre assuntos quanto o cara xingar o outro)

        Mas como o pessoal falou, se dá pra controlar posteriormente a visibilidade do comentário, então beleza, não estava ciente disso.

        • Luiz Felipe

          Para isso eu tenho varias identidades e uso browsers e ips diferentes para acessar.

  • Bruno

    Não se preocupem. Se você não tem Google+, ele será criado automaticamente em conjunto com a sua conta atual do Youtube. Funciona assim: você tem a conta no Youtube, ao clicar na opção do “Google+”, ele direciona pra comunidade e cria automaticamente a sua conta, com o mesmo nome da tua conta do Youtube e avatar.

    Se você não quer ter uma conta no Google+ com seu nome e foto, é só mudar o avatar e nome, a conta vai ficar vinculada ao seu canal do youtube e ninguém saberá que a conta do Google+ é sua. Apenas isso.

    Além disso o sistema de comentários melhorou bastante. Agora é possível comentar com mais de 500 caracteres, o que evita ter que partir seu comentário. Mas aguardem, várias coisas ainda está em forma experimental, com o tempo o sistema será adaptado e aperfeiçoado.

  • Keaton

    Politica anti-troll? OI? Sério mesmo que tu acredita nisso? E em Coelhinho da Pascoa também?
    Meu argumento contra isso ser “politica anti-troll” é o fato de você ainda poder criar página no Google Plus com QUALQUER nome e usar para responder no YouTube… lmao (Mesmo se essa opção não existisse, dúvido que funcionaria como anti-troll… é ridículamente fácil criar contas e mais contas do Google…)

    Minha opinião é que essa foi a forma cretina do Google atrair pessoas para a fracassada rede social deles… (Olha, temos um monte de usuários no YouTube! Vamos obrigar eles a usar o Google Plus!!1!)

    Não sei se o Google anda olhando o cenário, porém faz algum tempo que o YouTube deixou de ser uma boa opção para se manter um canal de videos:
    Tem um zilhão de bugs não corrigidos que eu já reportei umas vinte vezes, advertsings forçados em videos que você não queria advertsings, remoção de videos de forma erronea e/ou facista, e agora essa?
    Prefiro simplesmente fechar minha conta no YouTube e fingir que ele nunca existiu.

    Boas alternativas ao YouTube é o coisa que não falta… js…

    • Zephyro

      Detalhe que com esse sistema agora adotado, eu tô notando que em alguns vídeos trolls estão ganhando relevância! Ou seja: trocou seis por meia dúzia. Outro ponto, como você abordou, é que troll que é troll provavelmente irá criar uma nova conta com um pseudônimo.
      Fica cada vez mais difícil não concordar que a intenção principal dessa nova política é justamente uma tentativa descarada de popularização do Google+. Aliás, adivinha pra onde notificações de respostas no YOUTUBE me levam agora? Pois é. Mesmo alguns vlogueiros que acompanho (os que, em teoria, seria os mais beneficiados) estão reclamando.
      Não bastasse tamanha ingenuidade do autor, ele ainda se apresenta como paladino do bom comportamento criticando e rotulando os que têm alguma objeção. Tá ‘serto’.

      • http://www.mauriciovittorazzi.com.br/ Mauricio Vittorazzi

        O google é dono do youtube, certo? O que é que há de errado nele querer popularizar a própria rede social?

        • Zephyro

          Eu disse que era errado? Se você leu direito, minha crítica vai em contraponto a duas questões: efetividade dessa nova política e ingenuidade alheia. PONTO.
          Particularmente, prefiro produtos separados, até pela melhor possibilidade de gerenciá-los. Eu vejo o problema na obrigatoriedade dessa “integração”, posta em prática sob um pretexto questionável. Todavia, discordando do Keaton, o Google hoje pode fazer isso porque, infelizmente, colocando na balança os prós e contras, o YouTube ainda se mostra o serviço de vídeo menos pior às massas (muito por conta da sua popularidade). Ainda faltam boas alternativas, e enquanto elas não aparecem, “ficaremos à mercê” de certas políticas adotadas pelo Google. Não é de hoje que Google tem deteriorado o YouTube, e com políticas como essa, isso tem ficado mais evidente.

        • Keaton

          Se tu quer criar uma rede social fantasma que o povo só usa porque você OBRIGA eles a usarem e que (quase) NINGUÉM se importa com ela, não tem nada errado… ao contrário, está indo pelo caminho certo.

          Mas se tu quer construir uma rede social de verdade… ai são outros quinhentos.

          É a mesma coisa que você assinar seguro de saude e ser obrigado a assinar também TV por assinatura.

          • http://www.mauriciovittorazzi.com.br/ Mauricio Vittorazzi

            O Google só está integrando os perfis de todos os serviços por mera praticidade, ao meu ver. Se isso faz com que a rede seja divulgada de alguma forma, é lucro. Dois coelhos em uma só cajadada. O que eu não entendo é: Onde e como é que o google está obrigando você e todas as pessoas a usarem o Google+ com essa integração? Isso não existe. Ninguém está te obrigando a usar nada contra sua vontade. Seu perfil do Youtube só será o mesmo da sua conta do Google mas o conteúdo que rola em uma não entra em outra. Já postei comentários em vários vídeos e nenhum deles aparece na minha página do Google+.

            Sinceramente, eu não consigo entender o motivo de toda essa revolta.

          • Glauber Silva

            Pessoal reclama porque gosta de reclamar, simples isso. São frustrados que usam a internet como valvula de escape, porque tem aquele pensamento de que o que é feito no virtual, não invadira o fisico.

          • Keaton

            Argumentação ótima. Tão boa que nem dá vontade perder meu tempo respondendo. (sim, tenho esse salvo no respostas-a-cretinices.txt)

          • Zephyro

            Não só o argumento é ruim como ele ainda teve mais dois pra positivar o “magnífico” comentário. hahaha Fanboys nunca conseguem racionalizar, é sempre o mesmo discurso pobre: “Você está chorando”, “Você não tem o direito de demonstrar insatisfação” (como se produtos não pudessem ser constituídos a partir de feedback) e cretinices do tipo.
            Deixei um comentário aqui mais cedo, mas aparentemente a moderação “esqueceu” de liberar.
            Meio Bit à parte, é interessante ver que existe uma ala pensante contrária e insatisfeita com essa política adotada, não somente ruim por si só como também mal implementada. O problema é que enquanto o YouTube não tiver um concorrente forte, é pouco provável que voltem atrás. No mais, deixo isto aqui: youtube . com / watch?v=LTq8TrA3hb4

          • Glauber Silva

            Três pessoas me positivaram, mas isso não importa. Só você e o imbecil do Keaton , que se acham grande coisa me negativaram, mas a opinião de vocês é tão insignificante para mim quanto a existência de vocês é para o Universo.

          • Zephyro

            Nos achamos grande coisa porque queremos que a bodega seja OPCIONAL e não compulsória? Negativamos porque o sistema permite negativar argumentos cretinos e sem o mínimo de racionalidade.
            Porque, claro, faz todo sentido: se não gostamos e lançamos críticas a algo, é porque somos frustrados, não porque o mundo é repleto de pessoas com preferências, gostos e visões diferentes. Porque, claro, o mundo gira em torno apenas do seu umbigo.
            Quanto a relevância de opinião, é reciproco.

          • Keaton

            Motivo: ser obrigado a criar cadastro numa droga que nunca mais vou usar porque alguns cabaços inventaram que isso era legal.

    • Bruno

      “Boas alternativas ao YouTube é o coisa que não falta… “

      Na verdade não. Só o Vimeo pra competir, mas ele é tão sem graça e mau organizado, que nem da vontade de usá-lo. O Youtube não é um monopólio, ele só é a comunidade mais destacar. Na hora que aparecer um hospedador de vídeo decente, talvez a concorrência entre eles nos tragam bons frutos.

      • Keaton

        Vimeo, Metacafe, DailyMotion, LifeLeak… tem mais um monte…

        • Bruno

          Sim, mas ele são péssimos e sua política de uso são tão ruins quanto às do Youtube.

          • http://www.windows8brasil.com/ Luandersonn Airton Sousa Silva

            O problema é que o conteúdo todo está no YouTube… Eu não produzo, consumo, e infelizmente tenho que assistir onde postam.

          • Bruno

            A concorrência de preguiça de se mexer, mas convenhamos, a Google é bem esperta e sabe centralizar seus produtos.

          • http://www.windows8brasil.com/ Luandersonn Airton Sousa Silva

            Que concorrência? O Vimeo é o melhorzinho e ainda muito atrás do YouTube.

            Sei que não gostam do Facebook em modo geral, mas ele comprando o Vimeo e (re)lançando como plataforma concorrente ao Google, seria MUITO bom.

            Pena que o Facebook é uma empresa pobre lazarenta pra algo desse porte.

      • Marcelo

        O Vimeo é de longe o melhor competidor ao YouTube.

    • OverlordBR

      “Meu argumento contra isso ser “politica anti-troll” é o fato de você
      ainda poder criar página no Google Plus com QUALQUER nome e usar para
      responder no YouTube..”

      Matou a charada.
      E veremos trolls como nomes mais, digamos assim, “reais”… só isto.

  • Wallacy

    A questão é que o Google+ nunca foi “a rede social do google” , eles sempre deixaram claro que ele era um agregador de serviços, se não me engana o Eric Smith tinha chamado de “futuro do Google”, não pela parte social mas pelo caminho obvio que o google tinha seguir: Um agregador de serviços.

    Alguns pode até dizer que prefere tudo separado, mas para qualquer empresa integração é importantíssimo! Manter vários produtos é muito caro, ainda maia quando são “gratuitos”.

    Queiram o que? O plus já tinha sistema de moderação de comentários, filtro para termos postados, etc etc. O sistema de comentários o plus é bom, qual o sentido de criar outro sistema só para agradar os haters. Sim vai ajudar eliminar os trolls como é possível fazer nos canais do plus, pode não resolver tudo mas ajuda. Só de permitir filtros de termo já é muito bom. Claro, vão ganhar mais usuários, vão. Mas já eliminaram o google profiles a tempo, vão migrar todos uma hora ou outra de qualquer forma.

  • abraaocaldas

    Como a maioria dos comentadores de youtube são trolls e está um chiadeira geral só posso concluir que o remédio está sendo efetivo!

  • Pingback: YouTube atualiza sistema de comentários para filtrar spam e ASCII Art

  • Pingback: Teentardados se superam e inventam o Desafio do Fogo no YouTube