Home » Internet » O vídeo “original” do RickRoll desapareceu do YouTube lá na civilização

O vídeo “original” do RickRoll desapareceu do YouTube lá na civilização

Se você foi uma recente vítima do RickRoll, sinta-se privilegiado: do nada, o YouTube restringiu o acesso do vídeo “original” dessa brincadeira em vários países, inclusive nos Estados Unidos. Um irônico DRM regional ao nosso favor… Até quando?

5 anos atrás

Laguna_Rick_Astley

♪♫ Never gonna give you up
Never gonna let you down ♩♬

Para você que chegou à internet agora, nunca desista de tentar entender como o negócio aqui funciona: a mais fatal das regras da internet é que a zuera não tem limites™. E isso desde sempre. Se algum dia você clicar no link de uma notícia bombástica que um(a) [email protected] te enviou e parar no clipe da canção Never Gonna Give You Up, não fique triste: você apenas dançou no RickRoll, uma das mais velhas “Pegadinhas do Mallandro” virtuais.

Infelizmente parte da brincadeira foi para o brejo: o vídeo “original” que era utilizado para promover tal brincadeira foi retirado pelo YouTube em alguns países sem dó nem piedade, muito menos explicações.

Laguna_Copia_Rickroll

Isso é o que acontece quando você sobe para o YouTube um videoclipe de “Never Gonna Give You Up” sem ser o oficial (Crédito: YouTube)

O tal vídeo tinha mais de 70 milhões de visualizações, não permitia ser incorporado em outros sites e foi um upload feito lá em 2007 sem fins lucrativos no serviço de vídeo do Google. Era de facto o RickRoll original, respeitado até pela Viacom, que com base nos direitos autorais dela apagou todas as outras cópias. Por isso a surpresa em vermos a recente restrição regional do RickRoll'D.

De acordo com o Billboard e a fonte do presente texto, o Google não deu explicação alguma para restringir o acesso do RickRoll'D em países como os Estados Unidos. Seria para promover o videoclipe oficial no canal VEVO lá na civilização?

É irônico notar que muitos videoclipes estrangeiros sofrem DRM regional e não podem ser vistos aqui no Brasil, enquanto o vídeo “original” do RickRoll foi um upload estrangeiro que ainda pode ser visto no Brasil mas não no país de origem da brincadeira toda.

*Se você estiver lendo isso, por favor não estrague nos comentários a brincadeira abaixo.

ATUALIZAÇÃO (às 21 h 40 min): o próprio Rick Astley explicou em vídeo o motivo pelo qual o YouTube precisou restringir o acesso do RickRoll'D em alguns países. Faz sentido, mas o tio Laguna não achou nada justo.

relacionados


Comentários