Home » Filmes e séries » Enfim, LG volta ao básico e lança TVs OLED com tela plana

Enfim, LG volta ao básico e lança TVs OLED com tela plana

Se você não gosta de TVs curvas fique feliz: numa volta às origens a LG apresenta novos modelos OLED com resolução 4K e telas planas

4 anos atrás

lg-tv-4k-oled

Parece que a LG finalmente entendeu uma coisa a respeito do mercado de televisores: não adianta reinventar a roda, os consumidores são muito menos propensos a mudanças do que os de outros mercados. Assim, sua nova linha de televisores OLED voltam ao básico, deixando as curvas um pouco de lado.

Os modelos foram revelados em janeiro, mas só agora a companhia sul-coreana os colocará na estrada. O grande problema é que por serem OLED e não Quantum Dot, tecnologia em que a empresa prometeu que investiria e com a qual a Samsung já anda brincando os preços não serão modestos.

Assim, serão quatro novos aparelhos: o 55EG9100 ainda é curvo, para atender os usuários que gostaram da linha 2014. Já os modelos 55EG9200, 55EF9500 e 65EF9500 são completamente planos, sendo que os dois últimos contam com resolução 4K. Os modelos 9100 e 9200 possuem o atrativo de serem absurdamente finos, com apenas 4,8 mm de espessura; já os com UltraHD ainda possuem compatibilidade com transmissão em HDR, o que confere imagens com melhor contraste, embora seja desnecessário dizer que seu uso depende do conteúdo disponível (a Netflix já é compatível).

lg-tv-4k-oled-001

Outros recursos presentes são o webOS 2.0, que roda em todos os dispositivos e alto-falantes Harman/Kerdon, conferindo alta qualidade sonora. Não foi dito nada sobre preços, o mais provável é que a LG os divulgue durante a IFA 2015 na próxima semana.

Meus dois centavos: a LG e a Samsung passaram o ano de 2014 batendo cabeça no mercado de TVs, insistindo com modelos curvos quando a adesão é muito mais pontual em alguns mercados (no Brasil eu diria ser bem baixa, dados os preços). Assim, voltar ao feijão-com-arroz e lançar modelos flat com 4K talvez seja a melhor estratégia para atrair um maior público, embora por serem OLED o custo final continuará não sendo muito amigável.

Fonte: LG.

Leia mais sobre: , , , , , .

relacionados


Comentários