Home » Microsoft » Conheça a versão do Windows 10 aprovada pelo governo chinês

Conheça a versão do Windows 10 aprovada pelo governo chinês

A fim de aumentar a penetração do Windows 10 na China Microsoft introduz versão do SO exclusiva, desenvolvida de acordo com as diretrizes de Pequim

3 anos e meio atrás

windows-10-china

A China é o maior mercado em expansão do mundo, seus cidadãos consomem tecnologia e mídia como loucos e com dinheiro no bolso para fazê-lo, mesmo uma nação comunista no papel acabou por se render ao modelo capitalista obviamente porque lhe é conveniente. Claro que como as aparências precisam ser mantidas, algumas coisas precisam ser mantidas nos moldes dos regimes autoritários e o controle de informação é uma delas.

Por via de regra as grandes companhias instaladas no País do Meio são todas parceiras de Pequim, precisam ceder o acesso à suas bases de dados ao censor e tomar algumas medidas caso queiram entrar legalmente em operação. O Google, que por anos bateu cabeça por não aceitar a censura em seus resultados de busca recentemente cedeu e vai voltar com uma Play Store censurada, porque não dá para ignorar o dinheiro dos chineses no mundo de hoje.

A Apple, embora não tenha aberto o acesso aos dados criptografados de seus usuários (Pequim está salivando com a reviravolta na pendenga com o FBI, em que o bureau anunciou estar trabalhando com uma empresa de segurança não revelada que teria quebrado a segurança de dados) também malemá segue as diretrizes, como no caso em que bloqueou o app News no país.

Já a Microsoft tinha seus próprios problemas, e o principal é a pirataria. O Windows XP ainda é largamente utilizado  e o Windows 8 foi banido dos computadores governamentais, restando a Redmond um longo caminho para tentar estabelecer a mais nova versão de seu SO na China. Uma das soluções propostas seria oferecer a atualização gratuitamente mesmo a usuários de cópias piratas do Windows w buscar outras formas de monetização no país, se valendo de fortes parceiros locais como o Baidu (instalado com sucesso).

Só que de qualquer forma, para aumentar o alcance e deixar os censores felizes Redmond decidiu que seria interessante desenvolver uma versão do Windows 10 exclusiva para a China, e para isso juntou forças com a China Electronics Technology Group Corp. (CETC), uma companhia estatal de segurança da informação de modo que o Windows 10 Zhuangongban (algo como Edição Popular) se adque aos rígidos padrões chineses.

A Microsoft não deu maiores detalhes, mas tudo leva a crer que alguns programas que o Windows 10 oferece como padrão serão removidos e outros locais virão pré-instalados, bem como outras alterações no código devem ser muito provavelmente feitas para que o Escudo Dourado (o firewall estatal) possa monitorar todas as ações de seus cidadãos usuários do sistema.

Portanto não se esqueçam: nenhum tipo de ideologia sobrevive por muito tempo quando há grandes quantias em jogo, como as grandes players do cenário tech já nos provaram. Defender a liberdade de expressão é bonito, mas não dá dinheiro.

Fonte: Caixin (em chinês).

relacionados


Comentários