Rodando Android One, Motorola One chega ao Brasil por R$ 1.499

A Motorola trouxe para o Brasil seu mais novo smartphone: anunciado em evento realizado hoje (04) em São Paulo, o Motorola One chega com configurações medianas e rodando Android One, o que garante atualizações de sistema mais rápidas e constantes.

Vamos dar uma olhada mais de perto:

O modelo possui um design de bordas finas, traseira em vidro e leitor de impressões digitais na traseira; o display é um LCD IPS de 5,9 polegadas, de proporção 19:9 e resolução de 1.520 x 720 pixels (287 ppi), que por insistência da Motorola ainda disputa espaço com a marca na parte inferior, por causa disso ele traz uma borda maior na região. As demais são mais finas e seguem a tendência atual, inclusive com a presença do famigerado notch que embora introduzido pela Essential, pegou tração graças à Apple.

Por dentro temos o SoC Snapdragon 625 da Qualcomm, octa-core Cortex-A53 com clock de 2 GHZ e GPU de 506, 4 GB de RAM, 64 GB de espaço interno expansível via cartão microSD de até 256 GB, além de uma bateria de 3.000 mAh e contector USB Type-C. A entrada para fone de ouvido está presente, como de costume em modelos mais baratos da Motorola.

O conjunto principal de câmeras é duplo: um dos sensores possui 13 megapixels, abertura f/2,0 e autofoco com detecção de fase, enquanto o outro conta com 2 MP, abertura f/2,4 e sensor de profundidade, próprio para permitir os recursos de foto com fundos desfocados ou elementos destacados com e/ou sem cor. Juntas elas possuem Flash LED e capacidade de filmar em 4K a 30 frames por segundo. A câmera selfie, por sua vez possui 8 MP e abertura f/2,2.

Completam as especificações: Bluetooth 5.0, A2DP, BLE, NFC, A-GPS, GLONASS, BDS, GALILEO e compatibilidade com a tecnologia de carregamento rápido TurboPower, provendo seis horas de uso com apenas 20 minutos de carga.

O Android One, programa originalmente voltado para modelos de entrada hoje é oferecido a dispositivos intermediários e até premium, desde que os fabricantes se comprometam a oferecer um sistema operacional com experiência pura (ou quase neste caso; o One possui os recursos de experiência Moto) e integrada com as soluções do Google; em troca, os dispositivos recebem atualizações e patches de segurança com mais frequência.

Ambos modelos chegam rodando a versão 8.1 Oreo, mas segundo a Motorola eles são elegíveis para o Android 9 Pie, que será liberado até o fim do ano) e Android Q, em 2019; assim, eles entram no roadmap de updates em que as linhas Moto Z e Moto X se encontram. A título de comparação, os modelos da família Moto G só recebem uma atualização e os da linha Moto E permanecem na versão com a qual são lançados.

Preços e disponibilidade

O Motorola One estará disponível nas lojas a partir de hoje, nas cores preto e branco pelo preço sugerido de R$ 1.499,00; o Motorola One Power, com bateria de 5.000 mAh e melhores especificações não veio para o Brasil.

Relacionados: , ,

Autor: Ronaldo Gogoni

Profissional de TI auto-didata, blogueiro que acha que é jornalista e careca por opção. Autor do Meio Bit e Portal Deviante, podcaster/membro fundador/Mestre Ancião do SciCast e host/podcaster do Sala da Justiça.

Compartilhar