Outro rival do Raspberry Pi: Rock64 (teoricamente) traz 4K e HDR10 por US$ 25

O Raspberry Pi é uma ferramenta e tanto. Embora não seja o mais indicado para quem quer brincar com microcontroladores (não deixe de acompanhar o nosso cursinho de Arduino), o diminuto microcomputador é flexível a ponto de permitir que usuários com pouco conhecimento o utilizem das mais diversas formas, de desktops simples a plataformas de desenvolvimento flexíveis, máquinas de emulação e estações multimídia a projetos sérios de gente muito grande.

Claro que a concorrência não ficaria quieta por muito tempo: a ASUS introduziu o Tinker Board, um produto similar que apesar de mais caro é compatível com 4K; já o HiKey 960 da Huawei perdeu o foco e passou longe, com uma plaquinha de smartphone de ponta com preço altíssimo; a desculpa da fabricante (e do Google, sua parceira no projeto) é de “oferecer uma plataforma para desenvolvedores Android” mas convenhamos, nem mesmo eles vão gastar US$ 239.

No entanto é a praticamente desconhecida Pine64, uma montadora chinesa que está trazendo um produto que tem potencial para tirar o sono da Raspberry Pi Foundation se o Rock64 Media Board Computer for de fato o que diz ser: um computadorzinho com 4K e HDR10 mais barato que seu rival.

Em alguns aspectos o Rock64 é similar ao Raspberry Pi 3, mas com mais recursos: ele conta com um SoC Rockchip RK3288, quad-core Cortex-A53 com clock de 1,5 GHz e GPU Mali-450MP2 (chip geralmente usado em dispositivos Android TV e não é o mesmo presente no Tinker Board, que é quad-core um Cortex-A17 de 1,8 GHz), 1, 2 ou 4 GB de RAM (a gosto do freguês), duas portas GPIO de 40 pinos e 22 pinos (o Pi 3 tem apenas a de 40), entrada para cartão Micro-SD de até 128 GB, slot para memória eMMC e saída de 3,5 mm para áudio de vídeo composto.

As principais características do Rock64 repousam em suas portas: duas USB 2.0, uma 3.0, uma HDMI 2.0 que o fabricante JURA ser capaz de transmitir imagens em 4K a 60 fps e HDR10 compatível com HLG e uma Ethernet Gigabit, para conexões velozes. Infelizmente ele não conta com Bluetooth ou Wi-Fi, diferente do Pi 3. Outro ponto negativo é que a conexão de energia utiliza o plug clássico coaxial e não uma porta Micro-USB, portanto nada de usar fontes de smartphones embora a alimentação seja a mesma (5 V/3 A).

Codecs compatíveis? 4K VP9, H.265, H.264, 1080p VC-1, MPEG-1/2/4 e VP6/8.

A princípio é difícil acreditar que um computador desse tipo possa entregar tanta coisa, ainda mais com a promessa da Pine64 de que o Rock64 é compatível com Android 7.1 Nougat, Debian e Yocto e poderá suportar mais SOs no futuro. A comunidade em geral está bastante cética, mas como ele começará a ser despachado a partir do dia 31/07 não demorará muito para sabermos do que ele realmente é capaz.

Mais impressionante ainda é um dispositivo supostamente 4K e HDR10 custar tão pouco: o modelo com 1 GB de RAM, o mesmo tanto disponível no Raspberry Pi 3 custa apenas US$ 25, ou 10 dólares a menos. Pelo mesmo valor do concorrente você pode levar o modelo com 2 GB para casa, ou adicionar mais US$ 10 e fechar com o de 4 GB.

Caso o Rock64 venha a entregar tudo o que promete será ótimo para o mercado: a Raspberry Pi Foundation será forçada a melhorar ainda mais seu carro-chefe, e no futuro poderemos ter não só um Pi mais potente pelo mesmo preço como a linha Pi Zero será muito beneficiada, contando com melhores configurações por valores irrisórios. No fim nós sairemos ganhando.

Fonte: TechRepublic.

Relacionados: , , , , , , , , , , , , , ,

Autor: Ronaldo Gogoni

Um cara normal até segunda ordem. Além do MeioBit dou meus pitacos eventuais como podcaster do #Scicast, no Portal Deviante.

Compartilhar
  • Patrese renan

    Excelente post! Bacana de ler, ressaltando informações pertinentes sobre o produto.

  • Eduardo Martins

    Pena que cada dez esta mais dificil encontrar uma TV de qualidade sem ser smart TV, ou seja, mesmo com uma plaquinha destaa, apple tv, chromecast entre outros, voce eh obrigaado a comprar uma smart tv que nao vai utilizar. Gostaria de comprar de 4K HDR sem nada disso instalado.

    • Dou uma e se for bom dou mais

      É a ideia da obsolescência programada. SmartTVs são mais fechadas e tem menos atualização, com o tempo você se vê obrigado ou a comprar outra ou colocar um box/cast para substituir as funções que ela já não vai conseguir prover.

    • Zalla

      em breve esse dificil se tornará em impossível, não interessa colocar uma boa tv em uma dumb tv, as tvs baratas tme tudo barato, tela, som , etc

  • Hulk de Diadema

    Será que rola delo rodar um emulador de GameCube e PS2?

    • Tiago Felipe de Sousa

      PS2 duvido! aqui com com haswell i5 alguns jogos peidam…mas o game cube e o WII devem rodar.

      • Germano

        Nao entendo isso… as maquinas que tenho em cada rodam bem emulação de PS2, mesmo a mais velha que citei em outro comentario, mas Gamecube e Wii sem chance. Sei la, talvez faltasse eu mexer um pouco mais em configs…?

        • O gamecube já tinha um hardware melhor que o PS2 , mas tinha menos jogos, o Wii era um pouco melhor que o gamecube, consequentemente sua emulação é mais pesada. Fora que emulador de PS2 tem muitos anos de emulação, então já otimizaram muito esses emuladores, o do wii/gamecube é mais recente.

          • EmuManíaco

            Dolphin (wii e GC) tem 13 anos de idade, PCsx2 tem 15 anos de idade. E não mesmo o emulador de PS2 sendo mais antigo ele não é melhor que o dolphin. O dolphin é mais rapido, emula sem usar hacks absurdos e é considerado um dos melhores emuladores hoje do mercado. Os melhores são Higan/Bsnes (snes) , Mednafen Psx/saturn e PPSSPP PSP

        • EmuManíaco

          Gamecube e Wii rodam bem até em notebook. Tem que escolher directx12 pra ter aumento entre 40 e 60% de performance.

      • EmuManíaco

        Wii e GC da pra rodar em um celeron/Pentium G de 4a geração tranquilamente usando directx12. Ps2 precisa de gpu off board pra rodar bem. qualquer i3 acima de 3.2ghz roda de boa

    • Michael Loeps™

      Como o tiago disse, mesmo com máquinas parrudas não é fácil emular o ps2. Mais fácil pegar um na olx, meter open loader e rodar os jogos via lan

      • Germano

        Minha experiencia me faz concordar parcialmente com os dois pontos. O Open PS2 Loader é uma mão na roda, mas deu um lag tremento em algumas partes de alguns jogos que já joguei usando ele, mesmo via lan (Haunting Ground por exemplo), fora alguns glitches. Quanto a emulação, meu PC antigo (Core 2 Quad, 4G ram, Radeon HD 4850 c/ 512M) ja roda bem o emulador de PS2 mas não fiz mais do que experimentar, não joguei nenhum jogo ali de ponta a ponta.

    • Batimizeravi

      PS2 acredito que não, precisa de um bom PC pra rodar, GameCube é pesadinho também pra um ARM…

    • Rafael Rodrigues

      PS2 acho sem chance…

    • EmuManíaco

      esquece ps2 em arm pelos proximos 4 anos.

  • Gabriel Schanuel

    Não confio mais na Pine64.
    A primeira placa tinha muito potencial também porém o desenvolvimento do SO para ela ficou totalmente a cargo da comunidade.
    Outra coisa importante.. o que adianta ter 4K se não tem som 5.1?

    • Claudio Torres

      De que adianta 4k e 5.1 pra ver 1080p?
      Bricnandeira a parte. Talvez seja pelo 4K ser um chamariz de um processamento parrudo.
      P.s. 4k é o 3D ou HD do memento.

  • Xultz

    Eu estava lendo comentários no cnx-software, que já possui uma amostra e está fazendo testes, e me parece que os resultados são positivos. O processador é feito para Android TVs baratos, logo ele tem bastante recursos para video (como a capacidade de 4K), mas o processador não é tão bom para processamento de outras coisas (comparado com modelos voltados para isso). A porta Gigabit e a USB3.0 possibilitam a utilização como NAS, e a escolha do conector de energia foi acertadíssima, porque a maior parte dos problemas da RPi3 reside no fato de usar o conector USB, o que leva a usuários usarem cabos porcaria com fonte mais porcaria ainda e deixando o sistema instável. O problema é comprar cabo bom no mercado local, é impossível saber se o que está sendo vendido é coisa que preste (ou seja, que atende a norma USB), o mais provável é que seja uma tosqueira barata qualquer.

    • Rafael Rodrigues

      Concordo em gênero, número e grau com o acerto em não usar micro-usb. Essa “feature” do RPi acabou causando problemas com usuários paraquedistas…

    • ditom

      Chamou-me atenção a ideia do NAS…

  • Dou uma e se for bom dou mais

    O que realmente falta é um Netflix API para linux. Isso poderia abrir uma porta interessante para multimedia boxes.

    • Dandalo Gabrielli

      Houve no passado distante, mas mataram por pressão dos studios em relação à pirataria

    • O (ex)Datilógrafo da AEB

      Nunca irá acontecer.

    • Nícolas Wildner

      É só instalar um navegador com suporte como o Chromium, e mandar abrir em Fullscreen.

      Bota um ícone bonito e chama de “App” e deu.

  • Da pra fazer um Media Box com isso? É muito complicado? Meu conhecimentos de informática se resumem a saber montar um PC, a única coisa que sei programar é o microondas e mesmo assim dá errado as vezes.

    • Felipe Braz

      Eu fazia isso com um roteador + openwrt, logo um desses vai servir com certeza.

    • Yskar

      Depende muito da adoção pela comunidade, caso não tenha adoção massiva quem comprar vai ter de se virar para dar suporte e fazer sua própria distro Linux.
      Quem sabe essa board seja o empurrão que você precisa para aprender Linux?

    • Xultz

      Muitíssimo provavelmente sim. O processador desta plaquinha é utilizado principalmente em set top box e media boxes, ele tem hardware voltado para decodificação de video e multimídia. É bastante provável que logo logo surja alguma distribuição voltada exatamente para isto.

    • Zalla

      por 50 dolares tem otimos media box androids pronto pra usar…uns do tamanho de um pendrive e ligam direto no hdmi da tv…

      • Alguma sugestão que você já testou?

    • Nícolas Wildner

      Com o Rpi3 eu já fiz ma Mediabox em casa com Retropie + Kodi e uma lista IPtv meio monstrinha. Ainda setei um server dlna no meu PC, e com plugins fica mel na chupeta.

      Fora isto, ainda tem as roms de Video Game de PS1, SNes, Mega, Master e NES…

      • Usando ele com Plex, mas processador pede agua pra decodificar alguns videos, ainda mais se tiver mais de um usuario acessando. Agora quero pegar outro e fazer de servidor torrent, salvando os arquivos no HD externo do 1o Rpi3.

  • O (ex)Datilógrafo da AEB

    O problema dessas placas é falta de interesse da comunidade. Raspberry ganha de todas por causa disso, o povo tira leite de pedra, mas consegue montar sistemas otimizados. Orange PI por exemplo, que é o concorrente mais bem sucedido do raspberry, tem uma comunidade ínfima, comparado com a da Raspberry PI.

  • O frete pra o Brasil está em US$ 30, quase o preço da placa com 2GB de RAM. 🙁

  • Nícolas Wildner

    Expectativa: Nossa, mais uma plaquina pra eu comprar e aprender sobre projetos IoT.

    Realidade: Foda-se. Instalei uns emulador aqui e já tá bão….

  • Pingback: Outro rival do Raspberry Pi: Rock64 (teoricamente) traz 4K e HDR10 por US$ 25 | Notícias Legais()

  • Danilo Trinchão

    Da para assistir a netflix? Qual versão linux seria mais recomendável para este microcomputador?

Aproveite nossos cupons de desconto:

Cupom de desconto Locaweb, Cupom de desconto HP, Cupom de desconto Descomplica, Cupom de desconto Nuuvem, Cupom de desconto CVC, Cupom de desconto Asus, Cupom de desconto World Tennis