App do YouTube ganha recurso de compartilhamento e “mensageiro instantâneo”

youtube-in-app-chat

O YouTube ficou um tiquinho mais social, ao menos na versão mobile. As versões do app para iOS e Android receberam uma nova funcionalidade que permite a criação de salas de bate-papo através do compartilhamento de vídeos, para você e seus amigos discutirem sobre suas atrações favoritas.

O compartilhamento de vídeos com seus amigos não é uma função nova, ela existe há algum tempo mas a partir de agora vai permitir que você e seus amigos possam se reunir em torno de uma atração e tecer uma conversa sobre ela (ou não), desde que todos os destinatários tenham o YouTube instalado em seu smartphone ou tablet. O que convenhamos, não é algo muito difícil.

A ideia do YouTube não é dificultar o compartilhamento de conteúdo através de outras plataformas, a opção de copiar o link continuará presente e você poderá fazer com ele o que quiser; o que a plataforma deseja no entanto é ser uma opção a mais e fazer frente a apps de mensagens instantâneas como o WhatsApp ou o Telegram. Ao invés de levar o vídeo até um app de fora o usuário precisa apenas selecionar os contatos e enviar, e iniciar a conversa ali mesmo. Todos os bate-papos ficam disponíveis através do menu de compartilhamento e podem ser acessados a qualquer momento.


A new way to share on YouTube

A ideia em si não é nova, o Instagram a introduziu em 2013 ao permitir o envio de postagens privadas a contatos específicos; de lá para cá a funcionalidade evoluiu e hoje é possível iniciar conversas tendo como base qualquer postagem pública na plataforma (não é possível no entanto publicar um vídeo e ao mesmo tempo iniciar um chat, são ações separadas; o recurso só está disponível em vídeos já publicados).

Nota-se que a intenção secundária do Google é fazer de sua plataforma de vídeos uma rede social de verdade, com engajamento direto dos usuários e uma das provas é a semelhança da área de chat com o Allo, seu mensageiro instantâneo de verdade que ainda não decolou: nem todo mundo o tem instalado em seus gadgets, o que já não se aplica ao YouTube.

Segundo o YouTube a nova funcionalidade foi liberada para todos os usuários móveis, portanto seu app deve ser atualizado em breve se já não o foi.

Fonte: YouTube Official Blog.

Relacionados: , , , , , , , , ,

Autor: Ronaldo Gogoni

Um cara normal até segunda ordem. Além do MeioBit dou meus pitacos eventuais como podcaster do #Scicast, no Portal Deviante.

Compartilhar
  • Mais um chat o.o

    • ElGloriosoRangerRojo™

      Isso me revolta. E são poucas coisas que me revoltam no mundo…

      Messenger do Facebook tem até jogo de sinuca. E a sinuca funciona bem pra caralho. O teclado pra digitar mensagens vive bugando SÓ NO MESSENGER!

      Porque precisa de uma ferramente de chat num aplicativo que é usado só pra assistir vídeos? Porque o Google é obcecado por chat?

      • Não só o Google, mas todos os grandes players estão enfiando chat em seus apps.
        Sinuca num mensageiro é tenso mesmo rsrsrs

      • Bruno

        Toda hora o google faz um chat novo. E o gtalk era o único que realmente prestava…

        Parece que sempre que entra um estagiário novo eles “ah, faz um chat aí” e botam os melhorzinhos em produção.

        • tuneman

          o gtalk era excelente justamente por ser simples….
          até um tempo atras o whatsapp tambem era excelente, por esse motivo.

      • Gaius Baltar

        Porque chat prende as pessoas no site/app, permitindo a veiculação de mais publicidade.

        • Exato e a melhor forma de aprender o que o usuário gosta é deixando ele mesmo falar.

      • A resposta é simples: deixe o usuário falar e a gente aprende com o que ele fala.

        Resumindo, você conversando com amigos vai deixar escapar que “comprei no AliExpress um drone igual desse vídeo” (então o Google identifica que você curte drones e oferece publicidade direcionada do AliExpress).

        Agora imagina quantas coisas os usuários normais (não nós) deixam escapar em conversas informais.

  • Parabéns, dessa vez foram pelo caminho correto.

    Da outra vez tentaram empurrar aquele lixo de Google + e isso afastou muita gente da plataforma, eu fui um dos que deixou de comentar nos vídeos depois da obrigatoriedade da “rede social”.

  • Dreadful

    Mais um app que vou remover do telefone pra começar a usar a versão do navegador.
    Ou o processador do meu smartphone acaba precisando de 99 cores e muitos GB de RAM para 99 mensageiros embutidos que nunca utilizo.

    • Inquisidor

      só faço isso com o face, o facebook app DESTROI minha bateria, enche o saco, e deixa o aparelho lento( meu moto g2 não aguenta) a versão web é lisa,bonita e gasta menos recursos.

  • Felipe Lino

    Se der para o dono do canal falar diretamente com os “expectadores”, prevejo muita gente se dando bem( Mais ainda).

    • Jarbas Coqueiro

      Já tem isto… na vdd mais ou menos… Alguns canais podem fazer posts

  • Nícolas Wildner

    Allo, Duo, Hangouts(que antigamente gerenciava SMS também), Android Messages(agora só SMS e MMS), Hangouts Dialer, Hangouts Meet, antigo Gtalk… e agora o YouTube.

    A Google tem tesão mesmo de criar comunicadores.

  • Inquisidor

    eu compartilho o video em um grupo de telegram/whats e falo algo e vazo, se os viadoes começarem a conversar muito sobre o video, significa que eles não estão vendo o video que eu quero que eles vejam

  • Alexandre Salau

    Finalmente … isso devia existir desde sempre.

  • Daqui a pouco vai ter ‘stories’ também.

  • Matheus O.P.

    “Every program attempts to expand until it can read mail. Those programs which cannot so expand are replaced by ones which can.” –Jamie Zawinski

Aproveite nossos cupons de desconto:

Cupom de desconto Locaweb, Cupom de desconto HP, Cupom de desconto Descomplica, Cupom de desconto Nuuvem, Cupom de desconto CVC, Cupom de desconto Asus, Cupom de desconto World Tennis