Uma das listas de Schindler vai a leilão no eBay

66947486.uOz9Xhgz

No dia 15 de dezembro de 1993 o diretor Steven Spielberg colocava nos cinemas o filme “A Lista de Schindler”, que se tornou sucesso de bilheteria (mesmo sendo em preto e branco) e que contava a história do empresário Austríaco/Húngaro (hoje, República Tcheca), com nacionalidade alemã, Oskar Schindler. Ele salvou a vida de mais de mil judeus durante o Holocausto, fazendo listas com nomes de pessoas de diversas famílias que seriam mortas, mas contratando-as para sua fábrica e evitando que o pior acontecesse. O longa metragem ganhou sete prêmios Oscar, incluindo Melhor Filme e Melhor Diretor.

Com o intuito de salvar os 1.200 prisioneiros que estavam em campos de concentração, Schindler abriu uma fábrica de armamentos em Brünnlitz (ou Brněnec, como é chamada na República Tcheca). Para convencer seus superiores nazistas (que estavam interessados nas armas), o empresário disse que a contratação destes judeus era vital para a produção.

factory460

A transferência dos trabalhadores era preparada em várias listas, conhecidas coletivamente como “A Lista de Schindler“, de acordo com Steven Luckert, curador de exposições permanentes no Museu Memorial ao Holocausto nos Estados Unidos, que fica em Washington DC. O filme foi inspirado no romance “Schindler’s Ark“, de Thomas Keneally, que por sua vez retrata a história real de Schindler e a contratação das centenas de pessoas naquela triste situação.

Uma destas listas está indo a leilão, através do eBay, com lances iniciando em US$ 3 milhões. Algumas pessoas estão criticando o fato de que uma lista desta importância esteja sendo leiloada assim, pela Internet. Outros dizem que, a exemplo dos outros relatórios da mesma coleção, isso deveria ir para museus, de forma gratuita. Mas, como lembra a jornalista da CNN, Erin Burnett, talvez esta seja mais uma forma de colocar Schindler e os acontecimentos por trás deste documento de volta aos holofotes, gerando diálogo principalmente com os que ainda não conhecem a história.

$(KGrHqN,!nsFHf15mpcWBR5dftHGbg~~60_57

Halina Silber é uma das sobreviventes do holocausto e hoje vive em Baltimore, EUA. Silber era a número 16 em uma das listas de Schindler, que possuía apenas nomes de mulheres. Ela diz que ficou surpresa ao ver que algo assim esteja rodando pela Internet, e sendo vendida por um valor destes.

[Estar na lista] foi uma bênção disfarçada e, por isso, eu sobrevivi à guerra, trabalhando com Schindler“, diz a senhora, que completa: “Ele era excepcionalmente cuidadoso e apaixonado pelo que ele estava fazendo. Sempre protegendo seus trabalhadores judeus como nenhum outro na história. Ele era nazista e ainda assim ele nunca aceitou Hitler. Ele arriscou não apenas sua estabilidade profissional, mas sua própria vida, para salvar e ajudar estes judeus até o fim, quando todos sobrevivemos.

Schindler morreu em 1974 e está enterrado em Israel.

E você leitor, qual sua opinião? Acha que documentos históricos assim deveriam ser doados para museus? Ou quem possui a lista tem o direito de leiloá-la como está sendo feito?

Fonte: CNN.

Relacionados: , , , , ,
  • Edmilson_Junior

    Se a lista tem algum dono, como um descendente, é um direito dele vende-la. Quer que vá para um museu? Compre-a e a doe ao museu, fora isso é só mimimi.

    • Concordo. E qual seria o preço justo para um documento assim? Fico pensando quem seriam os possíveis compradores.

      • Edmilson_Junior

        Preço justo é difícil dizer, afinal tudo baseia-se no valor percebido, é apenas um pedaço de papel que algumas pessoas dão importância, se o dono quer 3 milhões as pessoas decidem se querem ou não pagar. É como as obras de arte, eu digo que a minha vale X e você decide se concorda ou não. Van Gog que o diga.

      • O preço justo é o qual as pessoas vão oferecer e o atual dono fale que é possível de ele aceitar.

  • Com certeza quem vai arrematar essa lista será um judeu cheio de dinheiro. Desculpem-me pelo pleonasmo.

  • Pingback: Uma das listas de Schindler vai a leilão no eBay | SIB e-News()

Aproveite nossos cupons de desconto:

Cupom de desconto Walmart, Cupom de desconto Ricardo Eletro, Cupom de desconto Extra, Cupom de desconto Martins Fontes Paulista, Cupom de desconto Empório da Cerveja