Home » Games » Miscelâneas » Kojima agradece a Konami por ter lhe dado liberdade criativa

Kojima agradece a Konami por ter lhe dado liberdade criativa

Apesar de sua saída bastante conturbada da Konami, Hideo Kojima disse ser grato por a empresa sempre ter lhe permitido criar o que quisesse.

2 anos atrás

Os últimos meses não foram muito bons para a Konami. Além da empresa japonesa ter declarado sua intenção de apostar apenas na criação de jogos de menor porte, a maneira como Hideo Kojima deixou de fazer parte da companhia incomodou muitos fãs. No entanto, pelo menos do lado do game designer ainda parece haver alguma gratidão.

Ao conversar com o portal Toyo Keizai sobre o início da sua carreira, Kojima-san agradeceu a empresa por sempre ter lhe deixado fazer o que quisesse. Segundo o criador da série Metal Gear, sempre que ele sugeria algo novo à editora era atendido e independentemente do orçamento que fosse necessário.

Hiideo Kojima ainda aproveitou para falar sobre a diferença da época em que começou a trabalhar na indústria e o que temos hoje, inclusive criticando a maneira como os jovens são tratados ao chegarem nas empresas.

Muitos jovens recrutados ao saírem da faculdade são jogados em uma linha e continuam a fazer pequenos objetos de cenário ou explosões por três ou até cinco anos. Há cada vez mais membros da equipe que afetam apenas partes extremamente pequenas dos jogos, enquanto não são capazes de ver o produto como um todo.

De acordo com Kojima, quando ele entrou para a Konami a equipe em que fazia parte era formada por apenas cinco pessoas e por isso todos precisavam fazer tudo. Naquela época não tinha como um profissional dizer que era especialista em uma determinada área, o que os obrigava a estudar muito e dormir o mínimo possível. Porém, se não fosse por esta experiência, ele acredita que não teria chegado aonde chegou.

A opinião do game designer serve para entendermos o motivo de tantos profissionais estarem abandonando seus cargos em empresas consolidadas para apostar em carreiras independentes. Além da própria liberdade, imagino o quão frustrante deve ser alguém estudar vários anos para passar o dia criando pequenas partes que mal serão percebidas pelos jogadores.

Contudo, a verdade é que as coisas mudaram muito na indústria de games desde que Hideo Kojima entrou para ela e hoje em dia é praticamente impossível imaginarmos um recém-formado ganhando carta branca de uma grande editora.

Fonte: Destructoid.

Leia mais sobre: , , .

relacionados


Comentários