Conhecendo a realidade virtual aos 90 anos de idade

Apesar de vários profissionais da indústria garantirem que a realidade virtual é o futuro dos jogos eletrônicos, há os que duvidam que isso esteja perto de acontecer, mas para pelo menos uma pessoa podemos dizer que o futuro já chegou, a avó de Paul Rivot.

Munido de um Oculus Rift, dispositivo de realidade virtual que tem conquistado a admiração de vários desenvolvedores e deixado muitos jogadores ansiosos pelo seu lançamento, o rapaz filmou a reação da senhora de 90 anos ao testar o aparelho e posso lhe garantir que o vídeo abaixo é uma das coisas mais legais que você verá por um bom tempo.

A empolgação da avó de Rivot é algo fantástico e enquanto o seu cérebro tenta assimilar a experiência a qual foi submetido, podemos ouvi-la exclamando frases como “é tão real,” “se eu explicar isso para outras pessoas, elas não acreditarão em mim,” além de questionar se ainda permanece sentada onde estava.

Para a idosa aquilo foi tão real que em determinado momento ela pergunta se o vídeo a que estava assistindo havia sido filmado na Toscana, quando um amigo de Rivot explica se tratar de imagens em 3D criadas no computador e para qualquer um de nós que já nasceu com televisores em casa e todas a mordomias proporcionadas pela tecnologia, se torna quase impossível imaginar o que aqueles poucos minutos representaram para alguém que viveu sua juventude num mundo onde não existiam helicópteros, Albert Hofmann ainda não tinha descoberto as propriedades alucinógenas do LSD e as pessoas acessavam a internet por uma linha discada usando um CD da AOL.

Mas se para você o comportamento da senhora é surreal, tente imaginar o que veremos quando tivermos 90 anos e nossos netos nos colocarem para testar seu novo brinquedo.

[via Polygon]

Relacionados: , ,

Autor: Dori Prata

Pai em tempo integral do pequeno Nicolas, enquanto se divide escrevendo para o Meio Bit Games, Techtudo e Vida de Gamer, tenta encontrar um tempinho para aproveitar algumas das suas paixões, os filmes, os quadrinhos, o futebol e os videogames. Acredita que um dia conseguirá jogar todos os games da sua coleção.

Compartilhar
  • http://www.facebook.com/people/André-Silvestre/100000531538639 André Silvestre

    Muito bacana

  • http://www.facebook.com/maisteryoda Bruno Augusto

    Cara gostei de mais da empolgação da velhinha!! kkkkkk
    Com noventa anos e tão lúcida! :)

  • Keaton

    “as pessoas acessavam a internet por uma linha discada usando um CD da AOL.”
    Nossa… os CDs da AOL eram grátis e eu comprei um modem! Quero meu dinheiro de volta.

    Falando sério agora, foi muito legal a reação dela. 😀
    Nossa… ela com 90 anos e ela com uma vista melhor que a minha. :p

  • http://twitter.com/TaylerPadilha Tayler Padilha

    Mal posso esperar para viver para sempre. (*.*)

  • http://www.giovane.pro.br/ Giovane Heleno

    Na juventude dela não existiam CDs da AOL, sequer existia a AOL, muito menos CDs, modems, internet… na melhor das hipóteses, uma TV em preto e branco na sala.

    • r0t3ch

      putz…

  • João Rodrigues

    Lembro de um vídeo da SEGA demonstrando o seu VR na época que começaram a pipocar na década de 90, onde algumas crianças ficavam alucinadas com o conteúdo exibido e muitos adultos que estavam realmente surpresos exclamando que queriam aquela tecnologia em suas casas.

  • Marcio Faria

    O problema é que do jeito que as coisas vão, se chegarmos aos 90, o máximo que conseguiremos é nossos descendentes (filhos não conhecerão os pais) é que irão nos colocar em incríveis micro-ondas/incineradores na primeira mijada (qualquer pingo) que não acertarmos no lugar certo…ahahaha

  • http://twitter.com/paulotcs Paulo TC Soares

    Adorei, adorei!!! Assistam também ela agradecendo a audiência do Youtube! Muito simpática!!