Philco PC: conceito (incrível) de desktop retrô

No filme WALL•E, dois robôs de diferentes épocas e designs são confrontados: o próprio WALL•E, com um projeto arcaico e bem feio, e Eve, a robô futurista criada pelo Jonathan Ive (brincadeirinha 😀 ). Essa ideia, de que o antigo é cafona e o futuro está no branco e nas linhas curvas, transcende o filme e pode ser visto em praticamente todas as áreas da informática. Macs estão aí para provar isso.

Mas essa preferência em termos de design não é absoluta, o que justifica a ampla variedade de estilos e formas empregados atualmente. Temos um padrão, sim, mas a linha que o separa do resto de propostas e estilos é bem tênua. E isso é maravilhoso, pois abre espaço para pequenas pérolas como o conceito abaixo, o Philco PC.

121409_rg_PhilcoPC_01_rect540

Cria de Dave Schultze, o Philco PC inspira-se no design da década de 1950, especificamente em TVs Philco Predicta e máquinas de escrever da época. Há, também, clara influência do steampunk, um gênero cultural que se baseia na era Vitoriana inglesa, do século 19, quando tudo era movido a vapor. Nesse mix de influências, bastou colocar um pouco de criatividade e uma excelente execução em 3D, para se chegar ao Philco PC.

É apenas um conceito, mas parece tão verossímil, que dado o avanço da informática, não deve ser muito difícil transformá-lo em realidade. Coloque um belo monitor LCD (ou OLED?) no monitor, e bons componentes no relativamente espaçoso gabinete, e pronto, temos um PC estiloso e atual rodando.

121409_rg_PhilcoPC_04

Tudo chama a atenção no Philco PC, mas algumas coisas se destacam. Por exemplo, o teclado, composto por teclas que lembram muito as velhas máquinas de escrever, e o mouse, de alumínio e formato estranho – e, pela imagem, nada ergonômico.

Alguém, por favor, pode criar um de verdade e comercializá-lo?

Fonte: Unplggd.

Autor: Rodrigo Ghedin

Blogger, bacharel em Direito e acadêmico de Sistemas de Informação.

Compartilhar