CES 2018 — LG deixará de lançar novos modelos de seus smartphones premium anualmente

lg-v30-2

A LG tentou o máximo que podia, mas não só não consegue ter lucros satisfatórios no mercado mobile como seus smartphones de ponta, por melhores que sejam só dão prejuízo. Assim sendo, a companhia irá adotar uma nova estratégia para seus flagships e deixará de atualiza-los anualmente.

Ao longo dos anos a LG introduziu uma série de dispositivos móveis no mercado, ela é a segunda marca que todo mundo lembra quando o assunto é Android embora nem esteja no pódio (a Samsung lidera em vendas, a Huawei está em segundo e a Apple detém a medalha de bronze), principalmente pela qualidade de seus aparelhos de ponta: a linha G, embora tenha apresentado alguns problemas (como a modularidade feita na maneira errada no G5) deu um salto de qualidade com o G6, embora a decisão de utilizar um hardware de um ano de idade tenha pegado mal para a empresa.

Já a linha V, representada hoje pelo V30 implementou o que há de melhor no G6 com componentes mais atuais, possui uma performance excelente e bate de frente com os flagships da Samsung, mas mesmo assim tais aparelhos nunca pegaram tração. Pesa o fato de que a LG limitou o lançamento do seu smartphone super premium, a linha nunca deu as caras no Brasil e só em 2017 foi lançada nos Estados Unidos. Assim sendo, quem já está familiarizado com Apple e Samsung dificilmente migraria para o “número 3”, por melhores que os gadgets fossem

lg-g6-and-v30

Como resultado, a divisão móvel da LG amargou prejuízos por incríveis 11 trimestres seguidos e como seus aparelhos intermediários e de entrada conseguem ao menos manter as finanças em dia, a decisão foi fazer ajustes profundos nos produtos de ponta: durante uma coletiva de imprensa na CES 2018, o vice-presidente da LG Cho Sung-jin anunciou que o ciclo de atualização de seus smartphones premium, tanto da linha G quanto da linha V deixará de ser anual, e novos modelos só serão introduzidos “quando necessário”. Tal decisão afetaria inclusive o anúncio do LG G7, que era esperado para a MWC 2017 mas acabe por ser lançado somente mais tarde, num evento próprio. Já o V40 pode nem dar as caras em 2018.

O executivo afirmou que a LG não mais lançará flagships todo ano “apenas porque nossos concorrentes o fazem”, e que a companhia planeja suprir as lacunas lançando variantes (provavelmente mais modestas) entre um modelo e outro. Até o momento os smartphones da linha G concorriam diretamente com a linha Galaxy S, enquanto o V era posicionado para disputar mercado com os da linha Galaxy Note; é possível que a LG intercale um modelo de uma linha e outra por ano, estendendo o prazo de atualização de cada um para dois anos mas claro, isso são apenas suposições.

Se observarmos apenas o cenário nacional, onde o LG G6 chegou custando o mesmo que o Galaxy S8, com um hardware já defasado e com atualizações pontuais, um maior prazo de atualização pode ser benéfico à companhia principalmente para observar o que seus concorrentes andam fazendo, analisar o que merece ser implementado e só então lançar um smartphone de ponta com características que realmente chamem a atenção, fugindo da mesmice e quem sabe, alavancando enfim as vendas de seus modelos premium. No fim, ela os consumidores podem sair ganhando nessa.

Fonte: The Korea Herald.

Relacionados: , , , , , , , , , ,

Autor: Ronaldo Gogoni

Um cara normal até segunda ordem. Além do MeioBit dou meus pitacos eventuais como podcaster do #Scicast, no Portal Deviante.

Compartilhar
  • Vinícius Santos

    uma decisão que todas as fabricantes deveriam tomar, essa coisa de renovar aparelho uma vez no ano não dá mais

    • Islan Oliveira

      Eu já tinha pensado que isso deveria ser feito, hoje em dias as mudanças tecnológicas de um ano pra outro não são muito relevantes como eram até 2013-2014. Mas quem realmente ganha dinheiro (Apple e Samsung) com os smartphones dificilmente adotaria essa medida.

      • Vinícius Santos

        exatamente, não tem atualização tecnológica que justifique.

    • Cesar Osvaldo Müller

      Existem empresas migrando para um modelo de atualização a cada 6/8 messes…. Enquanto isso eu acredito que o ideal seria algo em torno dos 18….

    • gbitte

      Acho que o certo é isso mesmo. Até porque com dois flaships, que como as empresas estão trabalhando , a atualização é anual.

  • Renato Oliveira

    Putz, por um momento pensei que seriam atualizações de software. Eu tenho um G6 e não tenho o que reclamar dele (e tinha um G4 antes, que também funcionava lindamente).

    • Pedro

      Eu tinha um G4, que no geral eu achava muito bom, mas depois de uma atualização do Android ele virou um aquecedor portátil.

      Todo tempo ficava quente no bolso e em 2 horas já tinha ido 50% da bateria.

      Como vi muita gente reclamando desse mesmo problema em fóruns e a LG, não arrumou, parti para um Galaxy S7.

  • Se com esta política de atualização de hardware ela implementar uma melhor política de atualização de software (android) os clientes agradecem.

    • Islan Oliveira

      LG consegue ser mil vezes pior que a Samsung no quesito atualização. Um tempo atrás, eu, meus pais, minhas tias e minha irmã usávamos LG. Hoje em dia estamos repartidos entre Samsung, Motorola e Asus.

  • Eu sempre digo que lançar todo ano coisas premium não iria se sustentar, uma hora satura

  • Teclado sem acento

    Nao sei se prefiro a primeira ou a terceira. A primeira eh mais bonita, mas a terceria eh mais alta. A do meio nao eh de todo ruim tambem. Dificil escolha…

    • Kimzark

      Cara eu prefiro a da esquerda.

      • Rodrigo Pozzebon

        Também prefiro, pq ela olha de um jeito diferente.

        • Teclado sem acento

          Carinha de (vc sabe qual adjetivo)

    • Sinceridade

      a terceira é filha do fofão, não curti

    • ochateador

      Só pegar as 3 e depois dar a opinião.

    • A modelo da esquerda já apareceu em outros eventos de lançamento da LG:

      http://meiobit.com/334846/mwc-2016-lg-anuncio-novo-smartphone-de-ponta-possivelmente-g5/
      http://meiobit.com/328885/lg-g4-update-android-6-0-marshmallow/
      http://meiobit.com/323316/lg-lucro-apenas-12-centavo-de-dolar-por-aparelho-vendido/
      http://meiobit.com/323024/lg-promete-smartphone-super-premium-para-breve/

      E até onde sei, ela é de Singapura.

      • Teclado sem acento

        Opaa, jah vinha de olho nela hein! hahahaha

        Como tu lembra as matérias em que ela aparece, algumas de 3 anos atrás? Stalker level 9000!

        • Porque é fácil filtrar, ela só aparece em eventos de telefonia da LG

  • Paulo de Tarso

    LG G2 – Único celular que me fez ter um LG. Pena que a atualização dele foi abandonada precocemente. Fato que me fez correr da LG.

  • Alexandre Hadjinlian Guerra

    O unico aparelho que pensaria alguma coisa hoje seria o moto que pode trocar os snaps
    É deprimente ver um aparelho bom ser obsoleto em um ano
    Tem outros esportes e brincadeiras mais interessantes para seres de carbono fazerem alem de correr atras da ultima tecnologia em telas de bolso

    • Alexandre Hadjinlian Guerra

      Sexo e mais barato e mais divertido… com certeza

      • Conan_da_Ciméria

        mais barato? alugue uma dama por semana do ano a um preço bem abaixo do mercado de top como um celular top, digamos R$100,00 em um ano compra-se um iPhone X no mercado cinza, e ainda entra as questões de bug que podem acontecer em alugar tal tipo de “serviço”. E não me venha dizer de sexo grátis, sempre tem um custo envolvido, começando com logística, álcool, janta, etc. resumindo ou você tem grana e se utiliza dos dois ou escolhe um ou pior anda só com “mercadoria defasada”.

  • Tive um Nexus 4 e um Nexus 5 que eram fabricados pela LG e nunca tive do que reclamar, mas quando fui substituir o Nexus 5 a opção da LG era o G5 que era uma piada de mal gosto, ae a LG me perdeu pra Samsung.

    • Adriano Martins

      O Nexus 4 e 5 eram excelentes aparelhos… Eles são a prova de que não há nada de errado nem com o Android, nem com o hardware da LG. É todo o resto da LG que estraga os demais aparelhos dela: modificações ruins no Android, poucas atualizações, designs malfeitos…

  • ahmizerave

    tive o G2 e o G4. O primeiro pifou ainda na garantia e , como a LG não tinha peça pra consertar, fui reembolsado. o G4, que era lindo, camera excelente etc e tal, pifou duas semana após vencer a garantia. Espero que a marca leve 10 anos pra lançar um celular novo mas ao fazê-lo, que seja durável.

  • Rodolfo Oliveira

    Com o descaso da LG com o Brasil quero mais é que se lasque. Apesar de não serem perfeitas, principalmente quanto ao preço, aa fabricantes de celular que tratam o Brasil melhor são Apple e Samsung que sempre trazem seus flagships sem fazer versões capadas.

  • Inquisidor

    estou com meu moto g2 desde 2014, só vou trocar quando desintegrar , sou usuario basico, ele me atende bem ainda, e quando queimar , vou pegar um xiaomi, fuck the receita federal e anatel.

  • Eric

    Triste. Uso um LG G2 até hoje. Na época do lançamento e até mesmo depois de alguns anos, era o melhor custo benefício dos mid-high end. Não tenho nada a reclamar do aparelho, e estava cogitando até trocar por algum LG novo.

  • Tive um LG G3 e foi só dor de cabeça. Um celular super bem cuidado, mas que não durou 1.3 anos. Tinha problema com a bateria (e a LG sabia do lote problemático, mas nunca fez recall), depois começou a falhar a tela, outro problema também conhecido, que a LG viu acontecer com o G3 e com o G4 e nunca tomou qualquer ação reparatória. Por mim, pode parar de lançar celulares ou quaisquer outros produtos. LG, nunca mais.

    • Adriano Martins

      Eu também tive um G3, cuidava super bem. A bateria morreu em uns 11 meses. Comprei outra. Aí com mais ou menos 1 ano e meio a placa deu problema, ele não conseguia mais ler o SIM e travava horrores. Levei em um técnico e ele disse que o problema é crônico no G3, com o tempo as soldas vão enfraquecendo por serem mal feitas. Dá pra dar um jeito temporário aquecendo a placa com um caldo fervente, mas depois de algumas semanas ele fica ruim de novo. Agora o G3 tá numa gaveta. Fugi pra Motorola.

    • Rafael Rodrigues

      Bota meu nome na lista do G3. Coloca tb mais 3 amigos e 2 familiares.

      TODOS os G3 morreram entre 12 e 18 meses.

      LG nunca mais!

    • Felipe Alfano Perrone

      Tive exatamente os mesmos problemas que vc. Começou o problema da bateria com 1 ano e 1 semana. Comprei uma genérica até conseguir uma num preço razoável, aí deu o problema da tela

  • ochateador

    LG G6 alguém recomenda ?
    Ou somente com lineageos ?

  • Acho uma boa estratégia. Tive um bom relacionamento com um G4, mesmo com burn-in já nos primeiros meses e bootloop no final (esse último, a LG arrumou fora da garantia). Teria comprado o G6, não fosse a beleza da tela infinita do Galaxy S8, mas certamente voltaria a usar um LG top de linha.

Aproveite nossos cupons de desconto:

Cupom de desconto Asus, Cupom de desconto Frio Peças, Cupom de desconto Mundo da Carabina, Cupom de desconto JBL, Cupom de desconto Costa Cruzeiros, Cupom de desconto Loja do Mecânico, Cupom de desconto Staples