Home » Games » Como comprar jogos de Nintendo Switch em eShop de outra região

Como comprar jogos de Nintendo Switch em eShop de outra região

Confira nosso tutorial para comprar jogos no Nintendo Switch a preço de Steam e economizar bastante (esperamos).

1 ano atrás

Após o fracasso do Wii U, a Big N fez de tudo para que seu novo videogame corrigisse vários aspectos tidos como falhas. Uma dessas falhas seria a trava regional: o recente console híbrido é o mesmo em todas as regiões. Isso quer dizer que temos um mesmo hardware global e este pode ser vinculado a uma conta de qualquer país, inclusive para comprar jogos no Nintendo Switch.

Laguna_Nintendo_Switch_Sonic_Mania

A limitação é que não podemos mudar a região da Conta Nintendo dentro do console, ou seja: se quisermos mudar a região da Nintendo Account associada a um Switch, devemos fazer isso fora do aparelho.

O console é associado àquela Conta Nintendo independentemente da região. Se, por acaso, encontrarmos um jogo mais barato numa eShop de outra região, podemos comprá-lo e, em teoria, associar o jogo comprado à nossa conta.

Foi o que o tio Laguna fez para obter o Sonic Mania na eShop russa, mais de vinte reais mais barato que na eShop de origem da minha Conta Nintendo, que é e continua a ser norte-americana. Confira como foi feito, logo abaixo.

Atenção: o seguinte tutorial deve ser seguido por sua conta e risco. O procedimento descrito, embora aparentemente não seja proibido pela Nintendo, não é aconselhável para iniciantes e representa apenas um passo a passo de um experimento bem sucedido.

Nem o MeioBit Games e nem o tio Laguna são responsáveis por quaisquer erros em seu Nintendo Switch que possam acontecer.

Material necessário:

  • Nintendo Switch com uma Conta Nintendo a ele vinculada;
  • um computador com acesso à internet;
  • cartão de crédito internacional;
  • conta no PayPal.

Passo 1

Carregue seu Nintendo Switch se necessário, depois o mantenha ligado deixando-o próximo a você. Desligue a renovação automática da assinatura do Nintendo Switch Online, caso necessário.

Passo 2

Retire todo e qualquer dinheiro vinculado à Conta Nintendo. Sabe aqueles seis, sete centavos de dólar que você deixou daquele cartão pré-pago? Hora de gastar.

Não deixe um centavo de qualquer moeda que seja. Balance zero. A Nintendo não é banco nem casa de câmbio, ela não converte dólar norte-americano em rublo ou euro, por exemplo. Se ficar dinheiro na Nintendo Account, você não vai poder mudar a região.

Passo 3

Se você tiver um (New) Nintendo 2DS/3DS e/ou Wii U vinculado ao Switch sob a forma do Nintendo Network ID, mantenha-os desligados. E não esqueça do login e senha originais do NNID: a identificação da Nintendo Network também contém as moedas do programa de recompensas My Nintendo, que também é limitado por região.

Como tais consoles têm trava de região, perderão o vínculo com a Conta Nintendo durante o procedimento. Se você não tem quaisquer destes consoles, podes pular e seguir para o próximo passo.

Passo 4

Para saber em qual eShop o jogo digital está mais em conta, existem serviços como o Save Coins (era o antigo Qual eShop?) que pesquisam onde determinado jogo seria mais barato. No caso do tio Laguna, o game alvo da pesquisa foi Sonic Mania da eShop russa, que custa 699 rublos (R$ 39,94). Tal jogo custa US$ 19,99 (R$ 63,21) na eShop norte-americana.

Laguna_Sonic_Mania_eShop_RU

Passo 5

Entre na sua Conta Nintendo. Vá até Configuração de Conta Nintendo e mude seu “País ou região de residência” para o da eShop onde o jogo está mais barato. Você vai receber a seguinte mensagem de alerta:

Laguna_Nintendo_Account_change

Confirme a mudança de região. Pronto, sua Conta Nintendo está na região desejada e você acaba de perder o vínculo com o NNID, caso tenha 3DS e/ou Wii U atrelado à Conta Nintendo. Não se preocupe, pois dá para recuperar tal vínculo, basta não esquecer login e senha originais, como alertei no 3º passo.

Passo 6

Entre na eShop desejada, qualquer que seja. Bom lembrar que, dependendo do país, o idioma pode estar em caracteres incompreensíveis. No meu caso, me deparei com uma eShop toda descrita em alfabeto cirílico, mas a disposição dos botões e links segue basicamente o layout padrão da eShop norte-americana.

Ao chegar no jogo desejado, clique no equivalente a “Comprar” no idioma daquela eShop.

Laguna_Sonic_Mania_RU_purchase

A parte selecionada diz basicamente sobre aceitar Condições e Termos de Uso, algo padrão

Passo 7

Agora chegamos à parte mais emocionante do processo: pagar. Embora a loja russa aceite cartões de crédito internacionais, há a possibilidade de dar algum problema aqui. Para evitar a fadiga e mais noivas russas no meu e-mail, preferi completar a compra usando o PayPal. Ele que se encarregue de converter a moeda e tal.

Laguna_PayPal_japa

Um comportamento estranho nessa parte: o idioma passou de russo para japonês. Talvez a integração com o PayPal esteja na fase de testes e seja ainda vinculada à matriz da Nintendo.

Seja como for, o site é mesmo do PayPal e coloquei meus dados ali, realizando de facto a compra.

Laguna_Sonic_Mania_proof_of_purchase

Passo 8

Lembra do 1º passo? Bom, instantes após a compra, o Nintendo Switch já deverá baixar o jogo comprado. Verifique se realmente o download começou. Por precaução, melhor deixar o download do game terminar por completo.

Passo 9

É hora de voltar para casa. Retorne ao PC e entre na sua Conta Nintendo. Entre na Configuração de Conta Nintendo, alterando seu “País ou região de residência” de volta para a região de origem. No meu caso, Estados Unidos.

Passo 10

Caso você tenha NNID, na Configuração de Conta Nintendo vincule-o novamente. Depois refaça a fusão dos fundos do NNID com a Conta Nintendo, caso o tenha feito antes do 2º passo.

Agora você tem um novo jogo atrelado à sua conta, mas o dinheiro utilizado na compra não será convertido em pontos My Nintendo, pois o game foi comprado numa região diferente, com outra moeda.

Observações

O tio Laguna poderia muito bem ter evitado toda essa trabalheira acima ao abrir uma nova Conta Nintendo da outra região lá. O problema é que teríamos no Switch duas ou mais contas de regiões diferentes. Mais contas, mais possíveis problemas para administrar.

Embora eu tenha economizado mais de vinte reais no processo, comprando o Sonic Mania a preço de Steam, a economia se perdeu, pois para esvaziar a carteira na Conta Nintendo tive que comprar um jogo barato qualquer na eShop US. O escolhido foi The King of Fighters 2000 (não tinha o 97, meu favorito).

Vale a pena?

Depende do jogo. Outro título com grande diferença de preços é o 1-2-Switch, que custa US$ 49,99 na eShop US (ou 176,56 reais), mas na eShop sul-africana custa 569 rands (R$ 154,87). Para mim, esse não vale tudo isso.

Só espero ver mais ofertas como a do Sonic Mania na Rússia. E torço para que a Nintendo não volte atrás na decisão do Switch continuar a ser region-free por causa de espertinhos, como eu.

ATUALIZAÇÃO (16/11/2018)

Quem for assinante da Nintendo Switch Online, em alguma outra região que não a da compra final, deverá desativar a renovação automática antes de seguir o tutorial. Bom lembrar que, embora a conta permaneça com o jogo independente da região, os Gold Points ficarão na região onde o game foi adquirido.

relacionados


Comentários