Home » Games » Exército americano montará equipe de eSports

Exército americano montará equipe de eSports

Visando aumentar o número de recrutas, o Exército dos Estados Unidos anunciou que também participará de campeonatos de videogame.

44 semanas atrás

Você pode até não concordar com a ideia de os jogos eletrônicos serem considerados esportes, mas não há como questionar o forte apelo que eles possuem para atrair novos públicos e é claro, gerar muito dinheiro. Clubes de futebol, políticos, pessoas ligadas a NBA e a NFL, até o COI já demostrou interesse nos eSports e agora sabemos que outra instituição que também pretende explorar a modalidade é o Exército dos Estados Unidos.

Visando conquistar o público mais novo e conseguir bater as metas de recrutamento (que andam bem longe do ideal), o principal braço das Forças Armadas norte-americana revelou que montará uma equipe dedicada a disputar alguns dos principais torneios de videogame pelo mundo. Operando em parceria com o Departamento de Defesa, o programa já está recebendo inscrições de participantes, que podem ser tanto de pessoal na ativa, como reservistas e veteranos.

Ainda não se sabe quais jogos serão representados pelos militares, mas se considerarmos o formulário de inscrição, em breve deveremos vê-los disputando partidas de Call of Duty, FIFA, Fortnite, League of Legends, Madden, NBA 2K, Overwatch, PlayerUnknown’s Battlegrounds e Tekken.

A intenção de usar os games para divulgar a marca do exército e chamar a atenção do público mais novo foi confirmada pelo sargento Ryan Meaux, que disse ainda que em dezembro eles realizarão um torneio interno para os jogadores de Tekken 7 e aquele que sair vencedor os representará na PAX South, que acontecerá em janeiro de 2019.

A estratégia pode parecer inédita, mas há algum tempo o Exército americano tem enviado recrutadores para torneios de eSports e tanto eles quanto a Força Aérea já realizaram competições. A diferença é que elas não eram focadas em equipes formadas apenas por militares, o que acontecerá dessa vez.

Além disso, muitos lembrarão da investida das Forças Armadas daquele país na criação de jogos eletrônicos. Descrito como “o jogo oficial do Exército dos EUA”, America’s Army foi lançado em 2002 e por mais incrível que possa parecer, continua na ativa até hoje. O jogo inclusive recebeu uma atualização em outubro e caso nunca tenha o experimentado, ele está disponível gratuitamente no Steam.

Quanto a investida nos eSports, eu sinceramente tenho minhas dúvidas se tais jogadores conseguirão atrair novos recrutas para o governo americano, mas uma coisa é certa: para um povo tão ligado aos seus soldados, será uma ótima propaganda eventualmente ter alguém fardado disputando as etapas finais desses torneios.

Fonte: PCGamer.

relacionados


Comentários