As principais novidades do Mac OS X ‘Lion’

É com o slogan “O poder do Mac OS X,  a mágica do iPad” que a Apple lança o preview para desenvolvedores da próxima versão do Mac OS X, o Lion, cujo lançamento deve ocorrer nesse ano.  A ideia de mesclar o que já era bom Mac OS X com algumas features do iPad tem tudo para dar certo. Vejamos as principais novidades do Lion:

Launchpad

Agora será possível visualizar as aplicações instaladas da mesma forma que no  iOS (iPod touch, iPhone e iPad). Será possível visualizar por “páginas”,  ou seja, arrastar para os lados e ver mais aplicativos. Também estará presente a  opção de agrupamento de aplicativos.

Launchpad

Aplicativos em tela cheia

Se tem algo que atrapalha um pouco quem sai do Windows e vai para o Mac OS  X é forma de trabalhar com as janelas, eu ainda fico um pouco perdido, no iPad  tudo roda em tela cheia e, agora, o mesmo recurso estará disponível no OS X, com a opção de navegar entre as aplicações abertas facilmente pelo trackpad.

Aplicativos em tela cheia.

Mission Control

Com o Mission Control será possível visualizar todas as aplicações abertas, visualizar miniaturas das janelas em modo tela cheia e janelas agrupadas por programas,. Para quem trabalha com muitos aplicativos abertos, um dashboard como esse é ótimo para não   ficar perdido no meio de tantas janelas.

Mission Control.

Versions

Com o Versions, o Lion salva uma cópia de determinado arquivo toda vez que o mesmo é aberto,  ou a cada hora de trabalho no arquivo. Com isso temos o histórico completo da evolução do  documento e a qualquer momento podemos voltar para determinada versão, restaurar ou até  mesmo simplesmente copiar uma parte do conteúdo.

Do lado esquerdo na imagem está o  documento atual, e do direito a cascata de versões salvas do arquivo. Detalhe é que isso existe  no Windows, são as Shadow Copies, mas quase ninguém sabe que existe, fica escondido. Fica a dica para algo mais amigável no próximo Windows 😀

Versions.

Resume

Que tal reiniciar o Mac sem se preocupar em salvar os trabalhos, fechar os aplicativos? O Mac será reiniciado e quando abrir novamente, tudo volta da forma que estava, aplicativos e  documentos abertos, na mesma posição.

Resume.

Para quem já usou algum iDispositivo, deve concordar sobre a simplicidade e como é intuitivo os movimentos de touch nos aparelhos. Quem já deu zoom em uma foto em qualquer aparelho touch vai repetir o movimento em qualquer outro dispositivo, e agora esses gestos também fazem parte do Mac OS X Lion. Melhor que ler é assistir:

Ótimas novidades para os usuários de Mac, o que já era bom vai ficar melhor, e com o lançamento do próximo Windows cada vez mais perto é legal ver essa evolução no Mac OS X e imaginar como será o próximo capítulo dessa disputa. Será que veremos algumas dessas funcionalidades no Windows “8”? Espero que sim!

Relacionados: , ,

Autor: Márcio Fábio Althmann

Trabalho com desenvolvimento de sistemas .NET há 7 anos, sou Microsoft Certified Professional, líder do grupo de usuários de Silverlight o Silverlight Planet (www.silverlightplanet.net.br). Vencedor do campeonato de desenvolvimento para Windows 7: WinThe7 (www.winthe7.com.br). Mantenho um blog pessoal com conteúdo técnico para desenvolvedores www.marcioalthmann.net.

Compartilhar
  • http://www.yoomp.com rodrigofante

    O Lion promente, são pequenas alterações que vão fazer um grande estrago positivo na produtividade e no prazer de manusear o sistema.

    • Insabralde

      @rodrigofante, seria interessante se a Microsotf (com seu excelente time) fizesse a mesma coisa com o Windows. A unica coisa que muda nas versões é o visual e uma ou outra funçãozinha nova.
      Infelizmente o Mac OS X não funciona em PCs x86, exceto os Hackintosh, por que se não a dominancia da M$ estaria com os dias contados. Sem contar esse detalhe:
      Win 7 Ultimate = R$ 475,00
      Mac OS X SL = R$ 79,00

  • tungah

    Apps em tela cheia é uma nova função? Tá de sacanagem, né?

    • http://www.rodrigoghedin.com.br Rodrigo Ghedin

      @tungah, é o modo Jobs de apresentar “novidades”: primeiro você reclama e fala que é útil, depois coloca numa nova versão e dá status de primeira necessidade ao recurso. Já vimos o filme com a multitarefa do iOS, a história apenas se repete.

      []’s!

    • http://members.lycos.co.uk/metallizer/ metallizer

      @tungah, finalmente deram o braço a torcer.

      O OSX sempre maximizou as janelas de modo inteligente calculando o espaço necessário para o conteúdo apresentado no aplicativo, facilitando a vida de quem trabalha com várias janelas abertas ao mesmo tempo, lado a lado. No Windows, qualquer janela ao ser maximizada ocupa todo o espaço do display, mesmo que isso seja uma linha de editor de texto numa tela de 32 polegadas.

      A maioria venceu pelo jeito, mas prefiro do modo em que está.

      • Shokewave

        @metallizer, essa eh verdade mesmo, esse negocio de maximizar eh coisa de windowstard

        • Luiz Felipe

          @Shokewave, Somente se voce tem 3 monitores para deixar tudo maximizado.
          Eu uso o dock do windows 7, com umas modificações para dividir mais, pois o padrão é dividir a tela no meio na vertical.

        • http://ceticismo.net Pryderi

          @Shokewave, sei. Aposto que em menos de 1 mês, macfags estarão bradando a maravilha do Lion por fazer isso.

    • kakaroto_BR

      @tungah, kkkk eu tbm não entendi.

  • http://www.dgd.com.br adrianomacedo

    Putz! Não tinham um nome mesmo bichoso não, né?

    • cquintela

      @adrianomacedo, podia se chamar Lion-O

      • http://ceticismo.net Pryderi

        @cquintela, Willykit estaria mais adequado. 😉

  • http://renanfernandes.com.br ShadowBelmolve

    Sei que vão querer me crucificar por isso mas uso Linux + KDE e não vi nada de novo.

    PS: Nunca usei Mac mas sempre ouço que os outros sistemas sempre copiam dele então eu esperava alguma coisa realmente nova :/

    • aurelio.tal

      @ShadowBelmolve, Uso Linux também (Mandriva, openSUSE) com a ultima versão do KDE (4.6) e o mesmo não tem nada haver com o Mac OS X, ele é mas parecido com o Windows 7.

      Quem segue o visual do Mac OS X é o Ubuntu usando o GNOME, que fica muito atrás diga de passagem.

      Estes novos recursos do Mac OS X são show. No quesito inovação ninguém supera a Apple, ela esta sempre a frente da concorrência.

      • http://ceticismo.net Pryderi

        @aurelio.tal, Verdade. Nunca antes na história desse país um sistema operacional mostrou as janelas em tela cheia.

      • http://renanfernandes.com.br ShadowBelmolve

        @aurelio.tal, Launchpad lembra muito o plasma-netbook, embora o plasma-netbook pareça mais organizado.
        Aquele Mission Control parece mais uma gambiarra para ‘organizar’ os programas, no KDE as “atividades” são uma organização muito melhor(creio que o Mac tenha algo similar).
        O “Versions” parece interessante, no Linux bastaria usar um sistema de arquivos como ZFS ou BtrFS que ele faria isso em um nível mais baixo, deixando a performance da máquina quase intacta, embora não tenha um jeito de recuperar igual aparece na screen(que eu creio que só seja assim para alguns programas preparados), embora creio que isso seja mais parecido com o tal “Time Machine”, só que sem precisar de um programa(precisando de um programa o rsync da conta).
        Resume parece interessante, embora eu acho muito mais cômodo hibernar

  • David Kwast

    ícones no desktop e tela cheia? OSX ta virando PalmOS?

    Todo o resto parece legal, mas realmente não entendi o destaque neste 2 itens que citei acima. Mesmo que os ícones sejam como os do Iphone/iPad e a tela cheia seja…

  • http://Keaton.wordpress.com Keaton

    “Será que veremos algumas dessas funcionalidades no Windows “8″? Espero que sim!”
    EEEIII, eu ia fazer a mesma piada. :\

    O Launchpad é bem interessante, mas sério… espero que não seja direto na área de trabalho…
    Área de trabalho cheia de icones? Gosto não, quero não.

    Sério que no Mac ainda não tinha ‘Aplicativos em tela cheia’?
    A única chateação que eu via no Mac OS era aquela barra na parte inferior. (Não sei o nome, não sou obcecado por macs.)
    Não me importo muito com o Super Bar do Windows 7, mas aquela barra do Mac me incomodava quando estava no meu ‘hackintosh’. (Toda vez, sem querer, eu abria um programa novo.)

    O ‘Mission Control’ não seria algo como o Winkey+Tab?

    Ah, o ‘Versions’… é uma versão melhorada do maldito Shadow Copy que ninguém sabe como funciona ou como se recupera os arquivos anteriores. :\ (Não sei como recupera.)

    Já o ‘Resume’ parece interessante, mas tenho impressão que tinha programas que faziam isso no windows.
    Por curiosidade, esse Resume funcionaria em caso de falta de energia?

    • http://www.marcioalthmann.net Márcio Fábio Althmann

      @Keaton, Sobre o Launchpad precisa ser “chamado” felizmente, também acho estranho muitos ícones, mas facilita na navegação de aplicativos, então se precisar chama :)

    • Rafael Braga

      O “Mission control” não é parecido ao “Winkey+Tab”, que no caso é só mais um alt+tab.

  • http://hamacker.santhanna.net hamacker

    Shadow Copy no Windows é um recurso matador !
    Mata a performance da sua máquina :)

    Duvido muito que a Time Machine mate a performance do Mac.

  • leonardo.ls

    Será apenas impressão minha ou todos os mac osx não possuem o botão “Recortar” arquivo? Qual será a dificuldade em um CTR+X CTR+V for mac osx.
    A Microsoft gerou uma versão minimal do Windows e chamou de Windows Mobile;
    Será que a apple esta tentando fazer o caminho inverso??

    -Agora o Mac OSX hiberna;
    -Agora o Mac OSX tem barrinha de rolagem para icones;
    -Agora o Mac OSX maximiza as janelas;
    -Agora o Mac OSX vem com um software de versionamento;

    Porque eu não consigo me tornar Cool e gostar desse SO.

    • http://ceticismo.net Pryderi

      @leonardo.ls, Não se preocupe. Eu não entendo pq não posso dar Shift+Del direto. Parace que o sistema acha que sou muito burro para apagar um arquivo sem querer. Bem, os desenvolvedores provavelmente pensaram “ele foi burro por querer usar um Mac, logo é capaz das maiores sandices.”

      • leonardo.ls

        @Pryderi, Acho q vc tem razão.
        Na Universidade aprendemos que uma das boas práticas de programação é proteger o usuário dele mesmo. Dessa forma, os sistemas tentam proteger os usuários de ações perigosas, como por exemplo, sair do World sem salvar, deletar um arquivo do sistema (talvez vc queira, mas não custa nada pergunta).
        Acho q a equipe de Marketing da Apple deveria ganhar um Oscar por melhor atuação, eles estão quase me convencendo que o problema sou eu, e não o SO limitado deles.

  • ramon.mh

    Fantástico!!!
    Cada vez mais fico com vontade de ter um mac.

  • ruylobo

    É hilário ver os usuários do Windows criticando o Mac OS…o pessoal da “tela azul” parece não ter a menor noção do que é o sistema.
    Aplicativo em tela cheia não é para imitar o Windows, é para aproximar os sistemas Mac OS e iOS. Em princípio a função da bolinha verde continuará a mesma, que é adequar o tamanho da janela de acordo com o que é mostrado. De que adianta a tela cheia do seu navegador se só o centro está sendo usado? Pra quê as barras brancas laterais mostrando nada? A única razão seria para não tirar a atenção do operador do que está sendo feito, mas isso vale no caso do Windows, cuja área de trabalho é feia.
    Quanto a proteger o usuário dele mesmo, é isso mesmo! Se um incauto apaga um arquivo sem querer vai colocar a culpa no OS, que deveria ter uma forma de evitar isso. Um sistema é feito para todos, não só para nerds. aliás o Mac OS é facílimo de usar.
    Eu tenho uma estátua do Steve Jobs em tamanho real, de calça jeans e camisa preta de gola rolê. Rezo três vezes por dia voltado para Cupertino. Isso me faz um fanático pela Apple?