Home » Mobile » Galaxy Fold não passa em teste que tentou dobrar o celular 200 mil vezes

Galaxy Fold não passa em teste que tentou dobrar o celular 200 mil vezes

Teste durou 14 horas e marcou 119.380 dobradas do smartphone

04/10/2019 às 15:45

O pessoal do CNET conseguiu colocar as mãos em um Galaxy Fold (mais do que um, na real) e o aparelho foi inserido em uma máquina de abrir e fechar Galaxy Fold. O objetivo foi de testar a durabilidade de 200 mil dobradas e que é prometida pela Samsung, mas ele quebrou quando estava pouco além da metade da meta.

galaxy fold quebrado

Quando a Samsung mostrou ao mundo o Galaxy Fold, a marca entrou em um problema que existe em literalmente qualquer treco inventado por humanos: partes móveis são partes de fragilidade da estrutura. Isso vale pro Fold, pra câmera giratória do Galaxy A80, para dobradiça de notebooks, câmeras que saltam de smartphones chineses e até mesmo pro miolo da fechadura da sua porta.

Prometendo ter feito testes exaustivos (não duvide disso, a Samsung sabe como testar seus aparelhos e o teste está no vídeo abaixo), ela prometeu 200 mil dobradas sem dar problemas na estrutura. Parece pouco, mas imagine que você abre e fecha o Galaxy Fold 100 vezes por dia, que são 4,16 vezes por hora (assumindo que você não dormiu nenhuma das 24 horas do dia), ainda assim teria cinco anos de produto sem problemas.

No teste feito pelo pessoal do CNET, o smartphone foi colocado em uma máquina que faz a aberturas e fechamentos completos, gerando um ciclo depois dos dois movimentos. O teste não representa um uso correto, já que você não vai fazer isso em nenhum momento da vida, nem mesmo abrir e fechar nessa velocidade, mas coloca o limite proposto pela Samsung na corda bamba e...deu ruim.

Depois de muitas (muitas mesmo) horas de vídeo ao vivo no YouTube, depois de 119.380 ciclos de abre e fecha, o Galaxy Fold quebrou. Primeiro a dobradiça passou a fazer um barulho diferente e a tela já tinha duas faixas com falhas nos pixels, pra segundos depois perder a visualização em um dos lados - o toque ainda era reconhecido, mas os pixels estavam desligados em 50% do Fold aberto.

Depois o teste seguiu por poucas dobradas e a dobradiça enguiçou de vez, não dobrando mais o produto. Ele morreu e se você quiser acompanhar quase que todo o processo, já que o YouTube registra apenas as 12 primeiras horas de vídeo, é só dar play no vídeo abaixo - spoiler: o barulho de abre e fecha é bem gostoso de ouvir.

Vamos supor que o Galaxy Fold não segure até 200 mil dobradas, mas sim até mais ou menos 120 mil vezes. Mesmo assim ainda são mais de dois anos e meio de uso, sem qualquer problema. E, novamente, esse teste do CNET foi de estresse, com uso exagerado e fora da curva real do usuário, tá?

Com informações: CNET.

Leia mais sobre: , .

relacionados


Comentários