Vendas NPD — janeiro: o melhor início de ano desde 2011 graças a Monster Hunter e DBZ

Laguna_NPD_Monster_Hunter_peq

O mês de janeiro é o mais fraco do ano em termos de vendas de games nos Estados Unidos. O povo por lá gasta os tubos nas festas de fim de ano e não deixam muita coisa para o varejo local iniciar bem o ano seguinte.

Entretanto, 2018 começou diferente: além de dois lançamentos de peso, o mercado norte-americano teve vários outros indicadores positivos. Vamos conferir abaixo os números de arrecadação.

ARRECADAÇÃO DAS VENDAS DE GAMES NOS ESTADOS UNIDOS
Período →janeiro (2017)janeiro (2018)Diferença
Jogos de consoles e PC (inclui Xbox Live, PSN e Steam)US$ 343 milhõesUS$ 517 milhões+ 51%
HardwareUS$ 127 milhõesUS$ 278 milhões+ 119%
AcessóriosUS$ 220 milhõesUS$ 301 milhões+ 37%
TOTAL:US$ 690 milhõesUS$ 1,1 bilhão+ 59%

O NPD Group começou a juntar a arrecadação dos jogos de PC com os de console, mas o tio Laguna chuta que a arrecadação dos de PC teve queda. Fora esse chute meu, realmente só deu alta nos belos números.

A seguir temos o ranking de jogos que mais faturaram entre os dias 31 de dezembro de 2017 e 03 de fevereiro de 2018, de acordo com o NPD Group:

Ranking de arrecadação nos Estados Unidos em janeiro de 2018 (considerando não só o software avulso vendido em mídia física como também os jogos vendidos na PSN, Steam e Xbox Live)

A Capcom parece que gostou de lançar jogo em janeiro: ano passado, o Resident Evil 7 foi o único lançamento relevante do mês de janeiro e também conseguiu o pódio norte-americano. Aliás, Monster Hunter: World continua a liderar o ranking japonês de vendas desde o lançamento, o que representa até agora três semanas consecutivas na liderança. Mais de 5 milhões de cópias vendidas pelo mundo.

O outro lançamento do mês veio da Bandai Namco: embora Dragon Ball FighterZ não tenha feito tanto sucesso quanto o Monster Hunter: World nos EUA, arrecadou o suficiente para bater no mês o peso-pesado Call of Duty: World War II, jogo mais vendido de 2017. Ao menos lá na França o povo prefere Dragon Ball Z a Monster Hunter.

Enquanto não chega a ser surpresa ver Grand Theft Auto V no Top 5, bom mencionar que PlayerUnknown’s Battlegrounds para os consoles da Microsoft está arrecadando muito bem. Sinal de que o Xbox One X está a fazer mais sucesso que o PS4 Pro nos EUA.

Falando em hardware, no mês de janeiro de 2018 foram vendidos mais de um milhão de consoles. Isso é pouco comparado aos cinco milhões do mês de dezembro de 2017, mas é o maior volume de aparelhos vendidos nos EUA num mês de janeiro desde o de 2011.

O NPD Group esconde os números, mas diz que o Nintendo 3DS teve seu melhor mês de janeiro desde 2014 em arrecadação e melhor que o janeiro de 2013 em número de unidades vendidas, o que resulta em um mínimo de 100 mil unidades vendidas. Infelizmente não há um número mais exato.

VENDAS DE HARDWARE NOS ESTADOS UNIDOS
Plataformanovembro (2017)dezembro (2017)janeiro (2018)
Nintendo Switch850.000 unid1.500.000 unid≈ 279.000 unid
PlayStation 41.650.000 unid1.080.000 unid≈ 245.000 unid
Xbox One1.350.000 unid1.320.000 unid≈ 239.000 unid
(New) Nintendo 3DSdados indisponíveis750.000 uniddados indisponíveis
SNES Classic Editiondados indisponíveis350.000 uniddados indisponíveis

·
Fazendo alguns cálculos e aproximações com a arrecadação, podemos inferir que a diferença de vendas entre o console líder e o terceiro colocado foi de 40 mil unidades. Se as vendas totais ultrapassaram 1 milhão, o tio Laguna pode especular que o Nintendo Switch teve pouco menos de 280 mil unidades vendidas, contra pouco menos de 240 mil consoles Xbox One vendidos em janeiro.

Fontes: Games Industry, IGN US, NPD Group, ResetEra e Venture Beat.

Leia também:

Relacionados: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Autor: Emanuel Laguna

O “tio Laguna” nasceu no Siará em meio à Fortaleza de 1984. Sempre gostou de brincar de médico com os aparelhos eletrônicos e entender como um hardware dedicado a jogos funciona, mas pretende formar-se como Engenheiro Eletricista qualquer dia. Antes apaixonado pelos processadores gráficos desktop, vê nos smartphones, tablets e outras geringonças mobile o futuro da computação.

Compartilhar

Aproveite nossos cupons de desconto:

Cupom de desconto Asus, Cupom de desconto Frio Peças, Cupom de desconto Mundo da Carabina, Cupom de desconto JBL, Cupom de desconto Costa Cruzeiros, Cupom de desconto Loja do Mecânico, Cupom de desconto Staples