Home » Games » Indústria » Lumberyard, a game engine gratuita da Amazon

Lumberyard, a game engine gratuita da Amazon

Amazon decide entrar no mercado de engines de desenvolvimento de games e anuncia a Lumberyard, ferramenta gratuita que poderá ser utilizada por qualquer pessoa.

3 anos e meio atrás

Lumberyard

E para esquentar ainda mais o já concorrido mercado de kits de desenvolvimento de games, a Amazon anunciou aquilo que vinha sendo especulado há bastante tempo: uma engine própria que poderá ser utilizada por qualquer pessoa ou estúdio que queira criar jogos.

Batizada de Lumberyard, a ferramenta da empresa tem como grande chamariz o fato de poder ser utilizada gratuitamente, assim como a Unity 5 ou Unreal Engine 4, mas ao contrário do que vemos nessas engines, onde os desenvolvedores pagam royalties de acordo com as vendas do jogo, na da Amazon não teremos que dividir parte do que for ganho. Quer dizer, pelo menos não da maneira como acontece com os concorrentes.

A grande sacada da Amazon foi vincular o seu faturamento à utilização do GameLift, serviço que utiliza os servidores da companhia e que cobrará uma taxa de US$ 1,50 para cada 1.000 pessoas que jogarem diariamente. Tal valor pode até parecer baixo, mas se considerarmos que muitos títulos contam com centenas de milhares de jogadores todos os dias, a conta poderá ficar bem alta.

Um detalhe interessante é que na verdade a Lumberyard pode ser considerada uma modificação da CryEngine, ferramenta que a Amazon licenciou há pouco mais de um ano por um valor que giraria na casa dos US$ 50 milhões e aqueles que optarem pelo novo kit poderão lançar seus jogos para PC, PlayStation 4, Xbox One e dispositivos Android e iOS. Quanto a realidade virtual, a expectativa é de que os HMDs passem a ser compatíveis nos próximos meses.

Também vale citar que um dos aspectos em que a Lumberyard promete se destacar é nas partidas multiplayer, já de que acordo com os seus criadores a engine contará com todos os componentes necessários para criar facilmente jogos que possuam tal recurso, algo que poderá ser muito vantajoso para os estúdios menores que muitas vezes optam por ignorar as partidas online por medo, falta de dinheiro, de tempo ou pura incapacidade de desenvolvedor toda essa parte.

Por fim, a Amazon aproveitou o fato de ser dona do Twitch e a popularidade do serviço para incluí-lo na engine, o que permitirá que todos os jogos criados com ela possam ser transmitido facilmente pelo site e até contem com o Twitch ChatPlay, recurso similar ao Twitch Plays e que permitirá que os games sejam controlados pelos espectadores.

Se a Lumberyard conseguirá fazer frente as gigantes que estão há bastante tempo no mercado, somente o tempo poderá responder esta pergunta, mas com isso a Amazon consolida de vez a sua aposta no mercado de games e nos faz pensar no que eles farão a seguir.

Amazon GameDev — Introducing Amazon Lumberyard

Fonte: Gamasutra.

Leia mais sobre: , , .

relacionados


Comentários