Otimize seu e-commerce e conquiste a confiança dos seus usuários

Post Publieditorial

Antes de você ler sobre as ótimas dicas de como otimizar seu e-commerce abaixo aqui damos um ótimo tutorial de como criar um blogEm um universo digital tão amplo, onde peixes grandes e pequenos disputam praticamente o mesmo espaço, estratégias e otimizações são necessárias para se destacar no mercado.

E, claro, quando falamos de e-commerce e lojas virtuais, os desafios são maiores, ainda mais com os marketplaces ganhando cada vez mais espaço nas transações de compra e venda online.

Pensando nisso separamos 6 dicas para que você otimize seu e-commerce e possa conquistar a confiança dos seus usuários. Vamos lá?

1 – Conteúdo é fundamental: Invista na descrição de produtos

Se a sua empresa já trabalha há algum tempo no ambiente digital, você já deve ter ouvido falar da importância do conteúdo para um site na Internet. E, para um e-commerce, o conteúdo é uma das principais otimizações.

Além de incluir boas informações no site como um todo, seus produtos devem estar necessariamente acompanhados de textos descritivos, relevantes e de qualidade.

Alguns dados não podem faltar como:

Informações Técnicas: Tamanho e dimensões do produto, cores disponíveis, o que contém na caixa, descrição de funcionalidades, detalhe sobre a fabricação e todos os dados técnicos pertinentes ao produto;

Informações Adicionais: Indicação de utilização, benefícios e vantagens do produto e de sua utilização são grandes diferenciais.

É importante que o visitante da página tenha uma boa visão e do produto e noção do que ele faz a partir do conteúdo descritivo. Além de despertar o interesse na aquisição, enriquece a experiência do usuário na página.

2 – Imagem é tudo: Aposte em boas fotos dos seus produtos

Quando um possível comprador procura por algo na Internet, além de informações precisas e mais completas possíveis, ele quer ver como é o produto a ser adquirido.

Em páginas de e-commerce, as imagens utilizadas devem mostrar os principais detalhes do produto, e de preferência fotos reais e não “meramente ilustrativas” para oferecer mais credibilidade e descrever o produto o mais fiel possível.

As fotos precisam ter boa resolução. A qualidade e nitidez faz toda a diferença e chama a atenção do possível comprador. E quando o assunto é foto, o conceito de que um site é a vitrine virtual de uma empresa se reforça ainda mais.

3 – Avaliação dos clientes: Mais credibilidade para o seu negócio e produtos comercializados

Disponibilize um campo de avaliação dos produtos e da empresa em seu site. Você pode até mesmo encaminhar formulários com perguntas específicas sobre a satisfação do cliente após ter recebido seu produto.

É interessante também definir perguntas como: O produto atendeu suas expectativas? Chegou dentro do prazo? Voltaria a fazer negócio? Deixe uma observação sobre sua satisfação.

Se optar por implementar os filtros de perguntas, disponibilize avaliação por número de estrelas e coloque na página dos produtos a média de estrelas atribuída a eles.

Clientes se sentem mais seguros e confortáveis em realizar compras em sites bem avaliados, pois além de poder ter uma noção da qualidade do produto tem a confirmação de que a entrega do pedido, de fato, acontece.

4 – Comunicação visual: Layout e design do site

Assim como as imagens que vão compor os produtos do seu e-commerce, toda a comunicação visual como design e layout escolhido é fundamental.

O layout do seu site representa sua marca e trata-se de um conjunto de coisas que podem favorecer ou não o seu negócio.

Se você busca otimizar seu e-commerce pense bem na escolha do layout e como ele pode ser melhorado.

Tenha sempre em mente:

  • Não exagere nos elementos visuais, pois o foco deve ser o produto;
  • Opte por um design com o qual o seu público-alvo se identifique;
  • Aproveite ações sazonais como datas comemorativas para usar a criatividade;
  • Lembre-se da essência da sua marca e tente não fugir muito dela.

5 – Finalização da Compra: A importância da página de checkout

Muitos sites de e-commerce são complexos e acabam dificultando a finalização da compra. Isso porque a etapa de checkout requer preenchimento de muitos dados e a segurança deve ser total.

Tente facilitar o cadastro do seu cliente. Como, por exemplo, disponibilizar cadastro e login com Facebook, assim uma boa parte de preenchimento de dados será poupada.

Viabilize pagamentos via Paypal e PagSeguro que são os mais utilizados atualmente para que o seu cliente se sinta mais seguro também.

6 – Acessibilidade: Velocidade, versão mobile e navegação

Não é novidade para ninguém que ter um site mobile pode determinar seu sucesso em vendas online, certo?

Sim, seu e-commerce precisa ser mobile para não perder acessos e viabilizar mais compras, já que atualmente os dispositivos móveis representam maior quantidade de acessos na Internet.

A acessibilidade do seu site é muito importante e fatores como adaptação mobile e velocidade são essenciais para permitir uma navegação satisfatória ao usuário.

Para evitar problemas futuros e reduzir gastos com aprimoramento da tecnologia utilizada, uma boa dica é se atentar na escolha da hospedagem do seu e-commerce.

Ao escolher uma hospedagem de sites verifique o limite de tráfego, espaço em disco, backups, suporte oferecido e memória. Estes itens são fundamentais para garantir a acessibilidade de um site.

Além disso, há muitos provedores que oferecem a ferramenta de criação de sites com recursos que podem facilitar o desenvolvimento do seu negócio na Internet e até mesmo otimizar seu e-commerce conforme as dicas anteriores.

Otimize seu e-commerce e conquiste a confiança dos seus clientes com um site de qualidade! Uma boa hospedagem de sites pode te ajudar nisso.

 

Esclarecimento: Este post é uma campanha feita em parceria com a Hostinger. O texto é de autoria do anunciante.

Relacionados: ,

Autor: Post Publieditorial

Este post publieditorial é parte de uma campanha, para anunciar sua empresa, produto ou serviço no Meio Bit, é só mandar um email para [email protected]

Compartilhar