Brasil confirma interesse em comprar navio porta-helicópteros dos ingleses

oc110038004sp

O Brasil por incrível que pareça tem uma frota razoável de submarinos, em verdade maior que a Alemanha, que no momento tem zero submarinos funcionais, mas na prática submarinos são ótimos em uma tarefa: afundar navios, como qualquer argentino sabe. Pra outras coisas eles são péssimos. Um submarino jamais conseguiria capturar o Salana Star: teria que afundá-lo e perderíamos o Verão da Lata.

Navios de superfície são importantes, e entre eles é preciso meios que sirvam pra projetar poder. Senão você só fica da água xingando o pessoal em terra, igual ao Aquaman. A embarcação de facto pra isso é o porta-aviões, dos quais nós perdemos dois. Um por pura idade, e o outro, o São Paulo, por ter vindo zicado de fábrica, comprado já muito usado.

A opção agora é o HMS Ocean, a nau capitânia da frota inglesa, comissionado em 1998 e ainda bem novo para um navio. Com a chegada dos dois novos porta-aviões que os ingleses estão construindo, o Ocean perderá sua utilidade tática como porta-helicópteros, então o negócio é botar no eBay.

occeahelicopterosnoconvoo

Vários países estão de olho nele, inclusive o Brasil. Ele pode levar esquadrões de helicópteros de ataque com mísseis anti-navio e até eventualmente caças de decolagem vertical, pois sonhar não custa nada.

Nós estamos paquerando o Ocean faz tempo, agora vazou a notícia de que o Ministério da Defesa teria autorizado oficialmente o projeto de aquisição do navio, a um preço de R$ 312 milhões, frete incluso eu imagino.

Segundo o UK Defence Journal, o Brasil já teria enviado até uma proposta de parcelamento do pagamento, e estaríamos tão confiantes que já haveria até gente discutindo o nome do navio, que provavelmente será Minas Gerais.

Fonte: UK Defence Journal.

Relacionados: , , , , ,

Autor: Carlos Cardoso

Entusiasta de tecnologia, tiete de Sagan e Clarke, micreiro, hobbysta de eletrônica pré-pic, analista de sistemas e contínuo high-tech. Cardoso escreve sobre informática desde antes da Internet, tendo publicado mais de 10 livros cobrindo de PDAs e Flash até Linux. Divide seu tempo entre escrever para o MeioBIt e promover seus últimos best-sellers O Buraco da Beatriz, Calcinhas no Espaço e Do Tempo Em Que A Pipa do Vovô Subia.

Compartilhar
  • Vai ficar parado no porto de Curitiba

    (EU SEI!)

    • Sergio Fagundes

      Já podem encerrar os comentários por hoje.

    • Marcoscs

      NOSSA, QUE B…..
      não, pera…
      ah, tá, entendi a referência…

    • JuNioR

      Conheço bem as coisas por aqui, vai dar “Destinatário Ausente”.

  • bit lascado

    Legal teremos um porta-helicópteros para que? Tirando os Mi-35 da FAB não temos helicópteros de ataque, a Marinha tem poucos vetores para guerra antissubmarino e só.

    • leoncral

      Tbm fiquei pensando nisso, mais um que vai ser comprado e ficar de enfeite.

      • Theuer

        Depois dos estádios para a copa, acho até porta aviões barato.

      • Julio da Gaita ✔

        é essa a idéia amigo, tipo convênio médico, custa caro, é bom ter.

        Mas tomara que não precise usar…rs

    • Don Scopel

      o HMS Ocean tem como função o desembarque de tropas, ele pode carregar + de 800 fuzileiros q podem ser enviados por lanchas de desembarques ou helicópteros. E helicópteros a Marinha possui mas realmente a maioria é voltada pra combate naval, precisamos de alguns pra ataque ao solo (como os Mi-35)

    • Gaius Baltar

      Creio que é a questão da função que cada um tem. Um porta-aviões tem a função de projetar poder aeronoval em lugares distantes, algo que sendo realistas não está dentro dos planos do Brasil. Já um porta-helicópteros tem uma função de defesa anti-submarina, patrulha costeira, transporte de fuzileiros e até operação de aviões VTOL, como o Cardoso falou. É bem mais prático e multifuncional.
      Sem falar que está uma pechincha, pois projetar um navio semelhante custaria 10 vezes mais ao Brasil. É como comprar um Audi A8 2015, que acabou de sair da garantia, mas está com pouco uso e o dono está vendendo por 20 mil euros.

      • Zaaboo

        Uma comparação bem válida!

      • DiMais

        também pode servir de plataforma para equipamentos de aliados em casos de necessidade e ajuda internacional como o que está acontecendo na Argentina recebendo embarcações e aeronaves de diversos países nas buscas pelo ARA San Juan.

        • Gaius Baltar

          Exatamente. É bem mais útil para o Brasil que um grande porta-aviões.

      • bit lascado

        Os ingleses operam a partir dele Apaches, Chinooks, não só helicópteros de patrulha e ASW. Concordo que o preço tá ótimo, porém não temos como explorar todo potencial do navio, apenas com Blackhawk, Super Lynx e Carcaral. A MB vai precisar de mais vetores para operá-lo a contento.

    • Alexandre Hadjinlian Guerra

      Vai vendo, teoricamente uma embarcacao desse serviria de apoio a plataformas de petroleo em emergencia… Alguem tem referecia sobre o assunto no mundo hoje? Não que o pre-sal seja o ultimo biscoito do pacote, mas temos muitas plataformas pela costa do Brasil inteiro

  • leoncral

    No Brasil nome legal mesmo só os das operações da Polícia Federal e nada mais. Que nome podre! Nada contra Minas.

    • Don Scopel

      Ah, as Fragatas Classe Niteroi tem nomes legais: F-40 Niteroi, F-41 Defensora, F-42 Constituição, F-43 Liberal, F-44 Independência e F-45 União

      • Julio da Gaita ✔

        Podia ter a Fragata F-0deu, já viram o preço da gasolina hoje?

        #ComentaristadoG1.exe stop working.

      • Maom

        Tinha que adotar nosso folclore. Ficaria diferenciado e ao mesmo tempo meio ufanista e mais memorável. Exemplos: Fragata Curupira, F- Columbina, F- Cuca, F- Chupa-cabra, F- Boitatá, F- Alma penada…

        • Lucas Timm

          Credo.
          Software open source que adora nome folclórico/indígena (Kurumin, Cauã, Tupã)..

          • Rafael Rodrigues

            Numa época em que Linux era pouco acessível para mortais comuns (como a tia que vende tupperware), Morimoto elaborou o Kurumin, excelente produto (para a época). Salve Grande Morimoto!

        • Marcelo Eiras

          Mas o chupa-cabra é mexicano =P

          • Maom

            Et de Varginha então! kkkk

          • Marcelo Eiras

            Aí sim. =D

        • RCNB

          F – Chupa Cu de goianinha

      • Fernando Vieira

        É melhor que os nomes triunfantes da marinha inglesa. Imagina o dia em que o HMS Invincible for derrotado…

  • Lucas Leandro

    Minas Gerais não pelo amor de Deus, nada contra Minas Gerais. Dá o nome de algum Almirante, alguma batalha ou pelo menos um estado fora do Sudeste

    • Islan Oliveira

      Porra, bota Duque de Caxias ou de alguém importante da Marinha (reconheço que minha memória está falha nessa área), mas nome de estado é muito sem imaginação.

    • Salles Magalhaes

      Talvez “submarino trem bao”

    • Theuer

      Um Estado que tenha mar! Hehehe

    • Gaius Baltar

      Acho que virou tradição o Porta-Aviões ter nome de estado importante. Pela lógica deveria ser Rio Grande do Norte. 😁

      • Julio da Gaita ✔

        Podia ser “Curitiba” não deixa passar nada, e sempre uma voadora no fiofó dos contribuintes.

        Ou poderia pintar de amarelo e azul e chamar de “Curreios” demora pra chegar, e se chegar é só alegria.

        • Gaius Baltar

          Mas sendo bom e barato não pode ser Correios. Hahaha.

          • Julio da Gaita ✔

            Mas se eles cobram e é você que tem que retirar na “agência”, dae é correios sim.

      • Sendo estado do nordeste o frete já não estaria mais incluso. Haha!

        • Gaius Baltar

          Que puta falta de sacanagem com a gente… Hahaha!

    • Marcogro®

      Maranhão? República do Acre?

    • Chama de Rio Grande do Sul que o churrascão de domingo na laje do navio vai estar sempre garantido!

      • Reinaldo Matos

        Pena que não daria pra fazer churrasco de Fogo de Chão…

    • Julio da Gaita ✔

      Hahahah, pq essa raiva do Sudeste abiguinho?! rs

    • Jonatas Afonso

      Vamos chamar de Acre 🙂

    • Lucas Timm

      Eu concordo, Minas Gerais não tem nem costa.

    • ElGloriosoRangerRojo™

      Podiam fazer um projeto Stealth, seria a Nau Acre.

  • Flávio Simões

    Lamentável um artigo sobre poderio naval do Brasil sem citar o melhor submarino do mundo, nunca foi detectado, o BRL Acre

  • Rafael Fortes

    Mas Minas Gerais não tem mar, quem sugeriu esse nome? Almirante Chica da Silva?

    • ElGloriosoRangerRojo™

      EUA tem/teve um monte de embarcações com nomes de estados sem mar e ninguém ficou enchendo o saco… 🙂

      • Gaius Baltar

        Inclusive tem porta-aviões com nome de presidente que nunca viu um avião, muito menos porta-avião.

  • cloverfield

    A Turquia também anda de olho nesse navio.
    Vamos ver pra quem os Tommies vão querer vender no final.

  • Marcogro®

    Com “frete incluso” tá valendo…

  • Teclado sem acento

    Aceita vale?

  • Nilton Pedrett Neto

    Briefing: “precisamos de um nome que homenageia o estado de Minas, tenha relação com pequenos aeroportos e helicópteros ”

    Publicitário: “duas ideias:
    – porta helicoptero senador Aécio Neves
    – porta helicoptero Medellín “

    • Rafael Rodrigues

      O nome de Aécin está reservado para quando comprarmos um porta-helipóptero.

  • Julio da Gaita ✔

    Pra que submarinos se não temos ogivas nucleares?! Pra soltar biribinha no inimigo?!

    WTF!

    • Paulo

      Submarinos representam o melhor custo-benefício para negação de uso de área marítima. Com um submarino na área, não strike group que não fique com c.. coração na mão. Nunca haverá 100% de segurança. um submarino parado a alta profundidade é o maior perigo que há para um navio.

  • Meninão Bobo

    O ruim é que o frete incluso vai ser via marítimo vai demorar para chegar…

    • DiMais

      60 dias de frete mais 120 dias para desembaraço fiscal.

  • Mario Neis

    foi sugestão do bolsonitro pra Minas finalmente conseguir chegar ao mar haha

  • Maom

    É nessas horas que o BNDES deveria entrar… Não seria possível com esse dinheiro investir numa empresa brasileira para que essa fabricasse uma embarcação semelhante? Ao invés de gastar bilhões em estádios, porto em Cuba, Aeroporto em Angola… O BNDES deveria ajudar o país a criar umas mega empresas privadas tal qual uma Embraer, em diversos ramos. É assim tão complexo desenvolver uma xingling de um desses? Vale lembrar que seria uma empresa privada com real interesse em crescimento e contratos de novas unidades com outros países. Ou até comprar o Navio para criar a empresa para fazer engenharia reversa, faz uma abertura de ações no mercado e deixa, se preciso, 49% das ações nas mãos do governo já que entrou com o investimento inicial e impedindo que essa empresa se vingar seja comprar por alguma corporação chinesa um dia. To viajando muito?

    • Daniel Silva

      vc esta totalmente por fora, o brasil hoje NÃO tem uma nau captânea, portanto isto é para ontem e o preço que os ingleses estão vendendo, é o preço de uma fragata, ou seja uma bagatela, o brasil construir um sonha, quantos anos o brasil esta construindo os submarinos e ainda não estão prontos

      • Maom

        Sonho mesmo… Quando vc vê países que até ontem a população morava em casa de palafitas sobre as águas e hj fabricam, copiam, e brigam com gigantes do mundo por que fizeram muita engenharia reversa com produtos que começaram a aparecer por lá por conta da mão de obra barata. A Embraer é uma realidade. Temos faculdades renomadas com engenheiros que se formam e vão trabalhar em bancos ou escritórios substituindo funções que deveriam ser de “administradores de empresa”, aquele curso que a pessoa faz sendo uma extensão da escola para poder entrar no mercado de trabalho com um diploma sem aprender nada.
        O país carece de indústrias, carece de empregos qualificados e o BNDES deveria fomentar justamente esse tipo de investimento a longo prazo. Precisa dessa embarcação pra ontem? Então compra, mas pq diabos um país continental como o nosso com milhares de quilômetros de costa não pode ter uma empresa referência nesse nicho? Pega um estaleiro brasileiro e firma um contrato de aquisição futura pela marinha com ele. Coloca o BNDES para investir nos altos custos que esse estaleiro vai necessitar para desenvolver e construir tal embarcação. O país gasta bilhões com o BNDES em obras diversas. Num projeto desse que além de ser de interesse estratégico para o país, ainda resultaria numa enorme fonte de entrada de dinheiro externo no futuro. Muitos países pequenos e de médio porte poderiam se interessar assim como nossos super tucanos interessam.
        A china fez isso pra se tornar o que é hj. Colocou e ainda coloca capital público em empresas privadas para compensar a força de empresas multinacionais já estabelecidas.

    • Vc não esta viajando nada, o governo já faz/fez algo parecido, olha a Odebrecht!

      • Maom

        Pois é… Tirando a corrupção da equação, de fato a Odebrecht se tronou uma potencia mundial que trás lucros, emprego e impostos pro Brasil. Poderia ampliar em outros setores.

        • Nosso submarino nuclear vai bem? Nunca mais ouvi falar e lembro da Odebrecht estar envolvida!

          • Maom

            Acredito ser um projeto muito mais complexo que esse porta aviões.

          • DiMais

            boatos que está em andamento (o prazo é 2023), claro que com cortes nos investimentos os prazos aumentam consideravelmente.. pelo que sei a Odebrecht estava envolvida principalmente nas obras civis, o submarino em si é transferência de tecnologia francesa para a Marinha do Brasil.

    • major505

      Lógico, os “investimentos” em angola e cuba foram ridiculos, mas não sei se financeiramente faria sentido aqui. A maão de obra para um navio como esse é uma coisa muito especializada e cara.

      E de fora geral, como um país neutro, se não pegarmos um dos ingleses, franceses e americanos, os inimigos deles sempre teriam em vender um para a gente.

      • Maom

        É nada, americano vende armas pra qualquer um dos lados. A gente não está em guerra com ninguém, logo podemos vender e comprar do mundo todo menos da Melhor Coréia que está com o “nome sujo” na praça.

        • major505

          Os eus fornecem equipamento conforme interesse regionaol. Não vendem para venezuela tb que tem que se virar com equipamento russo.

          Era que nem antes, vendia para o Irã porque era o maior aliado regional deles, ai Irã teve a revolução Islamica, armou o Iraque até os dentes para derrubar o Xá, ai Sadam fez merda, não venceu a guerra, e resolveu anexar o Kuwait para pagar a conta. Opss… lá se vai o ultimo aliado. 2 caras que só faltou dar arma nuclear para eles.

        • Gaius Baltar

          Estamos falando de uma escala muito maior. Uma coisa é comprar um F-16 e outra muito diferente é comprar um porta-aviões, que não está propriamente dando sopa por aí. A transferência de tecnologia para uma belonave dessas é muitíssimo superior àquela envolvida na do Grippen, por exemplo.

    • Gaius Baltar

      Bom, uma coisa não invalida a outra. O Brasil deveria investir sim em indústrias com alta tecnologia e capacidade de exportar produtos de alto valor agregado. Mas nesse caso estamos perante uma compra de ocasião, a um preço bem atrativo. Então no curto prazo poderíamos comprar o HMS Ocean e tentar que o seu sucessor seja nacional.

  • Antero Coelho

    “Projetar poder” como o articulista falou, é importante para um pais com um litoral gigantesco como o nosso. Mas, eu na minha visão leiga, não entendo o porque do Brasil não possuir uma Guarda Costeira, aos moldes da Americana. Uma policia marítima de fato, com barcos rápidos e pequenos, helicópteros de patrulha e salvamento…E PRINCIPALMENTE…presente em toda a costa e nos rios de fronteira.

    • Rodrigo Cavalcante da Silva

      Por que dá trabalho e ferra o esquema de um monte de político…

    • Gaius Baltar

      Projetar poder aeronaval é importante quando você precisa fazer isso longe do seu território, como é o caso dos EUA, China, Rússia, Reino Unido, etc. No caso do Brasil um porta-aviões tem uma utilidade menor que um porta-helicópteros como o HMS Ocean.

  • heitorvrb

    Cadê os screencaps de floquinhos reclamando?

    • W. W. Barros

      “Tanta gente passando fome…”

  • Errar é Foch, permanecer no erro é Ocean.

    • Gaius Baltar

      O Foch foi um erro, já o Ocean não seria.

  • Li ontem que o nome pode ser Rio de Janeiro!

    • Gaius Baltar

      Teria sua lógica, mas…

  • major505

    Porta avisões que tinhas serviam mais para adestramento do que uso prático. Pessoalmente não acho eles importantes para nossa marinha, uma vez que não somos um pais que projeta poder, e sim tem uma frota voltada para defesa (o que submarinos fazem muito bem).

    Já um portal helicópteros é interessante jpa que um navio consegue cobrir uma facha muito maior que um monte de base aérea, e pode ser usado também ofensivamente (helicópteros seriam ótimos para caçar embarcações menores e mais furtivas por exemplo.

    Não seria uma má adição a frota Brasileira.

  • Marcelo Eiras

    Frota razoável com 5 submarinos diesel elétrico não muito melhores que um u-boat da segunda guerra?

  • Fernando Ferreira

    Eu votaria por Curitiba. Uma bela homenagem a unica fronteira que realmente funciona no País.

    • Gaius Baltar

      Como a tradição é nome de estado teria que ser Paraná.

      • Já é melhor que batizar com um Estado que nem mar tem.

        • Cesar

          Como não?
          Tu não conhece o velho chico popularmente conhecido como mar doce?

  • Marcelo Eiras

    É onde a Marinha vai enfiar os A-4 ?

    • Gaius Baltar

      Cara…

  • Luiz Augusto

    Navio sucateado, dinheiro jogado fora, e se entrar e guerra com uma grande potencia essa banheira é a primeira a afundar.

    • Gaius Baltar

      Sucateado era o São Paulo (aka Foch) que foi comissionado na Marinha brasileira com 40 anos de uso e com vários problemas estruturais. Esse é o navio capitânia de uma das marinhas mais tradicionais da história, tem menos de 20 anos e foi atualizado em 2012, contando com toda a tecnologia de ponta usada pela OTAN.

  • evandro maynard

    Minas gerais nada Amazonas em homenagem a um estado tão importante não só para o Brasil mais também para o mundo infelizmente jogado a segundo plano.

  • Reinaldo Matos

    Duvida…

    O HMS Ocean tem 203,4 metros de comprimento,

    O Saab Gripen que a FAB adquiriu (E ainda não chegou) pelas especificações diz que tem condições de decolar em pistas de 800 metros com neve…

    Tentei ver se achava algo sobre decolagem em pistas normais e não achei (ou não pesquisei direito mesmo).

    A pergunta é: O Gripen conseguiria decolar desse brinquedinho ai?

    • Gaius Baltar

      Não consegue. Esse é um porta-helicópteros e também serve para aviões VTOL. Até aviões STOL não creio que consigam pousar/decolar nele. Os Grippen N (versão para a Marinha do modelo sueco) teria que ser cancelados e/ou trocados pela versão normal.

  • Marcelo Eiras

    Eu lia Poder Aereo, Forças Terrestres e Poder Naval em 2011/2012. Falavam que as FFAA iriam comprar 18 fragatas FREMM, 5 submarinos nucleares, 128 Gripens NG, 2044 blindados Guarani e 4 mil Ivecos LMV…Estamos em 2017 e a MB quer uma velharia da Inglaterra. Brasil é soda… Parece aqueles memes de expectativa x realidade =/

    • Lucas Leandro

      Velharia não, o navio ainda tá em otimo estado e com uma boa vida de serviço, hardware militar não é smarthphone não desatualiza tão rápido

      • Rodrigo Santos

        e o Ocean foi todo reformado em 2014, se nao aprontarem nenhuma treta será uma boa compra.

    • O maU elementaU

      MAC, é todo um conjunto de problemas. Falta de cultura, falta de infraestrutura, povo vendido pros USA, e francamente, quem vai querer invadir essa merda?
      Eu so acho uma pena o Brasil nao cuidar da sua propria soberania. Mas nao cuida nem do proprio povo, vai cuidar da soberania? Em um pais que falta insulina e seringa no posto…

  • Daniel Plainview

    “[…] afundar navios, como qualquer argentino sabe”. TOO SOON?

  • Felipe Torrezini

    Parece que a Marinha Brasileira só tem dois nomes de Estados a escolher: SP ou MG. Deve ser uma tradição desde a época da política do café-com-leite.

  • Lcnorm

    Então, por algum motivo, o Cardoso não acha que essa banheira sucateada seja um mau negócio. Interessante…

Aproveite nossos cupons de desconto:

Cupom de desconto Locaweb, Cupom de desconto HP, Cupom de desconto Descomplica, Cupom de desconto Nuuvem, Cupom de desconto CVC, Cupom de desconto Asus, Cupom de desconto World Tennis