Home » Mobile » LG G Pad 5 10.1, o tablet Android com processador Snapdragon... de 2016

LG G Pad 5 10.1, o tablet Android com processador Snapdragon... de 2016

O LG G Pad 5 10.1 é um tablet com bateria de 8.200 mAh, leitor de digitais na lateral, Android 9 Pie, mas equipado com processador Snapdragon 821

08/11/2019 às 13:30

O LG G Pad 5 10.1 é o mais novo tablet Android da empresa sul-coreana, lançado nesta semana na Coreia do Sul. Focado em consumo de conteúdo e uso familiar, ele é um aparelho interessante e de preço razoável, mas a política da LG em economizar no desenvolvimento acabou por fazer que ele fosse equipado com o Snapgradon 821, processador da Qualcomm de três anos de idade.

LG / LG G Pad 5 10.1

O G Pad 5 10.1 não é um tablet ruim per se, mas depõe contra ele a falta de cuidado da LG. A gente sabe que as vendas da categoria esfriaram nos últimos tempos, com fabricante atrás de fabricante pulando do barco (o Google foi a última) e nem a Apple está ganhando tanto assim com iPads.

Isso no entanto não deveria ser uma desculpa para a empresa sul-coreana, principal concorrente da Samsung (que não desistiu dos tablets, talvez por isso a LG também continue a lança-los) fazer as coisas nas coxas, mas enfim, eis o que temos:

O Snapdragon 821, lançado originalmente em julho 2016 equipou alguns aparelhos topo de linha lançados na segunda metade daquele ano, além de outros premium que apareceram até um ano depois, quando o 835 já estava no mercado, como o próprio LG G6; por outro lado há 4 GB de RAM, o que não é ruim, e 32 GB de armazenamento interno, o que hoje em dia não é lá muito espaço. Ao menos, dá para colocar um microSD de até 512 GB.

O design é básico, com câmeras simples e o leitor de digitais foi posicionado na lateral, o que é uma solução interessante. Sendo justo, a LG insiste com o 821 a algum tempo, se olharmos para o LG Q9, um celular com certificação lançado em janeiro. Como um dispositivo voltado para uso informal, ele é especialmente interessante para crianças; a bateria de 8.200 mAh, com suporte a Quick Charge 3.0 e o Android 9 Pie (nada foi dito sobre atualização para o Android 10) é mais um ponto positivo nesse sentido, de ser um aparelho para consumo de conteúdo por toda a família.

Por outro lado, não dá para ignorar presepadas como esta:

LG / PowerPoint... do Windows 10 / LG G Pad 5 10.1

Legal né, o PowerPoint rodando no tablet... só que o estagiário copiou uma tela do Windows 10 e colocou sobre o G Pad 5 10.1. Assim não tem como te defender, LG.

LG G Pad 5 10.1 — Ficha técnica

  • Processador: SoC Snapdragon 821 da Qualcomm, quad-core Kryo com dois núcleos de 2,15 GHz e dois de 1,6 GHz;
  • GPU: Adreno 530;
  • Memória RAM: 4 GB;
  • Armazenamento interno: 32 GB;
  • Armazenamento externo: entrada dedicada para cartão microSD de até 512 GB;
  • Tela: display LCD IPS de 10,1 polegadas, proporção 16:10 e resolução de 1.920 x 1.200 pixels (224 ppi);
  • Câmera traseira: 8 megapixels, com autofoco e capacidade de filmar em 4K a 30 fps;
  • Câmera selfie: 5 megapixels;
  • Sensores: acelerômetro e leitor de impressões digitais;
  • Conectividade: 4G/LTE Dual-SIM, Wi-Fi 802.11a/b/g/n/ac, Bluetooth 4.2, AD2P, BLE, A-GPS;
  • Bateria: 8.200 mAh, com suporte a Quick Charge 3.0;
  • Portas: USB 2.0 Type-C e P2 para fone de ouvido;
  • Sistema operacional: Android 9 Pie;
  • Dimensões: 247,2 x 150,7 x 8 mm;
  • Peso: 498 g.

Quando e quanto?

O novo tablet da LG está disponível na Coreia do Sul, na cor prata e por ₩ 440 mil, o equivalente a US$ 380 ou R$ 1.570 (cotação de 08/11/2019); não há previsão de quando, ou se o gadget será lançado em mais mercados.

Com informações: GSMArena, 9to5Google.

Leia mais sobre: , .

relacionados


Comentários