O drone não compensa

GODOs teóricos do apocalipse escolheram os drones como vilões da vez, alguns até alegaram que os aviões de 11 de Setembro eram drones, não havia ninguém a bordo. Os passageiros foram levados pra ilha de Lost, imagino. Como toda ferramenta, os drones estão se popularizando, seja em fazendas, onde são usados para contar gado (isso é quase um cacófato) quanto em situações tão estranhas quanto o programa Pânico, que usou drones para invadir a Fazenda, mas outro tipo de Fazenda.

É normal que os bandidos também usem drones, e a imaginação quase literalmente voa. Monitorar a polícia em volta de uma ação, colher inteligência para um futuro assalto, vigiar um sequestrável, instalar explosivos para chantagear governos…

Mas não. Um dos primeiros casos de drones usados para o mal não tem nada disso. Foi na Geórgia, EUA. Um tenente em uma prisão em Calhoun reparou um helicóptero de controle remoto voando por cima dos muros.

O alarme foi acionado, começaram a investigar as imediações e não deu outra. Acharam quatro zé-ruelas em um Dodge Dart preto (naaada suspeito) e apreenderam um hexacóptero que estavam usando para contrabandear muamba pra dentro da prisão.

Aí você imagina: armas? Chips? Celulares? Maconha, Cocaína, Ecstasy, Heroína, PCP, Krokodil, CDs do Bieber?

Não. Fumo. E nem era fumo de cigarrinho de artista, era careta mesmo, que a gente compra em qualquer padaria. O bom e velho tabaco.

É decepcionante para quem cresceu com imagem de vilões como Scaramanga, Darth Vader, Al Capone e até Dr Evil encarar a realidade desses 4 Coxinhas do Mal. É um desserviço até para quem realmente acredita que drones são malignos.

Aqui os JÊNEOS do crime:

genios

Fonte: AT.

Relacionados: , , , ,

Autor: Carlos Cardoso

Entusiasta de tecnologia, tiete de Sagan e Clarke, micreiro, hobbysta de eletrônica pré-pic, analista de sistemas e contínuo high-tech. Cardoso escreve sobre informática desde antes da Internet, tendo publicado mais de 10 livros cobrindo de PDAs e Flash até Linux. Divide seu tempo entre escrever para o MeioBIt e promover seus últimos best-sellers O Buraco da Beatriz, Calcinhas no Espaço e Do Tempo Em Que A Pipa do Vovô Subia.

Compartilhar
  • mr_rune

    Têm muuuito a aprender no Brasil.

  • Andre Junqueira

    Cardoso, à luz da lógica, você acha mesmo que dois boeings poderiam ser operados por zés-ruelas e ambos acertarem em cheio dois alvos que a seguir ruiriam perfeitamente e concomitantemente, sem espaço para dar errado?
    Eu não acredito em conspirações. Mas há mais coisas entre o céu e a terra…etc, etc.

    • cquintela

      O experimento empírico realizado em 9 de setembro de 2001 mostra que é possível.

      • Fabiano Salles

        Por sorte ninguém quis aplicar o método científico, construir mais duas torres e jogar nelas dois aviões, tudo milimetricamente auferido, inclusive com as vítimas. Só falta exigirem isso.

        • Pera, o experimento foi com a primeira torre. A segunda foi um cientista independente que o replicou.

    • vc sabe que havia pilotos no avião, né?

    • Hollander

      Sim. É mais fácil acreditar numa conspiração num esquema de centenas de pessoas para “sumir” com tripulantes e passageiros, explodir colunas de torres, jogar um avião num lado do Pentagono, e outro para fazer um buraco no chão de Virgínia do que aceitar que de fato houve um atentado.

      Deixe eu ver… Você é também daqueles que não acreditam que o homem foi a lua, que Elvis está vivo, fazendo dupla com Michael Jackson, e também desconfia que Eratóstenes é um p*ta enganador 171.

  • Edmilson_Junior

    Amarra numa pedra e joga lá para dentro, mais chances de acertar que com o drone.

  • Diego Tietz

    O legal é que nos EUA a foto dos criminosos vão pra mídia na hora. Aqui até criminoso que se entrega é tratado como “suspeito”.

    • Agradeça à ditadura militar e aos políticos: só podemos dizer que bandido é bandido quando preso em flagrante.

      • Bruno Barbieri

        google => escola de base.
        parabens… HUEHUEHUE

        • Explique-se, por favor. Fiz o que você pediu e só vi que a Globo foi condenada a pagar um milhão.

          • Ricardo

            A noção de justiça envolve justamente provas concretas e, para a mídia, o que importa é o resultado do julgamento. Suspeito é suspeito, e condenado é condenado. Por mais que haja “indícios” (na boca do povo) de que alguém cometeu um crime, o crime em si é contra a lógica por assumir uma coisa que nao existe, e acabar gerando coisas como esse caso da Escola Base.

            E na verdade a sociedade nos eua funciona de maneira diferente daqui. Lá eles estampam a foto das pessoas e descrevem exatamente o que aconteceu: “suspeitos”, ou “presos”, mas nunca colocam coisas a mais, como “presos por cometerem tal crime” como ocorre na nossa imprensa. Além disso, a população entende o que tem que entender, lá: que eles são suspeitos, estão presos, vão ser julgados e, se for o caso, condenados.

            Tudo bem que no brasil existe um trauma pela lentidão e ineficiência da justiça, mas isso não é motivo para assumir coisas e sair com cartazes “clamando por justiça” e na verdade exigindo a condenação arbitrária do suspeito.

          • Tejobr

            Noção de justiça…A lei não reflete, necessariamente, a Justiça. Por isso existem advogados…

          • Obrigado pela aula! 🙂

          • Bruno

            O negócio é que aqui ninguém realmente liga, mas a mídia só faz pra ter audiência. Eles precisam de um culpado, nem que tenham que queimar alguém pra subir o IBOPE.
            Que dirá os acusados de estupro, sem provas, que depois a mídia ainda esconde a cara de safada da mulher que fez a falsa denuncia. Escondem até o primeiro nome.

          • Escola Base foi uma das maiores CAGADAS do jornalismo vagabundo.E 1 milhão de reais não é NADA perto do que fizeram com os caras.

    • Bruno Barbieri

      que o diga a escola de base.
      trofeu BRBRBRBR HUEHUEHUE memoria curta.

      • Diego Tietz

        Quando eu disse “vão pra mídia”, me referi à divulgação pela própria polícia (leia-se Estado), conforme o procedimento (lei) de lá.

    • Bruno

      Aqui só aparece cara de suspeito, bandido mesmo eles escondem no meio dos pixels.
      Brasil: amor aos maus, desprezo aos bons.

  • Idilberto Lopes

    Tá aí uma bom negócio para se investir… Entregas em presídios usando Drones… No Brasil acho que rola, com empréstimo do BNDES, franchising e ajuda do SEBRAE. Acho que se eu correr um pouquinho agora minha cara até aparece no Pequenas Empresas & Grandes Negócios amanhã cedo na Globo.

    Sabe como é né… pra fazer o que é errado todo santo ajuda.

  • Pingback: Amazon revela Prime Air, serviço de entregas que utilizará drones()

  • Pingback: Drone cai em prisão enquanto levava maconha para os presos()

  • Pingback: Pixo 2.0: A Era dos Drones()

Aproveite nossos cupons de desconto:

Cupom de desconto Asus, Cupom de desconto Frio Peças, Cupom de desconto Mundo da Carabina, Cupom de desconto JBL, Cupom de desconto Costa Cruzeiros, Cupom de desconto Loja do Mecânico, Cupom de desconto Staples