Home » Games » Projeto da Ninja Theory quer combater doenças mentais

Projeto da Ninja Theory quer combater doenças mentais

Após retratar a psicose de forma brilhante no ótimo Hellblade, a Ninja Theory tentará ajudar pessoas com doenças mentais através do The Insight Project

30/10/2019 às 7:40

Poucos antes da Ninja Theory lançar o Hellblade: Senua's Sacrifice, foi divulgado como o estúdio vinha trabalhando com neurocientistas para representar a psicose da maneira correta no jogo. Na época tive um certo receio de que tudo não passava de uma forma de marketing, mas após jogar aquele excelente título, pude comprovar a dedicação da equipe — que inclusive foi premiada pela Royal College of Psychiatrists.

Hellblade - Ninja Theory

Eis que alguns anos depois, a desenvolvedora revelou o The Insight Project, uma iniciativa que contará com a colaboração do psiquiatra e professor na Universidade de Cambridge, Paul Fletcher, para tentar encontrar maneiras de diminuir o sofrimento de pessoas com doenças mentais.

Para isso eles pretendem usar a tecnologia, o design de jogos e a neurociência para “levar [os pacientes] à experiências de jogos independes, individualizadas e absorventes, nas quais as pessoas possam ser tornar especialistas em reconhecer, responder e em última análise, controlar seus próprios medos, ansiedade e outras experiências negativas.

De acordo com o pessoal da Ninja Theory, todo o trabalho terá como base rigorosos princípios científicos e estarão ligados a rígidos padrões de ética e gerenciamento de dados, para que assim sua efetividade e validade possam ser garantidas. Para eles, o The Insight Project será uma jornada empolgante, com potencial para afetar tanto a indústria de games quanto a da medicina.

Contudo, como o projeto ainda está em estágio bem inicial, mesmos os envolvidos não sabem muito bem que tipo de doenças ele poderá ajudar ou mesmo o formato que adquirirá no futuro. Mesmo assim, as pessoas responsáveis pela iniciativa acharam melhor divulga-la já, para desta forma incentivar uma abordagem mais aberta e transparente ao seu desenvolvimento.

Por se tratar de algo extremamente ambicioso, algumas pessoas podem ter a sensação de que na prática o The Insight Project nunca alcançará o objetivo. Porém, foi justamente graças a parceria entre a Ninja Theory e o Dr. Fletcher que tivemos a oportunidade de conhecer a fantástica aventura de Senua e principalmente, termos uma melhor noção de como é estar no lugar de uma pessoa com sérios problemas mentais.

Pode ser que no fim das contas esse projeto não resulte em nada, que nenhum paciente seja beneficiado ou a ideia deles nunca passe de uma boa teoria. Mesmo assim, é preciso dizer que a desenvolvedora já doou mais de £ 100 mil para instituições de caridade dedicadas a pessoas com doenças mentais, além de ter criado um programa de bolsa para melhorar a saúde mental de estudantes ingleses.

Portanto, não consigo deixar de ver com muito bons olhos a maneira como a Ninja Theory tem atuado na área e de ficar feliz por ver mais uma vez como os jogos eletrônicos podem servir para muito mais do que apenas nos entreter.

Fonte: GamesRadar+.

relacionados


Comentários