Cadê meu Bitcoin?

Qual será o efeito que a reportagem do Jornal Nacional de ontem fará em relação ao Bitcoin?

Para quem estuda a criptomoeda, nada. Até porque a matéria acrescentou nada.

Já para os curiosos e interessados, dispostos a ler e estudar (como em qualquer investimento financeiro — ações, fundos e o Tesouro Direto), vamos ajudar com o básico:

Onde conseguir Bitcoins?

Como o primeiro mantra das criptomoedas é “seja seu próprio banco”, a primeira ação a se tomar é: escolha bem sua carteira.

É nela que você vai depositar suas “moedinhas” e, portanto, precisa ter segurança: back-up offline e, principalmente, ser encriptada. O velho papel também ajuda (contanto que você não o perca).

Existem inúmeras opções de wallets (carteira em inglês). Podem ser para Desktop (Linux, Windows e Mac), Hardware, Celular (sim, para seu Android, iPhone, Windows Phone e até mesmo para seu encostado Blackberry) e na Web. Cada uma tem sua vantagem e sua desvantagem.

O importante é lembrar que depende do que você deseja. Falaremos de algumas no futuro. Até porque tenho um amigo que guarda alguns Bitcoins em papel e eu achei a ideia bem interessante.

carteira-bitcoin-634x465

Escolhida a sua wallet, registrada, salva, configurada e até autenticada por Two-Step Authentication (verificação dois-passos), vem a pergunta:

No Brasil, como comprar?

A opção mais usada são Exchanges, onde você pega seus BRL e “troca” por Bitcoins, de acordo com a cotação do dia e da exchange (que te cobra uma taxa por isso). É parecido com comprar dólar em casa de câmbio — tanto que o nome usado é o mesmo. O preço geral é um, mas o valor de compra é diferente da venda.

Aqui começa a segunda máxima das moedas virtuais, Exchange não é Wallet! Pense assim: você deixaria seus bitcoins (ou litecoins, Ethereum ou outra criptomoeda) na casa de câmbio ou manteria com você?

Se você não vai gastar comprando algo na Amazon, na Dell, na Microsoft ou naquela confeitaria no Itaim que aceita bitcoins, por que não guardar com você?

Há casos conhecidos de invasão de hackers, donos de casas de câmbio que sumiram do dia para noite… mas essa deliciosas fofocas eu conto no meu Twitter.

Ah! Se quiserem comparar reportagens, a da Band News está excelente e teve a participação do maior especialista brasileiro, aqui. Recomendo.


Leia também:

Relacionados: , , , , , , , , , , , , , , ,

Autor: Gabriela Bia

Viajante apaixonada, Tenista frustrada, Controller de Crédito, Astrônoma Amadora e Cozinheira nas horas vagas.

Compartilhar

Aproveite nossos cupons de desconto:

Cupom de desconto Asus, Cupom de desconto Frio Peças, Cupom de desconto Mundo da Carabina, Cupom de desconto JBL, Cupom de desconto Costa Cruzeiros, Cupom de desconto Loja do Mecânico, Cupom de desconto Staples