Home » Games » Museu » Super Nt, o SNES que rodará em Full HD e sem emulação

Super Nt, o SNES que rodará em Full HD e sem emulação

Conheça o Super Nt, um interessante console desenvolvido pela Analogue e que rodará cartuchos de Super Nintendo sem recorrer à emulação.

2 anos atrás

super-nt

Mesmo com milhares de pessoas já aproveitando seus SNES Classics para reviver vários clássicos que marcaram o console da Nintendo, a impossibilidade de utilizar cartuchos nele sempre foi um ponto criticado, assim como o fato do aparelho recorrer a emulação para executar os títulos.

Para os mais exigentes, algo como o mini Super Nintendo lançado recentemente é quase uma afronta e foi pensando nestas pessoas que a Analogue anunciou seu próximo produto, o Super Nt. Conhecida por oferecer uma das melhores experiências quando o assunto são consoles antigos, eles prometem repetir a dose com este aparelho.

Disponível em quatro cores — uma imitando o SNES americano, outra o japonês, uma terceira em preto e a última transparente — a previsão é para que o Super Nt seja lançado em fevereiro de 2018 e o seu grande destaque é o fato dele não rodar os jogos através de software e sim hardware. Isso será possível graças a utilização do FPGA Altera Cyclone V, que pode ser descrito como um circuito integrado programável capaz de imitar o funcionamento de outros dispositivos.

A coisa sobre o FPGA é que ele replica o hardware num nível muito baixo,explicou Kevin “Kevtris” Horton, uma das principais mentes por traz da Analogue. “Não é emulação por si só; não há códigos rodando. O que ele faz, é como um chip que você pode programar para transformar em outro chip, programando-o para agir exatamente como um antigo Nintendo. É tão próximo de um console real da Nintendo que você pode rodar um jogo direto do cartucho.

Isso significa que qualquer jogo lançado para o Super Nintendo (ou Super Famicom) poderá ser utilizado neste videogame e de acordo com a fabricante, de maneira idêntica ao original, sendo que o usuário ainda poderá fazer ajustes ao modificar a programação do chip.

Conectado à TV por HDMI, o videogame conseguirá exibir imagens em 1080p e para a alegria dos puristas, eles permitirá que controles originais do SNES seja utilizados. Porém, também será vendido separadamente (US$ 39,99) uma réplica sem fio criada pela 8bitdo, outra empresa que costuma ser bastante elogiada pela qualidade dos seus produtos.

super-nt-2 super-nt-4 super-nt-3super-nt-5

Outro detalhe que deverá agradar algumas pessoas é uma entrada para cartões SD no Super Nt. Embora sirva para atualizações de firmware, é muito provável que um dia ela permita que ROMs sejam executadas no aparelho, assim como aconteceu com o seu antecessor, o Analogue Nt. Isso permitiu que ele rodasse jogos de vários outros aparelho, como Master System, Atari 7800 e Game Boy. Como os responsáveis pela fabricante afirmam que as pessoas podem fazer o que quiserem com seus aparelhos, o mesmo deverá acontecer com o Super Nt.

O grande problema aqui é o preço cobrado pelo novo produto da Analogue. Com sua pré-venda já disponível, será preciso gastar US$ 189,99 para garantirmos uma unidades, valor que certamente ficará bem mais alto quando o videogame chegar por aqui e for devidamente taxado pela nossa receita. Isso é uma pena, pois gostaria muito de poder comprar um deste. Porém, ficarei só na vontade mesmo.

Fonte: Engadget.

Leia mais sobre: , , .

relacionados


Comentários