Home » Meio Bit » Games » Sony está testando tecnologia que rastreia movimentos dos olhos

Sony está testando tecnologia que rastreia movimentos dos olhos

Além do Project Morpheus, a Sony aproveitou a GDC para apresentar outra tecnologia bastante promissora: um sistema que rastreia os movimentos dos olhos do usuário, permitindo que ele mire nos inimigos sem a necessidade de um joystick.

5 anos atrás

sony-eye-tracking

Esta semana a Sony deu uma leve sacudida na indústria de games ao anunciar o Project Morpheus, um dispositivo de realidade virtual que poderá mudar bastante a maneira como encaramos os jogos no PlayStation 4. Porém, no mesmo evento a empresa japonesa mostrou outra tecnologia que está desenvolvendo e por mais difícil que seja acreditar que ela um dia se tornará viável, trata-se de algo que pode ser até mais impressionante do que um HMD.

Apresentado pela primeira vez em novembro do ano passado, trata-se de um sistema criado em parceria com a SensoMotoric Instruments cujo objetivo é rastrear os movimentos dos olhos do jogador, permitindo assim que os jogadores possam mirar em seus inimigos sem a necessidade de um joystick e quem o experimentou ficou bastante impressionado com o seu desempenho.

Para utilizar a tecnologia, a única coisa que a pessoa precisa fazer é uma calibragem inicial, o que se resume a olhar para alguns pontos que serão mostrados na tela e a partir daí, para qualquer lugar que olharmos a câmera se moverá para que a visão permaneça centralizada. Os relatos são de que isso torna a jogabilidade muito mais precisa do que utilizando o analógico direito e as possibilidades são imensas.

Se utilizada em conjunto com óculos de realidade virtual, uma tecnologia assim permitiria por exemplo recriar com maior precisão a maneira como nossos olhos enxergam as cosias ao nosso redor, ou seja, desfocando tudo aquilo que não seja o objeto em que estamos prestando mais atenção.

Porém, existem alguns pontos que ainda precisam ser aperfeiçoados, como a dificuldade em mantermos a câmera imóvel ou de darmos giros de 180 graus. Além disso, temos ainda o problema do tamanho da câmera, hoje parecida com um Kinect, além do seu preço, problemas que os idealizadores pretendem solucionar nos próximos meses.

Como qualquer tecnologia que ainda está em desenvolvimento, pode ser que esta nunca evolua a ponto de chegar a ser comercializada, mas considerando os comentários de quem a testou e o quão promissora essa detecção de movimentos oculares parece, acho que qualquer um gostaria de ver ela se tornar realidade.

http://youtu.be/Jk3bjwazHsA

Fonte: Destructoid.

Leia mais sobre: , .

relacionados


Comentários