Ciência
Ciência
Digital Drops Blog de Brinquedo

Dia 15 agradeça por não estarmos um pentelhonésimo no lugar errado

Por em 2 de fevereiro de 2013
emCiência
Mais textos de:

Site | Twitter
  • Alvaro Luiz

    Lembrei agora daquele add-on do google earth que mostra todo o lixo espacial em volta da terra… com isso em mente veio a imagem do tal meteoro fazendo uma limpa desse lixo pelo caminho ehehhe

  • GalegO86

    Porra, se um negócinho de 50mts faz um buraco desses… Eu nem quero saber o que acontece caso algo realmente grande apareça…

    • http://meiobit.com/author/max_laguna Emanuel Laguna

      Esse mts significa o que mesmo? Metro-tonelada-segundo? :) :D

      • GalegO86

        hahahaha… Pelo tamanho do buraco, até serve :D

      • http://twitter.com/jaisoncarvalho Jaison

        Acho que é “Corrão” :)

  • http://twitter.com/TaylerPadilha Tayler Padilha

    Vale lembrar que o meteoro que originou a Cratera do Meteoro (Arizona, EUA) era praticamente de ferro. Ferro é um material muito pesado e duro; talvez se ele fosse formado por algo mais mole não teria aberto uma cratera tão grande.

    • http://nada-aqui.posterous.com Marcio Neves Machado

      Talvez nem tivesse chegado inteiro até o chão, se fragmentado em milhares de pedacinhos ao colidir com a atmosfera superior, fazendo chover estrelas cadentes

      • Bruno Rocha

        Na verdade depende do ângulo. Se chegar muito alto, vai ser feio do mesmo jeito.

        Eme escala humana, é a diferença entre levar um tiro de uma Magnun 44 ou uma espingarda 12 cal. de dois canos.

  • Pierre Lehnen

    Meh, quando fiquei sabendo do asteroide procurei no google alguma “calculadora de dano” e o resultado que me apareceu foi bem menos dramático dizendo que nem mesmo deixaria cratera, aí já tinha até perdido o respeito pela pedra.

    • http://www.at.eti.br/ Antônio Pessoa

      Um meteoro de 50m, viajando a uma velocidade de 28.100 km/h, não deixaria nenhuma cratera? Nem mesmo a cratera no Arizona, com 1.186 km de diâmetro e criada por um meteoro também de 50m serve como exemplo?

      http://en.wikipedia.org/wiki/Meteor_Crater
      http://neo.jpl.nasa.gov/news/news177.html

      • Pierre Lehnen

        Não to dizendo que não deixaria, to dizendo que é o que eu achava antes.

        • http://www.at.eti.br/ Antônio Pessoa

          Citando você: “(…) e o resultado que me apareceu foi bem menos dramático dizendo que nem mesmo deixaria cratera, aí já tinha até perdido o respeito pela pedra.”

          Deixa eu destacar: “(…) nem mesmo deixaria cratera (…)”.

          • Pierre Lehnen

            Exatamente, isso é o que havia aparecido no tal site, que eu tinha acreditado até ler o post do Cardoso.

  • http://www.facebook.com/lvcabral Marcelo Cabral

    Estive nessa Cratera ano passado, é impressionante. Os caras criaram uma infra-estrutura de visitação e tem os destroços da “pedra espacial”. Passando aqui pelo Arizona é uma visita que vale a pena, fica relativamente perto do Grand Canyon.

  • OverlordBR

    Depois ainda tem gente que diz que não tem sorte!

  • http://twitter.com/killerjabuti Gilson Junior

    Existe por acaso a minima possibilidade de terem errado o calculo? 0_0

  • Leonardo Fagundes

    Vai saber se a origem desses 16 minutos salvadores não foi o meteoro que caiu no Arizona, pois há 50 mil anos tinha bem menos gente no planeta…uma providência divina desviando o 2012 DA14 nos os dias atuais?

    • Bruno Rocha

      Graças a essa providência divina, estamos exatamente na rota de um impacto em 2041.

      P.S. Deus não existe.

  • Pingback: Meteoro ESPETACULAR atinge cidade russa causando danos « Meio Bit()