Home » Games » Nintendo » Miyamoto estava preocupado com o Super Mario Odyssey

Miyamoto estava preocupado com o Super Mario Odyssey

Shigeru Miyamoto revela que inicialmente ficou preocupado com a ideia do Mario explorar uma cidade real no novo jogo, mas que depois percebeu que isso poderia funcionar muito bem.

2 anos atrás

Desde a primeira vez que a Nintendo mostrou ao mundo o Super Mario Odyssey, várias pessoas tem desconfiado da cidade “real”que fará parte do jogo. Como a franquia sempre explorou lugares mais coloridos e surreais, uma metrópole pareceu deslocada do resto e a experiência da SEGA ao colocar seu principal mascote em uma situação parecido também ajuda a causar essa descrença.

Pois de acordo com uma entrevista concedida por Shigeru Miyamoto, nós não fomos os únicos a ficar preocupados com a ideia de ver o personagem explorando a New Donk City.

Estava preocupado com a forma como os jogadores reagiriam a estar em um mundo onde o Mario seria tão alto e as pessoas normais seriam mais altas ainda. Ou ao fato das pessoas não ficarem loucas com o Mario quando eles pulasse para cima e para baixo por todo lado. Mas com tudo isso dito, acho que percebi que a personagem Pauline já existia e a ideia deste jogo se passando numa cidade funcionou muito bem. E então demos continuidade.

Shigeru Miyamoto ainda falou sobre a importância de deixar que novos game designers explorem a série, provavelmente numa alusão ao inusitado Mario + Rabbids Kingdom Battle e também houve espaço para ele tratar de remakes e novas franquias.

Shigsy afirmou que não sente vontade de refazer os antigos Super Mario Bros., preferindo criar novas mecânicas e quanto as cobranças por séries inéditas, ele disse não sentir essa pressão.

Fundamentalmente, acho que é ideal se você pode fazer velhos personagens realizarem coisas novas. Quando uma nova mecânica de jogo é introduzida e existe um personagem que se encaixa muito, muito bem, acho que isso é fantástico. Mas tenho um pouco de hesitação e resistência quando alguém tenta arrogantemente trazer seus pensamentos, tentando criar novos personagens seguidas vezes.

Pois foi justamente a ideia de usar o chapéu do Mario para controlarmos outros personagens que mais chamou a atenção das pessoas no Super Mario Odyssey, fazendo inclusive com que o título fosse escolhido pela Game Critics Awards como o melhor jogo da E3 deste ano.

Para ser sincero, eu ainda continuo achando muito estranho essa tentativa de colocar o personagem mais famoso dos games num ambiente mais real, mas como estamos falando da Nintendo, não me sinto em condições de duvidar da sua capacidade de nos surpreender.

Fonte: Gamespot.

relacionados


Comentários