Home » Games » Valve anuncia Half-Life: Alyx (mas não comemore)

Valve anuncia Half-Life: Alyx (mas não comemore)

Depois de muitos anos de espera, Valve anuncia o Half-Life: Alyx, mas decepciona por fazer com que o jogo seja exclusivo para realidade virtual

21/11/2019 às 18:03

Lá se vão 15 anos desde o lançamento do Half-Life 2, 12 anos desde que o Episode 2 nos deixou curiosos para saber o que aconteceria no Borealis e, desde então, os fãs tem clamado por um novo capítulo para a série. Pois o pedido finalmente será atendido pela Valve, mas de uma maneira muito distante do que a maior parte das pessoas gostariam.

Half-Life: Alyx

Após um rumor começar a circular pela web dando conta de que um jogo chamado Half-Life: Alyx estava sendo produzido e a desenvolvedora confirmar que o seu anúncio aconteceria hoje, agora sabemos um pouco mais sobre o projeto. A parte ruim? Aquilo que muitos temiam irá mesmo acontecer: este novo HL será exclusivo para dispositivos de realidade virtual!

Como o próprio nome deixa claro, no game assumiremos o papel de Alyx Vance, numa história que se passa entre os eventos mostrados nos dois primeiros jogos. Sendo uma das fundadoras do grupo que tenta resistir à invasão da raça alienígena conhecida como Combine, a personagem contará com a ajuda do seu pai, o cientista Eli e que tem papel importante no Half-Life 2.

De acordo com a Valve, toda a jogabilidade foi pensada para fazer com que a realidade virtual se encaixasse perfeitamente no universo da franquia, com ela nos colocando para solucionar quebra-cabeças, interagir com os cenários, explorar o mundo e, é claro, participar de combates empolgantes.

Pelo que foi divulgado no primeiro trailer, sinceramente não dá para termos uma real noção se os sensores de movimentos funcionarão bem neste jogo de tiro em primeira pessoa, muito menos se encará-lo por sessões maiores não acabará fazendo com sintamos enjoou ou dor de cabeça. Como este é um problema que preocupa muitos interessados na realidade virtual, acho importante que a Valve ou pelo menos os primeiros testes da imprensa nos deixem mais tranquilos.

Já na parte visual, só tenho elogios a fazer neste primeiro momento. O Half-Life: Alyx pode até não ter os gráficos mais bonitos do mundo (e de fato não tem), mas por se tratar de um jogo para realidade virtual, acho que eles se saíram muito bem e o vídeo também serve para mostrar que a Source 2 pode se sair muito bem nesta área.

Embora a Valve esteja desenvolvendo o título tendo o seu Index como foco, eles já confirmaram que qualquer HMD compatível com o PC suportará a nova aventura como, por exemplo, o Oculus Rift ou o HTC Vive.

A diferença aqui é que aqueles que adquirirem o aparelho da Valve até o fim de 2019 terão direito a alguns extras, como skins exclusivas para as armas e alguns conteúdos para Counter-Strike: Global Offensive e Dota 2 baseados no Half-Life: Alyx. Além disso, todos os donos do Index terão direito a uma cópia do novo jogo, que por sinal já está à venda por R$ 98,99.

Com previsão de lançamento para março de 2020, para jogar o Half-Life: Alyx você precisará, além de um dispositivo de realidade virtual, de no mínimo 12 GB RAM, uma GTX 1060/Rx 580 e um processador core i5-7500/Ryzen 5 160.

Isso posto, não sei você, mas desconfio que eu não poderia ter ficado menos empolgado com o anúncio de um Half-Life. Acho que nem um battle royale teria sido tão desanimador.

relacionados


Comentários