Sobre a tal improvável mega-estrutura alienígena…

2017011454cb4796a4052_-_dyson-sphere-02-0814-de

Pois é. A tal Estrela de Tabby, com aquele comportamento totalmente anômalo, variando muito de brilho intrigou muita gente, foi até aventada a improvável, quase impossível hipótese de ser uma Esfera de Dyson, uma construção alienígena em volta da estrela para captar energia.

Agora parece que surgiu uma hipótese mais razoável. A culpa da variação no brilho da estrela é do… Devorador de Mundos.

20170115galactus

Ok, não esse, na verdade se parece mais com uma nuvem mas por favor não lembre daquele filme menos horroroso do Quarteto Fantástico.

A pesquisa, publicada na revista da Sociedade Astronômica Real se chama Secular dimming of KIC 8462852 following its consumption of a planet, e modela um cenário que reproduz as variações de brilho, elas ocorreriam se a estrela devorasse um planeta.

Isso é assustador, e nem digo só pela saúde do planeta: é um evento bem maior que a dieta constante de cometas, que caem nas estrelas e elas nem tomam conhecimento. Um planeta é grande demais para se manter inteiro, ele seria despedaçado pela gravidade da estrela  mesmo que não a atingisse. Isso resultaria em uma nuvem de fragmentos.

20170115jupiter1

A outra questão é: planetas por definição ocupam órbitas estáveis. Para um planeta ser lançado em direção à sua estrela algo muito grave tem que acontecer. Existe a possibilidade de uma estrela passar muito perto do sistema solar, ou o próprio sistema ser composto de mais de uma estrela, o que gera configurações instáveis.

Talvez uma anã-branca em uma órbita muito alongada tenha finalmente se aproximado demais do planeta, alterado sua órbita e ele foi esfarelado ao chegar perto demais da estrela principal.

Ou isso ou…

20170115planet_killer

Leia também:

Relacionados: , , , , , , , , ,

Autor: Carlos Cardoso

Entusiasta de tecnologia, tiete de Sagan e Clarke, micreiro, hobbysta de eletrônica pré-pic, analista de sistemas e contínuo high-tech. Cardoso escreve sobre informática desde antes da Internet, tendo publicado mais de 10 livros cobrindo de PDAs e Flash até Linux. Divide seu tempo entre escrever para o MeioBIt e promover seus últimos best-sellers O Buraco da Beatriz e Calcinhas no Espaço.

Compartilhar
  • Samuel

    Não entendi. Aquela imagem no final é a famosa “pica das galáxias”?

    • Marombert Einstein

      Doomsdaymachine, mas eu vi um fumo do capeta… uma teoria bem mais factível que todas as outras, diga-se de passagem!

      • gilberto tedeia

        algo como: tá rolando uma larica estelar

      • Ivan

        Cigarrinho do galactus

    • Jonatas

      Um super Berne espacial

    • Mario

      Doomsday Machine do Star Trek.

    • Claudio Roberto Cussuol

      É que o povo do planeta começou a perturbar os Goa’ulds e eles jogaram um meteoro pra se vingar.

  • SignaPoenae

    Até o momento, só mais uma teoria que se encaixa nos dados coletados. Junto com o “enxame de cometas, transição de fase e esfera de Dyson.

    É esperar a Tabheta usar o dinheiro do Kickstarter e recolher mais dados, junto com o pessoal Breakthroug.

    Lembrando que esse povo quer até enviar sinais para a estrela, o que significa que for uma esfera de Dyson, pode dar merda.

    • Theuer

      E neste caso nem dá exatamente para dizer que estão cutucando com vara curta, né…

    • Nilton Pedrett Neto

      não vejo como problemático ter diversos aliens aí fora… o que fode a gente é não existir o “tradutor universal” do Star Trek. A primeira temporada de Star Trek: Enterprise mostra o perrengue que é encontrar aliens e não ser capaz de se entender com eles…

    • Bom, estando a estrela a 245 anos-luz daqui, a galera pode começar a se preocupar lá por 2500… Isso se ainda estivermos aqui nesta parte da Via Láctea.

      • Opa, boa notícia! Eu me enganei, a estrela está a ~1270 anos-luz.
        Agora sim vai dar para fazer um bom planejamento caso os aliens nos enxerguem.

  • Eu continuo achando que só tão testando o dimmer dela.

    • Theuer

      Mau contato. Certeza.

      • Thiago Bachi Rehbein

        Quantos alienígenas são necessários para se trocar uma estrela???

        R. Nunca saberemos… E isso é o Máximo!!!

  • Theuer

    “Secular dimming of KIkosMotherFucker blábláblá…”
    Sempre.

  • Othermind

    Li a matéria enquanto vejo na globo o filme onde os alienígenas invadem a terra… “Batalha de los Angeles”.. Ô filme ruim…

    • ricms

      Sim. Recorri ao pânico após anos. Sei q a gente evolui e deixa conceitos para trás (malhação é um ótimo exemplo de programa para público de faixa específica). Mas q bosta de programa isso virou. Senti. Vergonha pelo ator q fez o duas caras no batman e o fantástico Obrigado por fumar.

    • ricms

      Adendo: se tu viu o filme do filho do pescador tu vai repensar teu conceito de filme ruim.

    • O curioso é que o filme é muito bom até a cena do helicóptero, quando parece que tudo está perdido. Seria uma baita quebra de paradigma e abriria para uma continuação para a retomada humana no futuro. MAS NÃO, americano não consegue fazer filme com esse tipo de final, depressivo. Tem sempre que ter a vitória absoluta dos americanos 😛

  • Marcogro®

    Acharam o bagulho do Tsoukalos… ;`)

  • Ateus batem tanto na tecla de que a Grande Mãe Ciência é a única capaz de explicar a Vida o Universo e Tudo Mais, dizem até que tudo que existe foi criado de um grade peido galático, mas de repente, não fazem a mínima ideia do que se passa em uma estrelinha que está a míseros 1480 anos luz de distância…

    Tá serto.

    • Bruno Ligiéro
      • Nope.

        A crítica não é à ciência moderna, mas àqueles que a colocam num pedestal ao mesmo tempo que desmerecem todo o resto.

      • Braumeister

        “Não alimente os animais.”

        • Bruno Ligiéro

          Ops! Too late!!!

      • E essa foto antiga do Cardoso aí? xD

    • Na ciência se procura respostas e não há vergonha nenhuma em se admitir que os cientistas não tem todas as respostas, ou que uma resposta estava errada após surgirem novas evidencias. Se todo mundo ficasse debruçado na resposta para tudo que a igreja implantou na idade media para todas as as perguntas : ” Isso é assim por que Deus quis ” , não existiria medicina, física, eletrônica, mecânica, ainda estaríamos morrendo de gripe por falta de antibióticos e as pessoas colocariam a culpa na falta de fé da pessoa ao invés de culpar um vírus. Ainda estaríamos queimando pessoas no fogueira que usavam remédios a partir de ervas, por que isso era considerado bruxaria. Não misture as coisas, a sua fé não precisa ser inimiga da ciência, que inclusive criou o computador que você usou pra fazer esse post, se Deus deu a capacidade aos homens de descobrir como o universo funciona por si só, mas de forma nenhuma deu o conhecimento de bandeja, de forma nenhuma isso desmerece a ciência, assim como cientistas de verdade não ficam desmerecendo a religião de ninguém.

      • Sempre o velho papinho “Mimimi a ciência não é engessada, estão sempre buscando novas respostas, não tem problema em admitir que estavam errados e etc”…

        Se ateus se baseiam em algo que acreditam ser certo agora, mas pode estar errado na próxima década, isso só demonstra como a crença cega deles é frágil e sem sentido.

        • Rodolfo da Silva Carvalho

          Ciência não é crença. Ciência é a busca de conhecimento por meio de
          experimentos. Ciência não está aqui para desmerecer a crença de alguém.

          • Não é isso que os ateístas dizem quando tentam desmoralizar religião utilizando-se da suposta Ciência…

          • Rodolfo da Silva Carvalho

            Qualquer um (e não somente ateus) que utiliza ciência como ferramenta de chacota de outras religiões ou como algum tipo de religião é um IDIOTA!

          • Ninguém aqui estava desmerecendo a sua religião, do contrario de você que chegou desmerecendo quem acredita que conhecimento cientifico é importante.

          • Ivanney Pessôa Moreira Martins

            Acho q vc estah fazendo uma pequena confusao de causa e consequencia (senta q la vem ciencia, to brincando,nao vem nao).
            Qdo certos ateistas “pegam no pe” de alguma religiao, a causa nao eh a Ciencia, mas Natureza Humana, veja “meu time eh melhor q o seu”.
            Me desculpe, se ficar meio longo, mas… ja namorei uma protestante, uma testemunha de Jeova e fui casado com uma cuja mae era mae de santo, e apesar de Eu nao fomentar tais comentarios, com certa regularidade elas comentavam religioes alheias, a biblia ter diferencas, a questao da transfusao, o destrato aos desencarnados, etc tudo virava motivo para minha religiao eh melhor daquela outra, deixei de frequentar uma reuniao Budista (q dava uma certa Paz) pela insistencia dos frequentadores em citar a religiao Catolica, que estava me incomodando.
            O Ateu, como qqr outro crente (provocacaozinha aos demais) acha que a religiao/time dele eh melhor, de novo a culpa nao eh da Ciencia e sim da Natureza Humana.

            P.S.: Nao sei q vertente do protestantismo vc pertence, mas nunca aconteceu numa reuniao comentarios sobre; pecados dos papas, transfusoes de sangue, sessoes espiritas, mesa branca ou trabalhar com a “esquerda”, etc, etc? Foram comentarios elogiosos? Natureza Humana, essa sim ainda tem muito a melhorar

        • Felipe Fernandes Braga

          Gente que acha que ciência e uma religião.

          • Alexandre Salau

            Não alimente os trolls

        • Ciência não é crença e ser ateu não é religião mas apenas não ter religião. Ciência se baseia em fatos que podem ser provados e religião em fé, se você não pode acreditar em fatos que podem ser provados, basicamente você é irracional. Você pode ter religião e acreditar na ciência ao mesmo tempo. Taxar as pessoas de ateu ou simplesmente procurar briga com quem não acredita na sua religião só mostra falta de maturidade para aceitar a escolha de quem é diferente de você. Sou católico, mas minha fé jamais conflitou com meu interesse por adquirir conhecimento, nem me cegou a ponto de negar o direito das pessoas pensarem diferente de mim.

          • Ivanney Pessôa Moreira Martins

            Via de regra assino embaixo do q vc escreve, mas sou Obrigado a manifestar q discordo desta definicao de Ateu, apesar dela ser bem comum.

            Entra ai a diferenca entre Ateu e Agnostico, o Ateu Sabe, tem certeza, q nao existe Deus, tem Fe, Crenca nesta “verdade”, o Agnostico diz que esta discussao “nao lhe pertence” 🙂 como todas as “provas” a favor ou contra, fisicas, dialeticas, logicas, etc. podem ter argumentos contrarios, entao …. “tem coisa mais legal para Eu fazer/ pensar” hahahaha
            Abs respeitosos

          • Eu conheço que os ateus tem mais de uma vertente, mas preferi apenas usar a definição clássica, por que acho que era meio difícil aprofundar o debate aqui.

          • Bruno Ligiéro

            Então…

            Teísmo / Ateísmo é a definição da “crença” ou não em deuses.

            Gnosticismo / Agnosticismo é o “conhecimento” que se tem de algo.

            A imagem abaixo ilustra bem isso:

            https://uploads.disquscdn.com/images/2b0e8634eb7fa7475bdd71046228f05cd7ccdcbdac29fc5a6a843820afd894fb.jpg

          • Ciência se baseia em fatos que podem ser provados, e se não acredita, basicamente você basicamente é irracional

            THIS. Tá vendo? Demorou mas a parte ateísta veio pra fora. Chamar de irracional quem “não acredita” em fatos que podem ser provados. Aí que está a arrogância ateísta. Dizer que se a ciência provou, é assim, e se você discorda, é um ignorante burro.

            Aí a gente lê uma coisa dessas só pra depois vir uma notícia dizendo “A idade da Lua esteve errada por muito tempo…” Ué? Cadê o racionalismo, agora que os “fatos provados” provaram unicamente que estavam errados? Ah eh, a ciência está sempre em evolução, se negando e se reinventando. Bem conveniente esse discurso…

          • Basicamente você não quer dialogar, quer atacar as pessoas, se passar por coitado e quando ouve oque não quer ler chama as pessoas de arrogante, eu estava tentando ter uma conversa racional com você , mas como não tem jeito, eu vou fazer oque, você vai cutucando a pessoa até ela te dar uma resposta mais grosseira e depois fala : ” Esta vendo, eu estava certo, o cara é ateu, arrogante” , mas você faria o papa ou qualquer pastor perder a paciência fácil fácil. Acho que nem Jesus cristo aguentaria tentar argumentar com você.

    • /! Do not feed the troll /!

      • Bruno Ligiéro

        Ops! Too late!!!

      • Julio Verner

        Did you mean: Crentroll

    • Ivanney Pessôa Moreira Martins

      Desculpa, mas VC tem alguma ideia do q se passa lah? hahaha. Estah em qual parte da biblia ou qqr q seja seu livro sagrado? 🙂
      Se vc tbm nao sabe nao critique quem quer saber.

      Exitem N Cientistas que tem Fe, mas sabem separar oq eh Dogma religioso e o que eh Ciencia/Compreensao, falando nisso um Bom Cientista nunca fala q Prova q Deus Nao existe, diz no maximo q um ser divino eh de baixissima probalidade ou que se determinado deus existe, seu perfil psicologico eh no minimo inconstante 🙂 Ou alguma coisa equivalente/similar.

      A Ciencia SABE que Nao vai Explicar TUDO. Nos Meus tempos de IFUSP, era piada comum que “Se sua pesquisa para responder uma pergunta, nao levantou mais 4 ou 5 ela foi mal feita, ou pior, vc eh que nao esta vendo as novas” haha, bom mas isso foi la na decada de 80. Entao nao nao adianta criticar um cientista pelo q ele ainda nao sabe, pois uma coisa q ele SABE eh q qto mais aprende, mais coisas aparecem para aprender/entender.

      edit, no mais, vide Anakinpendragon abaixo;
      IFUSP =Instituto de Fisica da USP

  • Alexandre Salau

    Mas esta hipótese (não teoria) não exigiria vários planetas de tamanho bastante robusto para justificar as diversas variações de brilho que chegam a mais de 20%?

    • Macedo

      ou um planeta bem grande alinhado exatamente na rota de luz da estrela em relação à terra…

      • Alexandre Salau

        Teria que ser tão grande que teria se tornado uma estrela.

    • flavio

      eu (leigamente) entendi que isso se deve ao planeta poder ter se fragmentado em sua orbita, gerando alguns “pedaços” que tenham ficado na frente, bloqueando a luz…

      não ficaria surpreso se eu tiver entendido errado.

      • Alexandre Salau

        Não sou nenhum especialista mas sei que mesmo um planeta gigante tipo super Júpiter não consegue escurecer mais do que uns 2% a estrela ao passar na frente, além disso as “piscadas” são em intervalos de tempo regulares. No caso desta estrela as piscadas são em intervalos irregulares e chegam a passar de 20% de variação de brilho. talvez se tivesse uma outra estrela morta em órbita mas acho que neste caso teria sido detectada uma variação de órbita na estrela principal.

        • flavio

          realmente, tudo que você falou tem sentido… enfim, sei la

Aproveite nossos cupons de desconto:

Cupom de desconto Locaweb, Cupom de desconto HP, Cupom de desconto Descomplica, Cupom de desconto Nuuvem, Cupom de desconto CVC, Cupom de desconto Asus, Cupom de desconto World Tennis