Home » Games » PlanetSide Arena, o novo battle royale da Daybreak

PlanetSide Arena, o novo battle royale da Daybreak

Contando com um modo battle royale e outro onde até 500 pessoas poderão participar, PlanetSide Arena é o novo capítulo da consagrada série de FPSs.

14 semanas atrás

E se você achou que 2018 iria acabar sem o anúncio de mais um jogo do estilo battle royale, sinto informar, mas lembre-se de nunca duvidar da capacidade da indústria de sugar até a última gota do que está fazendo sucesso no momento. Com vocês o PlanetSide Arena, novo jogo da Daybreak Game Company que tentará abocanhar uma fatia desse tão lucrativo (e competitivo) mercado.

Previsto para chegar ao Steam no dia 29 de janeiro, inicialmente o jogo contará com dois modos, sendo um deles um battle royale para até 150 jogadores onde poderemos participar sozinhos ou em equipes formadas por três pessoas. O outro será o Massive Clash, onde duas equipes com 250 jogadores se enfrentarão até a morte. O plano é para que outros modos sejam adicionados no futuro, como os tradicionais deathmatch e capture the flag.

A boa notícia para quem não gosta de títulos lançados como em Acesso Antecipado é que o PlanetSide Arena já será disponibilizado como um jogo “terminado”, mas para quem gosta de games gratuitos, ele infelizmente não seguirá os passos do Fortnite. Com duas versões disponíveis na pré-venda, a mais barata delas está saindo por R$ 39,33.

É muito bom para a nossa equipe ver o PlanetSide crescer,” declarou Nick Silva, produtor do PlanetSide 2. “O PlanetSide Arena oferecerá aos fãs algo novo que tanto preserva quanto constrói em cima de todas as características que tornam o PlanetSide 2 tão único: a guerra em grande escala, os suaves movimentos e mecânicas de batalha, os veículos e armas icônicos. Será uma grande vitória para todos nós introduzir novos jogadores à franquia.

No game teremos três classes à nossa disposição, cada uma com habilidades específicas. No caso por exemplo do Assault ele será mais rápido que os demais e curará os membros da sua equipe quando atingir os inimigos. O Engenheiro por sua vez poderá colocar uma barreira de proteção a sua frente, enquanto o Médico conseguirá reviver os parceiros e abrir caixas mais rapidamente.

E para aqueles que forem se aventurar pelo battle royale, saiba que no início de cada partida surgiremos apenas como uma faca, um jetpack e um veículo individual que poderá ser “invocado” a qualquer momento. Caberá então ao jogador explorar o vasto mapa para encontrar equipamentos melhores, com a experiência adquirida sendo mantida e servindo para desbloquear novas armas e diagramas.

Os jogadores também serão premiados com dinheiro in-game de acordo com as suas ações, com a grana servindo para comprarmos armas em alguns terminais. Porém, a Daybreak garante que nada poderá ser adquirido no PlanetSide Arena com dinheiro real, o que sem dúvida é um bom sinal.

Também adotando o modelo de temporadas, a promessa é de que com com o tempo o jogo receberá novas classes, veículos, armas e atualizações no mapa, mas por enquanto é difícil saber se o PlanetSide Arena se mostrará um grande competidor ou acabará sendo apenas mais um battle royale fadado ao fracasso.

O que a pesa a favor do jogo é a experiência dos seus criadores e o fato dele nascer de uma franquia já consagrada. Eu sempre gostei muito da ideia do PlanetSide, onde centenas de jogadores podem se enfrentar num mapa gigantesco e embora tenha jogado o segundo capítulo muito menos do que deveria, esta é uma série que sempre respeitarei por tentar nos entregar uma guerra de grandes proporções. Agora, se isso será suficiente para atrair um bom público, só o tempo — e a qualidade do PlanetSide Arena — dirá.

PS: de acordo com a Daybreak, o lançamento do Arena de forma alguma significa que o PlanetSide 2 será deixado de lado. Há inclusive o plano de adicionar um novo continente ao jogo ainda no ano que vem, mas nós sabemos muito bem como as coisas funcionam. Se o novo jogo fizer um sucesso tremendo, eu não estranharei se o seu antecessor for simplesmente abandonado.

relacionados


Comentários