Apple Keynote: Resumão

newipad

Ontem fiz uma experiência e foi excelente: Acompanhar o keynote da Apple com o Twitter desligado foi excelente. Toda a carga negativa dos haters habituais foi anulada, e deu para apreciar a apresentação sem ter que parar para explicar mimizentos que a Apple NÃO quer ser a Sansa e lançar um MP18.

Como será dividido em vários posts, vamos falar só resumidamente  dos lançamentos aqui, para evitar duplicação de conteúdo, até porque se essa fosse minha praia, mandava currículo pro Luciano Huck, soube que abriu vaga… <== veneno

Vamos, então, aos lançamentos:

Novo iPad

Apple-new-ipad

Ele NÃO tem rádio FM, NÃO se chama iPad HD, NÃO tem uma versão de 7 polegadas, NÃO tem versão de 8GB, NÃO tem versão de 128GB, e basicamente não tem NADA que a boataria anunciou como certo.

O novo iPad tem resolução Retina Display (há uma certa controvérsia nisso, aguarde post sobre o assunto) de 2048×1536, vem com um processador A5S, com GPU de quatro núcleos, é um tiquinho mais grosso e um tiquinho mais pesado que o iPad 2. Também vem com suporte a vídeo FullHD, câmera de 5MP filmando em 1080p, funciona em tudo que é rede de telefonia que você imaginar, inclusive LTE, com teóricos 70 e cacetada Mb/s de download.

Ele também vem com sistema de reconhecimento de ditado, mas não é Siri. Bateria de 10 horas para wifi, 9 horas para 3G/4G.

mini-conclusão: Vale? Sem dúvida nenhuma, as aplicações, vídeos e fotos ficam inimaginavelmente lindas na resolução obscena dele.

Preço: O iPad 2 16GB será o entry-level da família e US$399,00. O Novo iPad tem a seguinte precificação:

Preço nos EUA:

  • WIFI:
    • 16GB – US$499,00
    • 32GB – US$599,00
    • 64GB – US$699,00
  • 3G/4G/LTE:
      • 16GB – US$629,00
      • 32GB – US$729,00
      • 64GB – US$829,00

Preço no Brasil:

ky

Apple TV

apple-tv

Surpresa, surpresa, a boataria não acertou aqui também. Tinha gente dando como certo o lançamento de uma televisão pela Apple. O que se viu foi um upgrade da Apple TV, um projeto que é descrito pela própria empresa como um hobby.

É algo que todo mundo gosta mas as vendas são “pequenas”, apenas alguns milhões de unidades. No 1o trimestre de 2012 só foram vendidas 1,4 milhões de Apple TVs, mas pelo preço, US$99,00 e pela utilidade, além de exibir conteúdo do iTunes e de outras fontes, permite que você exiba nela o que passa no seu iPad, por exemplo, é algo que não vale a pena descontinuar.

Por isso a nova versão continua com o mesmo precinho camarada mas vem com vídeo FullHD 1080p, e processador A5, o mesmo do iPad 2 e do iPhone 4S.

Como quem não quer nada a Apple está vendendo um console mais poderoso que tudo que há no mercado. É só habilitar joysticks via Bluetooth e download de Apps. Ou então alguma forma de execução assistida de código. Parte do processamento no iPhone, parte na Apple TV. Acha que não estão pensando nisso? Eu que não chego aos pés do Jobs, pensei.

iPhoto iPad

O gerenciamento de fotos do iPad era legal, não vou negar, mas bem limitado. Cumpria sua função e só, e isso não é nada mágico. Principalmente, os usuários estavam acostumados ao iPhoto no Mac, Com o poder de processamento do A5 se tornou viável oferecer uma versão da aplicação desktop, como já faziam com o GarageBand, Pages, Keynote, Numbes e iMovie.

No vídeo acima temos um belo tour pelo iPhoto, dá para brincar BASTANTE com imagens nele. Integrando com o iPhoto do Mac e com a Nuvem, tornando cada vez mais irelevante o conceito de armazenamento local. Não é armazenamento final, é apenas buffer, cache. Seus arquivos estão… em algum lugar. Onde? Não interessa, desde que acessíveis.

Aplicações e Jogos

Foram demonstradas várias aplicações, inclusive o GarageBand, que agora permite que você monte uma rede via Bluetooth com outros iPads e toque em conjunto. Muito chique.

Na parte de jogos, a GPU faz bem seu trabalho. Usando o mesmo processador gráfico do PS Vita, o iPad é capaz de jogos em alta resolução como o Air Supremacy:

Dica: Assista em 720p

Acha pouco? Dê uma olhada no Infinity Blade: Dungeons. Isso não é cutscene, é o Engine Unreal, em tempo real.

A diferença aqui é que no Playstation Vita a GPU só tem 128 MiB de memória pra brincar, enquanto isso o iPad tem 1 GiB compartilhado entre CPU e GPU.

iOS 5.1

O update foi basicamente incremental, exceto para quem tem um iPhone 4S, pois Siri ganhou suporte a japonês. Vários bigs foram corrigidos, inclusive um que envolvia consumo excessivo de bateria. Também houve uma modificação no ícone da câmera na tela de entrada do iOS.

Antes você precisava de um duplo-clique para acionar a câmera, mas isso provavelmente estava gerando acionamentos falsos nos bolsos e bolsas da vida. Agora é preciso deslizar o ícone.

O limite de download para 3G foi aumentado de 20MB para 50MB, assim ha menos chance de você não estourar o limite de seu plano de dados tentando baixar aquele joguinho sensacional no meio da viagem.

Ao contrário de certos sistemas ligados ao Google, a Apple tem respeito pelo usuário, então esse iOS 5.1 TAMBÉM está diponível para o iPad 1 e o iPhone 3GS.

Conclusão

A Apple lançou o dispositivo móvel com maior resolução do mundo, um console portátil mais poderoso que o XBox 360 ou o PS3, uma plataforma de criação artística maravilhosa, manteve compatibilidade com todos os acessórios, mas AINDA ASSIM aparece gente pra dizer que o novo iPad “decepciona”.

Já vi esse filme antes com o iPad 2, com o iPhone 4S, com o iPhone 4 e estranhamente com o 3GS. O iPad original então, foi impressionante. Juraram de pés juntos que não ia vender nada. Quando mais de um milhão deles foram vendidos em 4 dias, os Haters Que Nunca Desistem disseram que era culpa do marketing, e que em uma semana todo mundo estaria devolvendo.

Depois disso começou o rame-rame de TODO tablet anunciado pela concorrência ser tratado como um iPad Killer, só para virar de barriga pra cima e morrer horrivelmente, ou cair na irrelevância.

Pois bem; na falta da concorrência, de novo é a Apple que apresenta o iPad Killer. No caso, o matador do iPad 2 se chama… iPad. Discorda? Então mostra um CEO da concorrência exibindo um gráfico listando 55 milhões de unidades vendidas.

ipad55

Relacionados: ,

Autor: Carlos Cardoso

Entusiasta de tecnologia, tiete de Sagan e Clarke, micreiro, hobbysta de eletrônica pré-pic, analista de sistemas e contínuo high-tech. Cardoso escreve sobre informática desde antes da Internet, tendo publicado mais de 10 livros cobrindo de PDAs e Flash até Linux. Divide seu tempo entre escrever para o MeioBIt e promover seus últimos best-sellers O Buraco da Beatriz, Calcinhas no Espaço e Do Tempo Em Que A Pipa do Vovô Subia.

Compartilhar

Aproveite nossos cupons de desconto:

Cupom de desconto Asus, Cupom de desconto Frio Peças, Cupom de desconto Mundo da Carabina, Cupom de desconto JBL, Cupom de desconto Costa Cruzeiros, Cupom de desconto Loja do Mecânico, Cupom de desconto Staples