Projeto de Lei do Senado Federal propõe a regulamentação dos eSports no Brasil

esports-001

A notícia em si não é nova, mas ganhou repercussão nesta semana quando as redes sociais do governo começaram a replica-la: o Senado Federal analisa proposta para um Projeto de Lei que visa a regularização dos eSports no país como um desporto propriamente dito, o que vem levantando uma série de discussões pró e contra a iniciativa.

O PLS Nº 383/2017, de autoria do senador Roberto Rocha (PSDB-MA) defende quatro pontos principais:

  • o reconhecimento de jogadores profissionais (ênfase nessa parte) como atletas, com iguais direitos e deveres aos de quaisquer outros esportistas profissionais reconhecidos no Brasil (o que implica em uma série de procedimentos legais e dos direitos e obrigações trabalhistas vigentes no país, que os donos de times e os atletas serão obrigados a observar);
  • o dito “direito garantido à prática”, que nada mais é do que uma regulação formal e o impedimento de ações individuais que possam vir a prejudicar os eSports no país (por exemplo, ações judiciais de indivíduos ou grupos/empresas buscando proibir ou limitar eventos);
  • o combate a práticas discriminatórias que impeçam a entrada de atletas no meio independente de gênero, etnia, condição financeira ou qualquer outra característica;
  • a implementação do “Dia do Esporte Eletrônico”, a ser comemorado no dia 27 de junho (data de fundação da Atari, em 1972 por Nolan Bushnell e Ted Dabney).

O Artigo 4º do inteiro teor (cuidado, PDF) discorre sobre reconhecer como entidades fomentadoras da prática “a Confederação, Federação, Liga e entidades associativas, que dentro das suas competências normatizam e difundem a pratica do esporte eletrônico”; isso de certa forma estabelece quem estará devidamente autorizado a organizar eventos de eSports no Brasil, visto que existem algumas instituições como a Confederação Brasileira de Esportes Eletrônicos (CBEE) e a Associação Brasileira de Clubes de eSports (ABCDE), esta última formada pelos oito principais times do país e que não esconde o intuito de no futuro agir como o sindicato do setor.

Segundo o senador autor da proposta, o Projeto de Lei do Senado visa igualar os jogadores de eSports aos outros desportistas e também trazer mais oportunidades de crescimento da atividade no país; fica evidente a intenção de Rocha em especificamente atrair empresas e investidores que teriam uma camada a mais de segurança, para patrocinar times brasileiros e claro, fazer mais dinheiro girar.

A bem da verdade, seria ingênuo acreditar que o governo brasileiro ficaria quieto por muito mais tempo sem buscar regularizar os eSports no país. Ainda que a proposta em si seja benéfica ao equiparar os jogadores profissionais (e não o jogador de LoL de fim de semana) aos demais atletas de outros esportes, o que em muito facilita a vida desses na hora de participar de torneios lá fora ou de admitir a entrada no Brasil de jogadores de fora para torneios (isso acontece, fato), por outro lado a regularização como prática desportiva oficial acabará por impor as mesmas regras das outras modalidades: times e clubes terão obrigações trabalhistas a serem observadas, atletas serão compulsoriamente ligados a associações e sindicatos que eventualmente recolherão impostos e taxas e claro, o governo no fim das contas também tirará a sua parte já que ele é o sócio que nunca perde.

E sendo direto, pelo governo observar os eSports como esporte per se e isso ser algo que muitos jogadores cobravam há anos (só não consideraram o outro lado), as chances do PLS passar são bastante altas: ele foi submetido à análise no dia 10/11/2017 às Comissões de Ciência, Tecnologia, Inovação, Comunicação e Informática e de Educação, Cultura e Esporte — esta sendo a responsável por dar a palavra final. Uma vez aprovado sem emendas ele seguirá para apreciação no Plenário, caso passe ele será submetido à Câmara e posteriormente, à sanção do presidente Michel Temer. De qualquer forma não há datas para quando tal projeto será posto em pauta, visto que o governo federal tem outros assuntos a tratar com mais prioridade como a reforma da Previdência.

Por enquanto a opinião do público está bem dividida: no momento em que esta matéria foi redigida 2.362 pessoas são a favor da regulação e 2.098 se manifestaram contra. E você, o que acha?

Fonte: Senado Federal.

Relacionados: , , , ,

Autor: Ronaldo Gogoni

Um cara normal até segunda ordem. Além do MeioBit dou meus pitacos eventuais como podcaster do #Scicast, no Portal Deviante.

Compartilhar
  • 𝓐𝓿𝓸𝓱𝓪𝓲

    O Estado brasileiro querendo estragar tudo o que dá certo.

    • Assim como o Uber aqui em Campinas, que mês que vem defecarão regras, como a de “não poder parar em vias públicas”…. ou seja, não poderão parar na calçada, terão de entrar na garagem quando houver…

      • EmuManíaco

        em sao paulo nao vai poder usar camiseta. serio mano vai tomar caju.

        • Ivan

          Nem trabalhar em SP se a placa não for de SP, que maravilha né?

          • EmuManíaco

            ja ja proibem aluguel de carro

          • Ivan

            Queriam além de tudo o carro tinha que estar no nome do motorista.

        • E terão um imposto anual de 3.500, caracterizar o carro e fazer uma série de cursos obrigatórios…

          …acho que sentirei gás lacrimogênio novamente…

          • Pancho, solo Pancho

            @ericmacfadden:disqus to precisando montar um hackintosh, lembro que vc manja desses paranauê… podemos trocar uma ideia?

          • Não aconselho isso pra ninguém….. odeio MAC, é uma porcaria sem tamanho, inclusive pra vídeo… Uindão faz o mesmo com mais possibilidades…

            Mas não manjo de Hackintosh não, usei umas três vezes só…. perdia mais tempo no Finder do que editando…

          • Pancho, solo Pancho

            Valeu irmão

          • Sergio Fagundes

            Se quer ser diferente vai de linux com kdenlive e gimp. E não precisa nem pagar nada.
            Senão tira a porra do escorpião do bolso e compra um windows e paga a mensalidade do creative e seja um trabalhador feliz.

          • Pancho, solo Pancho

            Na verdade tenho 3 máquinas… 1 pc e 2 macs mas tá foda com compatibilidade de armazenamento…
            Pensei em fazer um hackintosh num pc novo e virtualizar um timemachine no antigo.

          • Anayran Pinheiro

            Procura no youtube um canal chamado Snazzy Labs que o cara faz umas aventuras bem doidas com Hackintosh, rola de aprender legal com ele (e pesquisando por fora o que ele não fala também)!

          • Zalla

            um curso de 40 reais..um só..não uma série…e todo feito pela internet…e não tem imposto anual nenhum….

          • Aqui terá…. coisa do radialista viciado em maquiagem (te cuida Macron!) imbecil que elegeram….

          • Lui Spin

            Elegeram e reelegeram.

            Logo após a eleição fechou a UPA do centro, aumentou o valor da tarifa de ônibus quase 19% (ou seja, deu a inflação e mais uns 9% de aumento real), etc.

        • Zalla

          já fui Uber, nunca usei camiseta, custa usar uma polo, ou uma camisa social curta….se no meu trabalho sempre me vesti assim, pq que vou me vestir mal no meu outro trabalho, tinha cara que trabalhava de agasalho…se liga

          • EmuManíaco

            custa. custa a pessoa nao querer usar.

  • Epaminondas

    Felizmente o Estado brasileiro resolveu se ocupar de um tema importantíssimo. Você acredita que, até hoje, ninguém jogou videogame esperando esta regulamentação?

    Obrigado, burocratas! Vocês salvaram o Ocidente mais uma vez!

    • RandomUser

      ” isso ser algo que muitos jogadores cobravam há anos”

      Talvez os jogadores tenham razão de querer cobrar tal coisa… já foi perguntar para eles? 😉

      • bruno torrente

        Se o cara cobra burocracia é para vender facilidade.

        Ou seja puro loby, e daqueles bem ranhosos.

  • Germano

    Tem algum novo imposto ai no meio, ou a intenção pelo menos. Pode escrever.

    • RandomUser

      Imposto novo para indústria de milhões? Talvez tenha…
      Talvez seja egoismo meu, mas eu prefiro que eles paguem, e não eu. 😛

      • Ivan

        E os pequenos que se fodam né?

        • RandomUser

          Acredito que os pequenos neste caso são beneficiados. Teria que ler a lei né… (mas se os jogadores estão apoiando, e eles são os pequenos nesta história…)

          • Ivan

            Pra quem mal tem dinheiro pra comprar um pc bom pra jogar ou viajar qualquer taxa é ruim.

    • Caipiroto, o Capeta Caipira 😈

      Nem precisa, só ter que recolher obrigações trabalhistas já vai tirar uma grana dos times (e por consequência dos jogadores).

  • Gustavo Luizon

    Eu queria não ter o que fazer, como nossos políticos.

    • DanielBastos

      Eu queria trabalhar no horário de Brasília.

      De 3° a 5° só de tardinha.

      • Francis Schonarth

        Errado, o horário aqui geralmente é no turno da manhã pra ter a tarde livre. 😉

        • Teclado sem acento

          Fui estagiario na Camara dos Deputados e eh basicamente o que rola la. O servidor contrata dois estagiarios, um trabalhando de manha, e outro de tarde. Ai ele passa nas quintas-feiras pra bater o ponto da semana inteira, “das as caras” e fazer alguma reuniaozinha com os outros servidores (que tb soh aparecem nesse dia). E claro, os estagiarios deviam informar o dito servidor caso alguem aparacesse procurando por ele, e dizer ao procurante que o servidor estava fora, em uma reuniao ou treinamento.

  • EmuManíaco

    O que eu posso falar? Saiam e abandonem esse país enquanto podem.

    • Gesonel o Mestre dos Disfarces

      Mas não vão para os EUA: arizonalawreview.org/pdf/57-3/57arizlrev823.pdf

      • Ivan

        Adoradores de burocracia existem em qualquer lugar, alguns lugares menos outros mais.

        Mas de verdade assiste esse video aqui e veja como a burocracia gera desemprego.

        https://www.youtube.com/watch?v=A7Wm2VZ4ex0

        • Gesonel o Mestre dos Disfarces

          “estudantes pela liberdade”. tem um canal menos enviesado não? posso esperar.

          E como anda o BOOM de empregos na somália?

          • Ivan

            Viu o video ou só pegou viu quem TRADUZIU?

            Já acabou a guerra por lá?

          • Gesonel o Mestre dos Disfarces

            O vídeo é tendencioso, como TODO material dos liberalecos. infelizmente não salva um.

            A guerra por lá mata menos gente que o cotidiano daqui. não é porque uma declaração de paz não foi assinada formalmente que a guerra continua a todo vapor. a melhor e a pior coréia ainda estão em guerra. tem lido muitas notícias sobre batalhas por lá? Arruma uma desculpa melhor, e aceita que estado mínimo é Somalisse.

          • Ivan

            Tendencioso pq? ah pq foi traduzido por um grupo de direita? Isso invalida em que?

            Guerra na Siria mata menos que no Brasil e vai me dizer que está tudo as mil maravilhas por lá?

          • Jorge Dondeo

            Desiste não adianta, ele é binário como a maioria dos BR, pra ele ou é zero estado ou cuba, não existe meio termo.

          • Gesonel o Mestre dos Disfarces

            Claro, porque gente dando xilique com a palavra “regulamentacão” ao invés de debater a viabilidade e praticidade (sim, falo exatamente de vocês, liberalecos) não é nada binário.

          • Jorge Dondeo

            Não falei que tu é binário, polarizado como a maioria dos BR, se o cara fala mau do lula, automaticamente é tucano, se o cara não curtiu um discurso do obama, automaticamente é trumpista, se o cara não gostou de um regra ou lei, ou a forma como ela foi aplicada, automaticamente é “libereco”, e por ai vai… Da uma preguiça essa mentalidade…

          • Gesonel o Mestre dos Disfarces

            porque tendencioso: se utiliza de espantalhos (paralelismo torpe entre venda de armas e livros? sério?) desconsidera riscos ambientais no caso de balões (e pressupõem uma motivação comercial, o que não se prova), e por aí vai. e olha que eu só passei o olho no vídeo, se eu quisesse analisar ele a fundo, ia ter que escrever um livro! rs!

            Quando ocorreu batalha mais recente na somalia?

          • Ivan

            Que espantalhos cara? governo não deixa o cara abrir uma loja na garagem de casa e vc deve achar isso certo né?

          • Ivan

            O video que passei foi esse? Por que Chuck não consegue abrir o seu próprio negócio?

          • Ivan

            E lhe pergunto o que seria melhor pra economia.

            A)Ter uma alta burocracia em que demora meses para abrir uma empresa precisando passar por varios orgãos diferentes, gastando tempo e dinheiro no processo.

            B)Gastar 1 dia indo em poucos lugares e gastando quase nada.

          • Gesonel o Mestre dos Disfarces

            A opção B não implica em menos estado. Noruega, Dinamarca, Austrália que o digam.

          • Ivan

            Meu zeus, gloria a Odin, e todos os outros deuses, prefere menos regulamentação a mais regulamentação, ta quase um anarco kkkk

          • Ivan

            Implica sim cara, menos Estado é menos burocracia que é decorrente da regulamentação, se o Estado intervem menos logo ele esta menos presente.

          • Gesonel o Mestre dos Disfarces

            você faz uma falsa correlação. temos exemplos reais de países com grandes estados e burocracia (no sentido de entraves por meio de papeladas) menor.

          • Ivan

            Como já falei Liberdade economica são varios itens, burocracia é um deles.

          • Ivan

            https://g1.globo.com/mundo/noticia/numero-de-mortos-em-ataque-na-somalia-passa-de-350.ghtml

          • Gesonel o Mestre dos Disfarces

            Um atentado, que não foi visto pela comunidade internacional como ato de guerra. Tanto é que, na própria notícia que postou, o primeiro ministro somali declarou um estado de guerra. Ué, mas já não tava? 😀

          • Ivan

            Como vc sabe ou deveria saber fontes que o wikipedia usa está na parte de baixo do site caso queira consultar.

            https://pt.wikipedia.org/wiki/Guerra_Civil_da_Som%C3%A1lia#Guerra_na_Som%C3%A1lia_(2009-presente)

          • Ivan

            A guerra começou em 1991, a ultima eleição democratica foi em 1969, tinha um ditador lá, não vejo como um governo que controla tudo guiado por um ditador transformou a Somália em uma potencia mundial, afinal ele comandava tudo Estado a 100% é sinonimo de bem estar social.

            Sim, o pais está em guerra, não é pq não se ve nos jornais que não existem mais conflitos, um pais com ataques constantes, vc realmente acha que alguem investiria lá? qual a segurança que as pessoas tem em produzir e comercializar?

          • Gesonel o Mestre dos Disfarces

            Quem pode garantir essa segurança? um estado? que quase inexiste lá?

          • Ivan

            Estado garante segurança? Siria, Iraque e Afeganistão que o digam.

          • Gesonel o Mestre dos Disfarces

            Livre mercado é que não vai garantir.

          • Ivan

            Claro pq livre mercado se beneficia de conflitos, nada melhor pra produzir e vender que em uma guerra né?

            Essa foi a melhor resposta que conseguiu? KKKK

          • Gesonel o Mestre dos Disfarces

            E tem alguma melhor? quem pode assegurar alguma ordem social ali que não um estado? o mercado se aproveita da desgraça das pessoas – imagina quando é livre.

          • Ivan

            Ali é dificil hein, mas falta de Estado não quer dizer desordem.

            Mercado se aproveita da desgraça das pessoas? explique.

          • Gesonel o Mestre dos Disfarces

            https://www.terra.com.br/noticias/brasil/cidades/preco-da-agua-sobe-ate-400-apos-enchentes-em-itajai,a23a55e5c56fa310VgnCLD200000bbcceb0aRCRD.html

          • Ivan

            Em alguns casos isso acontece, mas o que tem a ver em um pais em guerra? como comerciantes, vendedores, produtores, empresarios em geral tirariam vantagem de um pais em guerra? Que empresa iria investir na Somalia?

          • Gesonel o Mestre dos Disfarces

            O que garante segurança, na sua opinião? 🙂

          • Ivan

            Em partes a policia.

          • Gesonel o Mestre dos Disfarces

            Logo, o estado. 🙂

          • Ivan

            E?

          • Ivan

            Tipo a Venezuela que protege seus cidadãos?

          • Gesonel o Mestre dos Disfarces

            Ou a somália, que não?
            Percebe como sua retórica é vazia?

          • Ivan

            No caso da Venezuela é o Estado matando povo, mas como é o ditador de estimação da esquerda vc não ve reclamação né?

          • Ivan

            Esqueci o links
            https://g1.globo.com/mundo/noticia/somalia-e-um-dos-paises-com-ataques-terroristas-no-mundo.ghtml

          • Ivan

            Parabéns por confessar que não le nada que não for cartilha da esquerda.

    • Já tentei, mas o Canadá me achou velho demais…

      • EmuManíaco

        chile, portugal, espanha.,irlanda, coreia do sul, australia e irlanda são uma boa opção.

      • Diego Ernani

        mesmo problema =;/

    • Os times profissionais com brasileiros já estão em outros países.

  • Caramba, com tanta coisa muito mais importante pra discutir/ regulamentar eles estão propondo isso? Realmente ser político no Brasil é muito fácil.

    • DanielBastos

      Tem coisas sim. Mas o Cardoso já explicou o problema e poupou meu tempo:

      https://contraditorium.com/2017/08/01/transformar-funk-em-crime-culpa-nao-e-dos-politicos-e-sua-obama

      • Ivan

        Acho que essa não foi iniciativa popular, ou foi?

        • Consta que os próprios times daqui já cobravam por uma regularização do setor.

          • Ivan

            Sim, mas falo daquelas que vc pode fazer no site do Senado e as pessoas votam nela.

          • N passou pelo E-Cidadania não. Como é um PLS (Projeto de Lei do Senado) apresentado por um parlamentar, não é uma ideia de cunho popular.

        • DanielBastos

          Tenho quase certeza que foi.
          Eu lembro de ter lido alguma proposta de e-sports lá faz um tempo.

          • DanielBastos

            @RonaldoGogoni:disqus, @disqus_nPVKnny5Qy:disqus
            https://www12.senado.leg.br/ecidadania/visualizacaoideia?id=91678

            Ronaldo tem razão. Tem uma proposta lá. Mas parece não ser a mesma.

  • PauloCartase

    O Brasil é patético.

    • Gesonel o Mestre dos Disfarces

      pode-se dizer que o mundo é, afinal regulamentação de e-sports não é só aqui.

      • Ivan

        O mundo é patetico nisso.

  • kenji

    Tenho duas hipóteses sobre. Uma é aumentar a arrecadação de impostos a tudo relacionado a e-sports, como torneios, ingressos, streams, tráfego de dados, etc.
    Outra é que algum filho ou sobrinho de algum dos políticos envolvidos é jogador ou sócio de equipe.

    • Ivan

      Lulinha

      • Gesonel o Mestre dos Disfarces

        Lulinha, o dono de tudo, kkkkkkkk!

        • Ivan

          Deve ser da esposa dele né?

          • Teclado sem acento

            Eh do amigo da familia**

          • Gesonel o Mestre dos Disfarces

            Ou daquele primo que qualquer coisa a gente mata, e tal… 😀

          • Gesonel o Mestre dos Disfarces

            Ela é dona da JBS e da oi? ah, não é, né?

            Mas de fato, começou com um gol 1.0 e em quatro anos ganhou milhões! 😀

          • Ivan

            Isso sim é empreendedor, vende até consultoria retirado do Wikipedia que rendeu R$ 2,5 milhões, depois falam mal dos empreendedores, se o Brasil tivesse mais gente como esse cara seriamos potencia mundial.

          • Gesonel o Mestre dos Disfarces

            Se não sabe, falei de um dos filhos do bolsonaro, ao final do meu comentário. Xeque.

          • Ivan

            AI meu delz ele falou mal do bolsonaro, vou ali no canto chorar bua bua, não fala mal do mito
            HAUEHAUEHAUEHaueh

            Pode falar mal de quem vc quiser, bora falar mal do bolsonaro do Aécio, do Doria, de quem vc quiser cara, não tenho bandido de estimação.

          • Gesonel o Mestre dos Disfarces

            será? por que quando fala de corruptos só escolhe UM partido? 🙂

          • Ivan

            Pq era o partido que estava na presidencia e que mais tinha esquemas?

          • Bolacha

            Tbm pode falar mal de NOVO, LIVRES, Mises, Escola Austríaca e de Chicago e suas ideologiazinhas utópicas de Laissez-faire que não deram certo em lugar algum na história da humanidade?

          • Ivan

            Se tiver argumento pode descer a lenha

          • Bolacha

            Não deram certo em lugar algum na história da humanidade

          • Ivan

            Socialismo não deu certo mesmo

          • Bolacha

            Tbm

          • Ivan

            Pelo jeito diminuição do Estado na Nova Zelandia deram bons resultados.

            Rolling Back Government: Lessons from New Zealand

            http://www.waynedaniel.net/images/Document1.pdf
            Traduzido
            https://www.mises.org.br/Article.aspx?id=2260

          • Gesonel o Mestre dos Disfarces

            porque tendencioso: se utiliza de espantalhos (paralelismo torpe entre venda de armas e livros? sério?) desconsidera riscos ambientais no caso de balões (e pressupõem uma motivação comercial, o que não se prova), e por aí vai. e olha que eu só passei o olho no vídeo, se eu quisesse analisar ele a fundo, ia ter que escrever um livro! rs!

          • Ivan

            E onde é espantalho no caso da arma e dos livros? A regulamentação pros dois é igual, quando comparou jogadores de esporte com jogadores de futebol não teve espantalhos.

          • Gesonel o Mestre dos Disfarces

            Onde no mundo ocidental que a regulamentação par armas e livros são IGUAIS? Onde que um jogador processou um clube por não ter passado na peneira?

          • Ivan

            Meu deus cara, vc tem deficit de atenção? ou faz leitura seletiva, assiste o video ele fala onde é igual cara, ali são casos reais de regulamentação, agora se vc quer ignorar informações pra gerar espantalhos não posso fazer mais nada.

          • Ivan

            Acredite ou não em Los Angeles.

          • Gesonel o Mestre dos Disfarces

            uma anedota, portanto, e que não justifica a ojeriza a toda e qualquer regulamentação.

          • Ivan

            Pqp cara, quando não quer aceitar é foda…. ninguem falou que isso acontece no resto do mundo só demonstra como idiotas e prejudiciais regulamentações PODEM ser, o video inteiro é sobre isso.

          • Ivan

            vc pode ter balão pra vender carro ou sem uso comercial, mas não pode anunciar moveis com balões? qual a logica disso?

          • Gesonel o Mestre dos Disfarces

            …e cherry-picking! rs!

          • Ivan

            esperando vc explicar essa brilhante regulamentação, ou aceitar que nem toda regulamentação é boa.
            Como no caso de proiberem carne em restaurantes nas segundas feiras em orgãos publicos….

      • Lui Spin

        Depois que um limpador de fezes de elefante, montou uma empresa e que teve injeção de dinheiro da Telemar quando seu pai era presidente, eu não desconfio de mais nada.

        Aliás, a empresa se chama Gamecorp.

    • DanielBastos

      Ambas?

  • Ivan

    Nada como burocratizar algo que funciona muito bem sem o Estado interferindo.

    • Giovane

      Não funciona, os jogadores sofrem uma inseguraça juridica e trabalhista. Eu ajudo jogadores profissionais com pedidos de visto e negociações com times. Não é incomum um jogador vencer um campeonato e receber o premio meses atrasado, o time simplesmente não pagar transporte e estadia, falta de acompanhamento psicologico e medico, etc.

      • Rafael Carvalho

        Então desburocratize, barateie, estimule e outras medidas de fomentação que outros times entraram no meio e farão a coisa cada vez melhor – inclusive melhor do que o que o estado propõe -. Ilusão achar que o governo se preocupa com o bem-estar de alguém além dele próprio (políticos)…

      • Ivan

        Um contrato com o time não resolveria isso?

      • bruno torrente

        Se um contrato normal não resolve imagina um trabalhista, por sinal como ficaria isso para extrangeiros, so de imaginar da urticária :).

        Bastava criar um “selo” juridico / qualitativo com seguro embutido e nada de burrocracia sera necessaria, mas da trabalho melhor então claro apelam para o estado e sua bala magica como sempre .

        Não que seja seu caso claro.

      • Lui Spin

        Faz contrato, e se não cumprirem, processa.

        Divulga na internet o nome das empresas que não cumpre com o combinado.

        Etc.

  • Caipiroto, o Capeta Caipira 😈

    Rezem pra não enfiarem um Conselho Regional dos Jogadores de e-Sports aí no meio, pra recolher anuidade de jogadores e times, além de todo o resto de carga tributária que já vem embutidas.

    • Ivan

      não de ideias.

      • Caipiroto, o Capeta Caipira 😈

        Mas veja pelo lado bom. Se forem benevolentes que nem o meu conselho, em troca da sua nada barata anuidade, vão te enviar uma revista… Trimestral…

        • Ivan

          Só vai poder jogar quem paga a anuidade?

          • Caipiroto, o Capeta Caipira 😈

            Profissionalmente, sim. Conselhos tem poder de vetar o exercício da profissão a profissionais em situação de irregularidade com as normas internas do sistema.

            Dá pra inclusive ser enquadrado em crime de exercício ilegal da profissão.

          • Ivan

            que maravilha hein….

          • cloverfield

            Imagina você lá de boa em casa jogando quando uma equipe tipo Swat derruba a sua porta e te leva em cana.

          • Ivan

            Vc para numa blitz policial de rotina e descobre que tem um mandato de prisão contra vc pq jogou uma partida rankeada sem pagar o conselho de jogadores profissionais.

          • cloverfield

            “Nunca vão me pegar com vida, tiras!”

    • Zalla

      já deve ter sindicato..

      Editado: já tem..sindicato dos gamers

      • Lui Spin

        Triste saber que uma coisa que é “nova”, envolve jovens, tem uma mentalidade antiga.

        • Zalla

          Mas a lei do sindicato é assim, toda vez que surge uma nova categoria profissional, quem chegar priumeiro e registrar um sindicato ganha…e ganhava junto uma penca de dinheiro, agora que acabou a contribuição, vamos ver se agora quem criar o sindicato realmente se interessa pela categoria

  • Legal. Semana que vem você não vai poder mais jogar aquela raqueada com seu time de amigos fechado porque caracteriza “time de eSport”…. que bela bosta esse governo BR….

  • Ivan

    “o combate a práticas discriminatórias que impeçam a entrada de atletas no meio independente de gênero, etnia, condição financeira ou qualquer outra característica;”

    Dai um time não contrata um noob e ele processa o time

    • Gesonel o Mestre dos Disfarces

      Bom, tem visto muitos casos de jogadores de futebol processando clubes por não passarem na seleção de jogadores? 😀

      • Ivan

        Base legal agoras ele possuem, pelo menos no e-sporte, se bem que agora homens podem jogar nas modalidades femininas.

        • Gesonel o Mestre dos Disfarces

          Não discutirei com simplismos e reducionismos.

      • Ivan

        A regulamentação dos 2 é igual nesse quesito?

        • Se passar, será igual.

        • Gesonel o Mestre dos Disfarces

          Poderíamos discutir qualitativamente a regulamentação, acho excelente. O problema é que o único argumento que vejo aqui é: regulamentar é ruim, não importa como.
          Mas voltando à sua hipótese: quais aspectos da regulamentação desta matéria respalda a situação descrita por você? quais elementos inexistem em outros esportes (podemos manter no futebol, para praticidade) e que por isso não existem neles?

          • Ivan

            Pode começar.

          • Gesonel o Mestre dos Disfarces

            Já comecei lhe fazendo perguntas. volte e releia meu comentário. 🙂

  • mr_rune

    Coitados dos jogadores. Vão tomar imposto e taxa sindical e contribuição de conselho até o cu fazer bico. Mais um vôo de galinha desse país medíocre.

  • Ivan

    “A ideia do governo da economia poderia ser resumida em algumas frases curtas: ‘mova-se, taxe-se e continue se movendo, regule-o e, se ele parar de se mexer, substitua-o’”.Ronald Reagan

  • Nobruca

    Regulamentar algo significa apenas uma coisa: dar dinheiro para o governo – que é o único que se beneficia da regulamentação. As empregadas domésticas que o digam.

  • Humberto Jorge

    Em breve o Sindicato dos Jogadores do e-Sports irá surgir, tenho medo.

    • Gesonel o Mestre dos Disfarces

      Sindicato pode ser bom, acredito que sua preocupação seria com relação a um Conselho Federal.

    • Ivan

      Agora que não é obrigatório pagamento ao sindicato pode até surgir mas se não prestar não vai pra frente.

  • Até hoje não entendo essa parada do “cuidado, PDF” nos textos. Imagino que seja alguma piada interna, correto?

    • Gesonel o Mestre dos Disfarces

      Mais ou menos. o formato é vulnerável a exploits e vírus.

      • Ah tá. Não sabia, valeu.

        • bruno torrente

          Pior que piada de longa data.

          O problema do PDF se arrasta desde sempre, ex de texto no meiobit ( sim 2006 )

          http://meiobit.com/8541/vulnerabilidade-em-arquivos-pdf/

          Mas menção cuidado PDF vem desde 2012 pelo que pesquisei.

          http://meiobit.com/102875/rede-globo-coi-e-a-olimpiada-tecnolgica/

    • Davos, o lord cebolito!

      Sempre me questiono quanto as piadas internas do meiobit, porque gosto de especular, não quero saber o que realmente significa. O esquema de usar os termos “Melhor” e “Pior Coréia” deve ter nascido por aqui também. e essas alcunhas estão começando a se popularizar!

    • Teclado sem acento

      Nao eh uma piada, eh um aviso.

      Tem muito leitor que acessa o site pelo celular, e eles avisam justamente para nao clicar achando ser um link e de repente, o celular fazer um download de um pdf de 20mb, comendo a franquia de dados do pobre coitado,

  • Ivan

    Pode tirar do texto que será compulsório a ligação com um sindicato, agora é opcional.

  • Antonio Lima

    Eu achava que o governo classificava videogame como “jogos de azar”.
    Na prática, não estão regulamentando os jogos de azar?

    • Gesonel o Mestre dos Disfarces

      por um raciocínio rápido aqui, isso seria respaldo legal para tacitamente deixar de considerar videogame como jogo de azar. teriamos que ver a jurisprudencia disso.

      • bruno torrente

        Na verdade aqui tem um erro de entendimento, essa questão de “jogos de azar” se deve a classificação

        NCM 9504.50.00 para os consoles, ja os games fisicos estão classificados em NCM 8523.49.90 quase como cds de musica e midia.

  • Josué Silveira dos Santos

    Imagina uma CBF dos eSports

  • bruno torrente

    Deixa ver se eu entendi, o mesmo estado que trata jogos da mesma forma que caça niquel, que culpa crimes usando Jogos ditos violentos, vai legislar sobre o mercado de ESports.

    Claro que vai dar certo amiguinho, o que poderia de mal sair desses santos homens sabios 😉

  • Lui Spin

    Regulamentação…

    Pior que o brasileiro médio adora isso. Acha que o que não está “regulado”, é proibido, está ilegal, etc.

  • Meganegão

    É! Agora sou atleta amador. Academia pra que?

  • Jorge Dondeo

    Caraca, tu não pode dar um peido sem que um burocrata queira regular…

    • Pelé Amarelinhas

      Pelo jeito os “atletas” terão que pagar impostos, esse país é uma piada.

      • Jorge Dondeo

        Pior que é uma piada que ta ficando sem graça já. AO menos tem a Venezuela para me consolar, não estamos tão mau assim.

  • brunodmjr

    Ronaldo, tenho pena de você as vezes. Deve ser difícil escrever um bom texto e ver o pessoal deturpar a informação, principalmente com devaneios políticos de direita/esquerda, fazendo com que “Meu pai, sua mãe, minha tia na janela” vire “Meu pai e sua mãe metia na janela”.

  • Denis Luna Borges da Silva

    Daqui a pouco vão querer regulamentar até a profissão de comentarista de portais de tecnologia.

  • Diego Ernani

    o governo vai estragar mais uma coisa =/

Aproveite nossos cupons de desconto:

Cupom de desconto Asus, Cupom de desconto Frio Peças, Cupom de desconto Mundo da Carabina, Cupom de desconto JBL, Cupom de desconto Costa Cruzeiros, Cupom de desconto Loja do Mecânico, Cupom de desconto Staples